Miniaturas do Site

Nesta vou apresentar miniaturas que correspondem aos carros antigos cujas histórias estão no site. São miniaturas em várias escalas, algumas muito antigas e raras. Outras comuns no comércio, mas não menos importantes. Algumas ganhei quando criança e outras adquiridas na fase adulta. Ótimo Hobby!

Os Ford Brasil

Na escala 1/43 da Coleção Carros Brasileiros

A história do Escort nas escalas 1/32, 1/43 e 1/64. Marcas Kinsmart, Bburago, Hotwheels e Matchbox

O Ford Corcel

Felizmente já temos o modelo nacional em Zamac (Elementos formadores da liga: Z (Zinco), A (Alumínio ), Ma (Magnésio) e C (Cobre).) . Em duas coleções vendidas em bancas que foram sucesso. As francesas Norev e Solido fizeram na escala 1/43 o modelo de quatro portas e o Break (perua). Pouco depois a Coleção Clássicos Inesquecíveis do Brasil lançou o Corcel cupê 1973 também na cor amarela, o Corcel II na cor branca, a Belina na cor laranja e o Del Rey na cor café com leite. Perfeitos! 

As miniaturas e o manual do Renault 12 para manutenção, bem detalhado com vários desenhos e esquemas vendido nas boas livrarias de Buenos Aires. Podia-se seguir o exemplo aqui. Vende muito bem.

A miniatura nacional e da coleção de táxis do mundo que não fez tanto sucesso por aqui infelizmente. Ambos bem feitos.

Picapes Ford

No catálogo da Matchbox em 1966 já constava a Ford Pick-up, vermelha, caçamba step-side, rodas esterçantes e imitação de capota de lona branca. Media 71 mm de comprimento. Anos mais tarde, em 1977, ainda estava lá só que era amarela, caçamba comum, com adereços de zoológico e um leão dentro de um vidro no lugar da capota. Era um Wild Life Truck.

A HotWheels Mattel fez uma F-150, modelo 1979, escala 1/60, caçamba longa, com capota preta e decalques nas laterais.

Também a Maisto fez um modelo igual a nossa, escala 1/43, na cor branca com decalques nas laterais.

Mais antigo, mas também parecido com os nossos, era o F-100 de 1953 reproduzido pela K-Line, em escala 1/43 e na cor vermelha. Era um modelo original, com detalhes imitando cromados, rodas vermelhas, pneus com banda de rodagem e interior cinza.

Um cenário interessante do passado e da década de 90. Escala 1/64

O Ford Galaxie

Galaxie_LTD_site_Miniaturas_016

Na década de 60 a Matchbox inglesa fez na escala 1/65 a versão do Galaxie 500 Bombeiros e Chefe de Polícia. Ambas muito atraentes.

Galaxie_LTD_site_Miniaturas_018

Neste século a Hotwheels lançou a versão 1964, o modelo cupê, com ressalto no capô tanto na coleção simples quanto na mais detalhada Garage.

A Greenligth fez modelos interessantes. Na série Black Bandit fez uma versão cupê conversível do modelo 1965. Na versão comum, também muito bem acabada fez um cupê Stock Cars e também um de polícia. Apreciáveis!

O Stock Car

Galaxie_LTD_site_Miniaturas_005

O Hot Porsuit.

Galaxie_LTD_site_Miniaturas_051

Nas coleções Carros Nacionais e Carros inesquecíveis do Brasil foram lançados modelos na escala 1/43, ambos na cor preta. Tem acabamentos distintos. 

Galaxie_LTD_site_Miniaturas_033

O Ford Maverick

Hot Wheels americana fez um modelo com várias cores e decorações na escala 1/65.

Ford_Maverick_Miniaturas_Agosto_2014_049_(3)

Na Coleção Carros inesquecíveis do Brasil foi lançado um modelo 1/43.

Ford_Maverick_Miniaturas_Agosto_2014_049_(2)

Também na coleção Carros Nacionais 1 foi lançado, também na escala 1/43 um modelo GT na cor laranja.

Ford_Maverick_Miniaturas_Agosto_2014_049_(4)

A Motor Max fez o Mercury Comet 1971 na escala 1/24. Belo Exemplar.

Ford_Maverick_Miniaturas_Agosto_2014_049_(6)

Todos

 Ford_Maverick_Miniaturas_Agosto_2014_049_(11) 

Aero-Willys

Miniatura do Aero Willys 1966. Na escala 1/43 de uma coleção de jornais vendida em bancas. Bem acabado.

Aero_Willys_Site_Miniaturas_Janeiro_2015_027_(5)

Alfa Romeo Brasil

Acima, o modelo azul escuro na escala 1/43, é da coleção Carros Inesquecíveis do Brasil, as pratas da coleção Miniaturas Carros Brasileiros também na escala 1/43. A azul decorado é o Alfa Romeo 2600 Sprint da Solido brasileira. Belas miniaturas!

Alfa 2300

Muito bem feita a miniatura em escala 1/43 que esteve nas bancas , mas ainda pode ser colecionada através de assinatura. A do FNM também mantém o nível.

Na Coleção muito bem acabada e detalhada dos Carros Inesquecíveis do Brasil, o Alfa Romeo 2300 consta na escala 1/43. Muito bonito e bem detalhado.

Brasinca Uirapuru

Brasinca_Uirapuru_Miniaturas_010

Em escala 1/43

Brasinca_Uirapuru_Miniaturas_011

Chevrolet Chevette e Opel Kadett

A sólido francesa fez na escala 1/43 a versão fastback do modelo europeu. Oferecia em três decorações de competição. Muito bem acabado e detalhado. O kit de metal era para montar, pintar e colar os adesivos. Ganhei há mais de trinta anos, catálogo Solido 1978. Neste kit ainda tem todos os esquemas montagem e decoração bem detalhados.

O modelo brasileiro das bancas de revista que chegou em 2009 por aqui e faz sucesso entre colecionadores até hoje.

No ano de 2011 foi lançada a Coleção Carros Inesquecíveis do Brasil. Muito bem a cada a miniatura vinha na cor azul. E há pouco, Foi lançado o Chevrolet Chevette Chevy 1976, na cor Bordô, coleção HotWheels Mattel na escala 1/65 série Flyng Custons. Um pequeno hatch bonito.

Em 2014 chegava a coleção Inesquecíveis do Brasil e trouxe os modelos cupê na cor azul e em 2016 outro Chevette sedã cupê e também o Hath S/R na cor prata e preto. Todos na escala 1/43. Muito caprichados!

Chevrolet Monza

Nas bancas e através de assinaturas os exemplares da Chevrolet Collection e da Carros Inesquecíveis do Brasil são muito bons!

Todos na escala 1/43

Chevrolet Opala

Quem já gostava de brincar de carrinhos no final da década de 60 e queria um Opala tinha que se contentar com um modelo Opel Diplomat dourado da Matchbox. Pouco depois, no princípio da década de 70, a Solido Brasil, sob licença da francesa, produziu aqui um modelo quatro portas na escala 1/43.

Já neste século, duas exemplares na escala 1/43 na versão cupê SS, estrearam em bancas de revistas ou assinaturas. Também o fabricante Hotwheels americano fez o modelo 1973 nas cores verde, azul e bordô. E desde 2016 a Coleção Chevrolet está fazendo muito sucesso!

Picapes Chevrolet

Abaixo uma bela versão 1/43 do modelo de 1953. O motor na frente é um destaque bacana, mas de outra escala. Fabricante Road Champs.

As três na escala 1/43 vendidas em bancas. Coleção Carros de Serviço e Carros Brasileiros

As nacionais com as 3100 americana da marca Hot Wheels na escala 1/64

Dodge Polara

Recentemente a Coleção Carros Inesquecíveis do Brasil lançou o Dodge 1800. Este Dodge 1800 SE vem numa pequena plataforma plástica na escala 1/43. Muito bem feito.

Miniatura do Chrysler 180 e 200 que foram fabricados na França e baseados no Hillman Avenger

Dodge Dart e Charger

Chrsyler_Dodge_Miniaturas_Garage_006

Existem miniaturas americana na escala 1/65, 1/24 e 1/18. Abaixo modelos Dart e Charger da Hotwheels e um modelo Dart quatro portas da coleção Carros Nacionais. Na escala 1/43

A empresa americana Hotwheels prestou atenção no mercado brasileiro e fez várias miniaturas de carros nacionais e foi bem sucedida. Lançou primeiro o Dart cupê e depois o Brazilian Charger nacional na escala 1/65 nas cores amarela e vermelha. São bem fiéis, modelo 1974 no catálogo da Hotwheels  lançados em 2013.

Chrsyler_Dodge_Miniaturas_Garage_007

Na frente, na cor cinza, um Phymout Fury, da Johnny Lightning que usava a mesma base do Dart e do Valiant no íncio da década de 60.

Chrsyler_Dodge_Miniaturas_Garage_014

Duas gerações distintas na esccala 1/65. Os Dart vem na cor vermelha, azul e Zamack com faixas verdes. Bacanas!

Chrsyler_Dodge_Miniaturas_Garage_022

Os DKW

Acima, o modelo Belcar preto 1965, na escala 1/43, é da coleção Carros Inesquecíveis do Brasil, as verdes da coleção Miniaturas Carros Brasileiros também na escala 1/43. Belas miniaturas! Abaixo a Vemaguet azul é bem detalhada!

[

Não posso deixar de citar os ótimos DKW da empresa brasileira Rolitoys que produziu os modelos em Zamac (metal compostos de Zinco, Alumínio, Magnésio e Cobre) com diversos temas. Abaixo modelos Berlineta Interlagos e do Vemaguet

Fotos cedidas gentilmente pelo colecionador Miguel Stefanelli

Fiat 147

O fabricante de brinquedos Estrela fez um modelo a fricção em metal, bem detalhado e acabado. Tinha cores vivas. A Bburago fez nos anos 70 uma miniatura em escala 1/24 que tinha abertura de portas, capô com detalhes do motor e rodas que esterçavam. Vinha na cor verde-claro metálico, semelhante a uma cor de lançamento do Palio no Brasil. Muito fiel e bonita.

A Coleção Carros Inesquecíveis do Brasil, na escala 1/43 traz o modelo Fiat Panorama na cor branca e o 147 amarelo. Bem detalhadas as miniaturas.

A mesma, também na escala 1/43, traz o modelo 147 dos primeiros anos, na cor amarela, também muito bem detalhado. Vendida em bancas nas maiores capitais do país ou por encomenda na editora que distribui por assinaturas.

O fabricante de brinquedos Estrela fez um modelo a fricção. Era em latão, bem detalhado e acabado. Tinha cores vivas e versões bombeiros e ambulância. Raro em bom estado hoje, nas mãos de colecionadores ou em feiras de trocas.

Gurgel

Duas empresas fizeram miniaturas na escala 1/43. A coleção Carros Nacionais 2 fez o Gurgel BR-800 SL na cor branca. E a Carros Inesquecíveis do Brasil fez o Xavante ano 1972 na cor amarela que vem sobre uma plataforma. Boa recordação numa coleção.

Puma

As miniaturas de Paulo Henrique Leite de Souza conhecido como Paulo Fiote são feitas com extrema perfeição e ótima qualidade em detalhes. Contatos através do twocatsmodelos@gmail.com. Este carro é uma réplica do Puma 1800 do piloto mineiro Marcelo Campos.

No famoso autorama da marca nacional de brinquedos Estrela fazia presença, no final da década de 60 e inicio da de 70, nas cores azul e vermelho na escala 1/32. A carroceria em plástico rígido já era a do modelo Puma GT de 1967. Na série lançada nas bancas de revistas do país, Carros Brasileiros, fez bela figura um Puma Spider amarelo na escala 1/43 em metal

Simca Chambord

A Dinky Toys fez várias miniaturas dos Simcas Chambord, Versailles Vedette e Ariane entre 1955 e 1961. Na escala 1/43 era muito bem acabadas e detalhadas. Nas caixinhas amarelas originais o preço sobe consideravelmente. Eram bem detalhadas com pneus faixa branca, carroceria em dois tons, etc. Os moldes da Meccano são muito similares e da mesma época. São raras hoje e muito caras quando são encontradas para vender. Para quem tem muita sorte.

Muito bonita é uma miniatura do Simca Marly break de 1955. O fabricante é a DAN-TOYS, mas o molde foi aproveitado da QUIRALU. Na escala 1/43 é muito bem feita.

Os brasileiros conhecem mais a NOREV francesa na pequena escala 1/60. Mas também faz belas miniaturas em outras escalas. É o caso do Simca Marly break de 1956. Detalhes como limpadores de pára-brisas, retrovisores e placas estão presentes. Outros detalhes muito bem cuidados são o teto, as lanternas e os pára-choques. Tudo impecável na escala 1/43.

Muito bonito e raro aqui no Brasil é a reprodução da NOREV do Simca Présidence Classique de 1958. Detalhes como o vidro que separa o chofer dos passageiros de trás está presente.

A famosa SOLIDO caprichou no Simca Chambord de 1958. Apoiada numa plataforma preta, com a identificação, esta peça foi fabricada entre 2000 e 2005 especialmente para a coleção Sixties da empresa. Na escala 1/43 vem em várias cores e tem acabamento excelente. De encher os olhos dos amantes da marca.

A empresa ALTAYA é conhecida por aqui pelas inúmeras miniaturas, inclusive de carros, vendidas em bancas de revistas e livrarias. O mesmo procedimento é adotado na Europa. E a mesma encomendou a competente IXO Models a coleção Les Belles Années SIMCA que estreou este ano nas bancas da Europa. E consta, na escala 1/43 um belíssimo exemplar de Présidence preto 1958. Muito detalhado tanto na parte interna quanto externa. O mesmo foi feito num exemplar de um Simca Ariane 4 de 1959 e de um Simca Marly break de 1959. Nas bancas desde 2012 a coleção dos carros inesquecíveis trouxe o Chambord e a Jangada na escala 1/43. Muito bons!

A Limousine

Volkswagen

Escolha a escala

Da década de 60 aos dias atuais

Linha Brasília e derivados

Nas pistas de autorama podiam ser vistas carrocerias em bolha na escala 1/24 vestindo chassis. Não faltaram também modelos de plásticos. A Matchbox inglesa fez um modelo TL alemão. Constava do catalogo de 1966 na cor vermelha. Suas portas abriam e media 68 mm. Na frente era notável três faróis de milha. Em 1972 ganhou rodas mais modernas, a cor era rosa metálico e passou a fazer parte da série Superfast.

Em 2010, nos jornais de circulação nacional ofereceram a coleção Carros Brasileiros. Um das mais esperadas foi a Brasília Azul , escala 1/43. Correta e bem feita. Hoje é muito valiosa.  Neste século também a Brasília ganhou exemplares da Hotwheels na escala 1/64 e também em coleções brasileiras vendidas bancas de revistas Carros inesquecíveis do Brasil na escala 1/43

Volkswagen Passat

As carroceria em bolha para carros de autorama apresentavam como opção o Passat divisão 1 para corridas ou Hot Car. Em escala 1/32 e 1/24. Os motores mais bravos eram os Cox, Mabuchi e Mura. Como sempre nesta modalidade os pneus de tração eram enormes e largos na traseira e os dianteiros bem finos, só decorativos. Muito capricho e competência estão nas miniaturas da Minichamps alemã na escala 1:43. Abaixo o Passat TS da Coleção Carros do Brasil Clássicos que foi distribuída em bancas de jornais. Vem na escala 1/43. E preço acessível.

Volkswagen SP-2

A Hot Wheels fez três modelos na escala 1/64 sendo que duas em séries especiais.

Na coleção Carros Inesquecíveis do Brasil um modelo vermelho muito bem acabado na escala 1/43 na cor vermelha.E também na coleção Carros Brasileiros 2 vendidas em bancas de jornal um modelo prata na escala 1/43.

Volkswagen Kombi

Quase todos os fabricantes de miniaturas e brinquedos já fizeram a Kombi.A Maisto tem ela na escala 1/24 e 1/40. Ambos em dois tons, parte de cima branca e debaixo vermelha. Trata-se do modelo 23 janelas.A famosa Matchbox dedicava-se a ela desde a década de 60. No catálogo de 1964 já vinha o modelo Camper, escala 1/66, prateado sendo que as duas portas laterais se abriam. Em 1970 o modelo Clipper já fazia parte do catálogo na versão Camper também . O teto, em plástico, que imitava a lona, se abria.Em 1999 foi relançado os modelos Van delivery e Transporter na escala 1/58. A Sólido francesa tem na escala 1/18 o modelo furgão fechado com as cores da marca Michelin de pneus. Aqui no Brasil a estrela fez os modelos em latão na década de 60, na escala 1/43 em dois tons.

Volkswagen Typ 3

O modelo maior na escala 1/24 é da italiana Bburago. Há também o sedã duas portas na cor bordô.Abrem portas, capô e as rodas esterçam. O TL azul escuro e a Variant azul clara é da coleção Carros inesquecíveis do Brasil vendida em bancas.  A Variant verde metálica na escala 1/43 é da Politoys italiana. O TL azul decorado a esquerda é da Jada Toys e o que está a seu lado é da Hot Wheels modelo 1969, série especial. O vermelho 411 E quatro portas é da Stelco, marca alemã e data da década de 70.

A Matchbox inglesa fez um modelo TL alemão. Constava do catalogo de 1966 na cor vermelha. Suas portas abriam e media 68 mm. Na frente era notável três faróis de milha. Em 1972 ganhou rodas mais modernas, a cor era rosa metálico e passou a fazer parte da série Superfast. O sedã 1600 quatro portas da coleção Carros Brasileiros, também vendida em banca é escala 1/43. Correta e bem feita. Dentro da caixa uma Variant personalizada, ano 1969, da Hot Wheels Também saiu em séries especiais Garage Real Riders.

Volkswagen Gol

Este Gol CL é da coleção Carros de Serviço na escala 1/43

Abaixo uma Parati CL Branca e um Gol GTI ambos na escala 1/43 da Coleção Carros Brasileiros

Observe a semelhança do Scirocco com o Gol. Todos na escala 1/43, o azul da marca Polistil italiana e o preto da Solido francesa

Willys Dauphine e Gordini

A Solido francesa, na série Sixties faz um belo modelo em escala 1/43 do modelo 1961 equipado de teto solar. Também existe o modelo 1962 do Dauphine 1093 na versão Tour de Corse - 1/43. A MicroNorev fez uma reedição de miniaturas de carros franceses da década de 50 apresentadas em março deste ano no Salão de Brinquedos Parisiense, inclusive do Dauphine

Aqui no Brasil na coleção Carros Brasileiros e Carros Inesquecíveis, comercializado em bancas, chegou na escala 1/43

 ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Os estrangeiros

Alpine Renault e Willys Interlagos

O tradicional fabricante italiano Bburago fabrica o modelo em várias escalas. Na 1/16 há decorações Tour de Corse e Rallye de Monte Carlo. Na 1/18 oferece cores azul e vermelho do modelo A110 1600S de 1971.

A Dell Prado Collection também ofereceu em bancas de jornais o modelo na cor azul na escala 1/43. Bem acabado vinha numa plataforma preta. Veja as fotos.

A Martoys fez nos anos 70 um modelo na escala 1/24. As portas, capô dianteiro e traseiro se abrem. Bem acabado e decorado conforme. É azul com número 96 na foto. A Eligor francesa vendeu nas bancas de lá o Willys Interlagos da foto. Bem acabado também a empresa fez uma bela homenagem para nós e para eles também.

Austin London Cab

As maiores nas escalas 1/32 e 1/43 são da Corgi Toys inglesa e ambas da década de 70. As menores, escala 1/64 na caixa são Matchbox. As menores ao centro, uma Hotwheels "hot" e a outra da Corgy Toys com rodas Whizzwheels.

Alfa Romeo Giulia

Alfa_Romeo_Giulia_site_Garage_Miniaturas_012

Uma das mais belas miniaturas, na escala 1/18 é da famosa empresa AutoArt. No caso do cupê Bertone pode vir na cor marrom clara ou branca. Abrem as portas mostrando o interior muito bem detalhado. O trabalho delicado do volante, do painel e dos bancos são muito realistas. Também o porta-malas e o motor com detalhes incríveis. Destaca-se cabos de vela, cabeçote na cor alumínio, e coletores avermelhados. Mostra o radiador e outras tubulações em preto e a bateria na cor azul. Na parte externa também não perde o brio. O cuidado na miniaturização dos cromados tais como pára-choques, frisos de grade, emblema do coração, retrovisores, calotas e rodas. Só o preço não é perfeito. O mesmo se diz com relação ao sedã. Da Polizia, ele tem a decoração da corporação e o giroflex azul sobre a capota. Também soberba.

Alfa_Giulia_Site_Garage_Miniaturas_017

  • A afamada Minichamps também prestigiou a Alfa Giulia. Na escala 1/18  fez o sedã Giulia 1300 Super 1970 na cor amarela. Como é tradição da marca, a miniatura é uma beleza. E também caprichou no interior.
  • Na escala de suas concorrentes, a Tamya fez o modelo 1300 GTA e o 1750 cupê Bertone. Ambos irretocáveis.
  • A francesa Sólido fez o modelo 1300 Junior Cupê na cor marrom. Vinha sobre uma plataforma com a identificação do modelo. Na escala 1/43 não fazia feio diante a concorrência.
  • Mais modesto mas também muito caprichoso era o Giulia sedã na escala 1/43 da Dinky Toys, empresa muito famosa nos anos 50 e 60. Era oferecida na cor branca.

A Solido francesa fez um modelo Giulia Super TI na cor azul marinho, escala 1/43. Correta.

Alfa_Giulia_Site_Garage_Miniaturas_005

A famosa Matchbox inglesa fez o cupê Giulia Sprint GT na escala 1/65 nas cores branca e vermelha. Bacana!

Alfa_Romeo_Giulia_site_Garage_Miniaturas_004

  • Havia também uma verão de rali do modelo 1600 TI, com decorações, na cor vermelha.
  • Abria as portas dianteiras, capô e porta-malas. 
  • A Coli italiana não esqueceu da Giardinetta. E fez uma bela reprodução na escala 1/43 na cor vermelha. Muito rara.

Alfa Romeo GTV

O modelo que saiu nas bancas é idendico ao do filme na hora em que James Bond toma posse. São na escala 1/43 e vem como sempre num diorama e dentro de uma caixa em acrílico. Bom gosto e bom acabamento para um lindo Alfa temático.

Alfa Romeo Montreal

Na escala 1/32 vendidas em bancas de jornais o modelo é um Ixo, muito bem acabado, vem com base e caixa acrílica.

AMC Hornet

A miniatura 1/43 bem detalhada do AMC Hornet numa das melhoras cenas de ação do filme O Homem da Pistola de Ouro

AMC Javelin

A Matchbox inglesa inseriu na década de 70 um modelo verde, na escala 1/60, o modelo SST com detalhe para a entrada de ar preta sobre o capô. Também o fez na escala 1/43 na série Speed Kings.

Recentemente, na mesma escala veio a Green Light americana, a Johnny Lightning e também a Hotwheels que fez em várias cores e decorações. 

AMC Matador

A Miniatura 1/43 do Matador. Bonita em qualquer ângulo e rara.

Aston Martin

A Corgi Toys, famoso fabricante inglês de miniaturas dos anos 60/70, fez um lindo modelo na escala 1/43 com todos os detalhes do carro do filme Goldfinger. Podia ser dourado ou prateado. Este modelo hoje é cobiçadíssimo por modelistas. A mesma empresa fez na linha Corgi Junior, o modelo DB6  na escala 1/58. Sem muitos detalhes mas correto.

A empresa U Tura fez um belo modelo na cor vinho. Na escala 1/18 o DB5 tem vidros verdes, portas e capô que se abrem e as rodas esterçam. Além do motor muito detalhado, a carroceria não fica atrás.

A famosa Autoart mantém em seu catalogo o modelo DB5 nas cores prata, verde e bordô. Na escala 1/18, como é tradição da empresa, os modelos tem qualidade acima da média. São impecáveis. A ponto de ter modelos com volante do lado direito ou do lado esquerdo disponíveis. Os preços são seletivos mas compensam em satisfação.

Não podemos deixar de citar que a empresa Dell Prado no Brasil lançou em sua coleção o DB5, na cor prata, escala 1/43 sobre uma pequena plataforma preta. Bem feita e caprichada foi vendida em bancas.

Bentley Speed Six

Bentley_Speed_Six_Barnato_Mini_(2)

O exemplar abaixo, na escala 1/43, é exatamente o carro de Wolf Barnato, distribuído em bancas de revistas pela Altaya. Muito bonito vem em caixa de acrílico e sobre base preta.

Bentley_Speed_Six_Barnato_Mini_(3)

As carrocerias, como citado acima, foram feitas pelas empresas Mulliner, J. Gurney Nutting, nas versões Tourer e Corsica.

Checker Marathon

A miniatura do filme. Na escala 1/43 é muito bem feita, vem numa caixa plástica rígida e com o cenário em papelão.

 

Chevrolet Master

Nas vitrines do ACA (Automóvil Club Argentino)

Chevrolet_40_Miniaturas_Aca_(1)

Uma bela coleção que pertence ao Museu. 

Chevrolet_40_Miniaturas_Aca_(8)

Bem detalhados

Chevrolet_40_Miniaturas_Aca_(9)

Chevrolet Bel Air

Vários fabricantes de miniaturas fizeram as várias versões do Chevrolet Bel Air. Nas escalas 1/24, 1/43 em destaque da Sunny Side.

Os pequenos abaixo, escala 1/64, são Hot Wheels, Matchbox, Johnny Lightning e Green Light. O preto 1957 é da coleção James Bond, muito detalhado. Atrás dois séries especiais da Matchbox: o 55 conversível especial aniversário da fábrica inglesa 1952-2002. O 57 Hardtop especial comemorativo da revista americana Motor Trend.                

Nomad 1957 escala 1/18 da marca Road Tough

Também na escala 1/18 um Bel Air 1956 da Road Legends

Chevrolet Picapes americanas

Abaixo uma bela versão 1/43 do modelo de 1953. O motor na frente é um destaque bacana, mas de outra escala. Fabricante Road Champs.

Uma Cheyenne 1972 do fabricante Welly na escala 1/43

A Cheyenne como a Silverado, a Sierra e a série C/K existem em várias escalas. Abaixo na escala 1/24 uma C/K 3500 1997 da Sunny Side

Abaixo duas da série Hotwheels Wayne's Garage na escala 1/64. A bege Hays modelo 1969 e a Edelbrock 1983.

E a Matchbox na escala 1/60. Modelo 1975.

Citroën 2 CV

Na escala 1/24, a Maisto tem um modelo na cor bege muito detalhado. A Vitesse fez recentemente uma produção limitada a 2500 exemplares do modelo 2CV de 1948. Fidelíssimo. O maior é da coleção Old Friend da Maisto.

O da marca Solido, na cor vinho, tem ótimos detalhes como o interior, abre capô, portas, as rodas esterçam e está na escala 1/18. O laranja Norev é um Dyane versão Sahara da Marjorete na cor laranja, a cobertura do teto em tecido toda aberta, protetores de para-choques na frente e atrás.

Na loja da Citroën em Paris

Citroën Traction

ifícil um importante fabricante de miniaturas não ter reproduzido o modelo em escala. Tem para todos os bolsos e gostos. Quase todas ainda disponíveis nas prateleiras das lojas especializadas. Abaixo um modelo da coleção 007

A famosa italiana Bburago tinha, até pouco tempo, em seu catálogo de 1999/2000, o modelo 15 de 1938 na escala 1/24. As portas dianteiras e o capô se abrem e as rodas esterçam. Na cor preta, a marca caprichou no acabamento. Também há uma interessante, em kit, para montar sem cola, da versão que fez o Rali de Monte Carlo. Ambas feitas em Zamac ( Liga metálica composta de Zinco, Alumínio, Magnésio e Cobre). Há plástico na miniatura também.

A Matchbox inglesa também o fez na cor preta. Constou do catálogo de 1985. Foi o modelo 15 de 1953 com a “mala” destacada. Bem acabado, para-choques, faróis e grade dianteira são cromados e interior branco. Na escala 1/66.  

A Sólido francesa também o destacou. Nas escala 1/43 tinha o modelo 15 de 1939 na versão civil, cor preta,  e na versão FFI (Force Française d’Intervension), ou seja, o carro da resistência. Este tem pintura camuflada em tons verde do exército e adesivos da “instituição” que eram a inscrição FFI na porta dianteira e na traseira e a cruz de Lorena representando um V de vitória. Muito bonitos, interessantes e detalhados. A Maisto da Tailândia fez, na escala 1/18,  também o modelo 15 de 1938 em zamac e plástico na cor cinza claro. As portas e o capô se abrem e as rodas esterçam e o volante gira.  Também nesta escala fez a versão FFI e uma interessante do Táxi parisiense da época cujas cores eram preta e vermelha. 

A Élysées francesa fez, na escala 1/43, o modelo cupê de 1938 na cor cinza metálico. Em resina este modelo é muito raro e bonito. Também fez os modelos furgão, ou seja, na versão comercial com propagandas da Coca-Cola, na cor vermelha e amarela.b

Citroën DS

O DS foi feito principalmente pelas indústrias francesas de miniaturas. Porém outras também a prestigiaram. A Husky vendia muitas miniaturas aqui no Brasil na década de 60. Fez um Citroën Safári, o break, na cor dourada. Na escala 1/64. Também a Siku vendeu aqui anos atrás. Na mesma escala da Husky, fez um DS 23 azul com bancos vermelhos. Suas portas se abrem .Correto.

Na escala 1/43 a Sólido francesa fez a coleção Route National  7 com modelos famosos e populares da década de 50 e 60. O DS preto com teto branco é muito detalhado e bem acabado. Também nas versões Táxi, bombeiro e Rali Monte Carlo. Vem dentro de uma caixa plástica transparente.Também fez modelos na escala 1/18 muito bem acabados. Neste as portas se abrem e as rodas esterçam.

A Vitesse, competente fábrica de miniaturas de Portugal, fez várias versões do DS. Na escala  1/43, foram os modelos Citroën DS 19 Rallye Montecarlo 1959, Citroën DS19 1956, Citroën DS 19 “ Safari Africa D’est “ 1965, em edição limitada e o Citroën DS 19 “Pompieri Di Parigi” de 1961.

A QUIRALU francesa também caprichou na escala 1/43. Fez um  Citroën  ID19 Break Ambulância.

A franco-britânica Dinky Toys fez modelos muito caprichados na década de 50 e 60. Principalmente das versões com faróis redondos. São valiosíssimos se bem conservados e acompanhados da caixa.

A MAFMA (Provence Moulage) francesa faz modelos quase artesanais e beiram a perfeição. Fez vários cupês Le Dandy em várias cores na escala 1/43. Vem sobre uma plataforma de madeira. Também o cupê grupo V muito bem detalhado.

A Rio, empresa de origem italiana, também fez belas miniaturas. Nas versões sedã e perua em várias decorações na escala 1/43.

A FunRise americana fez, na escala 1/60, o modelo do filme De Volta para o Futuro II. Vale como lembrança.

Citroën SM

A Matchbox quando era inglesa fez para a série Superfast uma miniatura vermelho metálico claro. A grade dianteira e para-choques dianteiro e traseiro faziam parte do chassi. O interior tinha cor marrom claro. As rodas tinham calotas cromadas e a “suspensão” funcionava. Permaneceu no catálogo por anos na escala 1/64. As portas se abriam e era muito bem feita para a pequena escala.

A Solido francesa também prestigiou em escala 1/43 em tom azul escuro. Correta vinha com bonitas rodas, interior detalhado em cor escura, mas o apoio de cabeça em cor clara. Os faróis e para-choques dianteiros eram cromados. Atrás os para-choques também cromados e as lanternas vermelhas. Muito bonita.                                                                                                          

A também francesa Norev fez uma belíssima miniatura do Citroën SM presidencial. Muito detalhada vinha na cor preta. As rodas eram cromadas e os pneus em borracha sólida. Destaque para os faróis e para-choques cromados. O interior era marrom claro e a parte do motorista e acompanhante fechada em plástico imitando vidro. Um primor na escala 1/43.

A mesma fez o modelo 1972 cupê em escala 1/18. O motor era muito detalhado mostrando os carburadores do V6, os fios dos cabos de velas e também coletores e mangueiras diversas. Os faróis imitando muito os originais traziam até o logotipo do fabricante. Bem detalhado também era o painel assim como todo o interior. Capricho em grande escala. 

Um primor é o modelo na escala 1/43 da famosa Minichamps. Mantém a tradição da marca e o SM é muito realista em qualquer ângulo. Muito detalhados são os faróis independentes e a placa ao centro. Não esqueceram das entradas de ar no capô, dos canos de descarga traseiros e da antena do rádio retrátil. Perfeita! 

Os ingleses da famosa Corgi-Toys também fizeram um belo exemplar na escala 1/43. Muito bem detalhada só pecava ao exibir pneus muito largos que não condiziam com a versão original. Por dentro nota-se o cuidado ao detalhar a alavanca de marchas, o freio de mão, botões e volante. É uma miniatura pesada para a escala e bem robusta.

Daimler DS 420 

A Miniatura em escala 1/43 de Casino Royale. Ao fundo o Hotel Splendide. Uma bela miniatura detalhada

 

Dodge Challenger

Os modelos na escala 1/24 são da marca Maisto. Abrem capô, portas e as rodas esterçam. Na escala 1/43 um da Hot Wheels e os pequenos 1/64 Matchbox (vermelho com teto branco, e amarelo decorado com teto preto). O  verde metálico à esquerda é um Johnny Lightning, e os "Shaker" e "Army" também Hot Wheels.                      

Dodge Monaco

Este está na escala 1/43 e é muito bem feito. Vem até com um mini cenário.

A apresentação em escala reproduz muito bem o filme. Outros modelos em menor escala, 1/60 que também fazem sucesso. Abaixo a lista: Dodge  Monaco 1974 Fire Chief , todas da fabricante Johnny Lightning na escala 1/65. Muito bem feitas!

DeLorean DMC-12

DeLorean_DMC_Miniaturas_(1)

Existem miniaturas 1:43 à venda, fiéis ao modelo das telas, nas lojas que estão na Universal Studios, em Orlando, Flórida, EUA.

Fiat 128

Um Fiat 128 Rallye - East African Safari na escala 1/24 foi comprado na década de 70.

Inteiro até hoje e bem detalhado. A marca da miniatura é Polistil de origem italiana. Pode-se trocar as rodas com facilidade. Pneus normais ou para neve e barro.

Ferrari 330 P3/P4

Na escala 1/43 da coleção Ferrari

E os Hotwheels na escala 1/64

O mundo Ferrari pode ser vermelho, amarelo, branco...

Dix_Mille_Tour_2015_Samedi_Paul_Ricard__(14)

Ferrari Dino

Abaixo na escala 1/43 um modelo Maisto.

Num diorama simples, mas correto a Bburago italiana oferece este na escala 1/43.

O modelo Spider vendido em bancas também na escala 1/43.

Outro Maisto na escala 1/43

A famosa empresa inglesa Matchbox fez uma bela miniatura nos anos 60 do modelo 156 F1. Na escala 1/54 media 70 milímetros.

No Brasil, numa promoção da Shell, foi vendida em postos de gasolina, miniaturas da Ferrari. Na escala 1/43, havia o modelo Dino de Fórmula 1 e o 246 GT. Estes, ambos vermelhos, são da marca Maisto feitas na Califórnia mas também na Tailândia e em Hong Kong. Corretos para a escala. Interessante, feita pela marca americana Hotwheels, a pequena coleção Bruce Wayne (Batman) que conta com três modelos. E lá está, na cor preta, um Dino 246 GTS Spider. Sobre uma plataforma, vem com o mordomo Alfred junto. Bem interessante. Todos na escala 1/60.

Também da Hotwheels, mas em escala 1/18, o Dino preza pelo bom acabamento e detalhes. Abre o capô dianteiro, os dois traseiros, as portas e as rodas esterçam. Os cromados são destacáveis assim como as rodas e o motor detalhado. Linda!

Na mesma escala a Anson, de origem chinesa, também produziu. Tão detalhada quanto a da Hotwheels, merece o mesmo respeito.

Ford Anglia

Abaixo um Anglia na escala 1/32 da empresa Saico

Escala 1/64 - A Van amarela da Hotwheels e o sedã cinza . Corretos!  

Ford Capri

Vários fabricantes tiveram interesse em fazer miniaturas de metal deste modelo da Ford. Podemos citar o modelo da Matchbox, de cor laranja com capô preto-fosco, que se abria mostrando um motor detalhado. Os pneus eram largos e o carrinho fazia parte da série Superfast. Outro vermelho foi lançado após mostrando um motor V8 avantajado!

A Solido francesa caprichou na escala 1/43 com modelos de competição. Os para-lamas eram mais largos para receber pneus avantajados. Caprichou também na decoração, com decalques que copiavam os originais de competição. O 2600 RS fez parte do catálogo em 1978 e 1979. A Majorette, também francesa, fez o Capri II com teto na cor preta, imitando o vinil, e portas que se abriam, muito bem acabado. O dragster branco é um "Santapod Gloworm" na escala 1/43 da Corgi Toys.

Ford GT-40

Nos anos 60, o GT40 brilhou também nas pistas de autorama no país tanto na escala 1/32 quanto na escala 1/24. Neste último, a carroceria era em bolha. Usava motores azuis ou vermelhos mas os preferidos eram os de carcaça cromada, os famosos Cox. Faziam a alegria de adultos e crianças tanto em pistas domésticas quanto nas profissionais de lojas que tinham até 12 faixas de rolamento. Eram fabricados pela empresa de brinquedos nacional Estrela que também fizeram o modelo J nas cores vermelha e azul. Deixaram saudades.

Nas miniaturas de metal, a Matchbox, no catalogo de 1966, já disponibilizava um modelo simples, mas muito bonito. Bem decorado era branco com uma faixa azul central. O motor V8 bem detalhado era visível do vidro traseiro. Muito semelhante ao carro de estréia de Phil Hill.A Le Mans Miniaturas, como o próprio nome indica, é especializada em carros que fizeram sucesso neste circuito. Recentemente lançou, na escala 1/24 os dois GT-40 Mirage Ford que abandonaram na edição de 1967. Ambos nas cores da equipe Gulf, azul com faixa laranja central , nº 14 e 15. São vendidos em kit para montar e pintar, kit já pintado ou pronto. Perfeitos. Mas caros.

Ford Ranchero

A miniatura do filme é muito bem feita. Exibe o cenário do filme na cena onde o Falcon Ranchero está no ferro velho.

Ford_Ranchero_Miniaturas_2014_011

Na caçamba do Falcon Ranchero o "pacote" é o Lincoln Continental.

Ford_Ranchero_Miniaturas_2014_012

Vários Hotwheels foram para as estantes. Abaixo vários que são da série de 2013, 2014 e um Teasures Hunt verde na caixa.

Ford_Ranchero_Miniaturas_2014_001_Todos

Este laranja e preto, ano 1972, é da série especial Larry's Garage. O outro é um modelo 1965 como o da série Bond.

Ford_Ranchero_Miniaturas_2014_006

O modelo, ano 1957, abaixo, na escala 1/43, é da Road Signature.

Ford_Ranchero_Miniaturas_2014_002

Ford Taunus

O modelo da série James Bond é muito bem feito, na escala 1/43 e seu pequeno diorama montado numa pequena plataforma reflete bem a cena em que aparece. Ótima coleção. 

A Sólido francesa homenageou, na escala 1/43, duas gerações diferentes do Taunus. Sobre base de plástico preta, o “Barroco” vem na versão conversível nas cores saia e blusa, verde e branco. Muito detalhada, é o modelo de 1957. Também a fez na versão cupê. O modelo da foto é uma reedição assim como várias que a Solido fez. 

Ford Thunderbird

Este é o carro de Felix Leiter no filme Goldfinger. Este é o modelo da terceira geração, ano 1965.

Este é o carro de Hally Barry em Die Another Day, Um Novo Dia para Morrer filme de 2002. Halle Berry faz o papel de Jinx Johnson e ajuda Pierce Brosman em várias cenas de ação. Ela dirige este modelo que foi produzido entre 2002 e 2005.

Abaixo década de 50, os dois amarelos, o vermelho 1957 Hot Wheels , outro amarelo deitado na embalagem da Matchbox,  o prata em escala 1/65 Hot Wheels ano 1958, o preto 1967 da Johnny Lightning, escala 1/65. De lado um azul Hot Wheels  1963. O que está na extrema direita, decorado é modelo 1996 Hot Wheels.

Abaixo um Ford Thunderbird 1955, Hard Top da empresa Road Tought escala 1/18, muito detalhado.

Hudson Hornet

Dois modelos do filme Cars que foi uma série de filmes de animação e franquia de mídia da Disney ambientada em um mundo povoado por veículos criados por John Lasseter. A franquia começou com o filme de 2006 de mesmo nome, produzido pela Pixar e lançado pela Walt Disney Pictures. Doc Hudson (acima) era o juiz e mecânico da cidade de Radiator Springs. Sua voz era do ator e piloto Paul Newman. Abaixo dois modelos da Hotwheels

Jaguar E-Type

O fabricante de miniaturas que não produziu um E-type deixou de ganhar dinheiro. Uma das mais britânicas empresas de miniaturas, a Matchbox, fez o modelo E-type cupê da primeira série na cor vinho metálico. Media 72 mm. Anos depois, em 1970, veio o "Draguar". Tratava-se de um conversível com uma bolha servindo de capota e em enorme V8 plantado no capô. Numa miniatura permitem-se heresias. Pouco discretos também eram os canos de descarga laterais. Na mesma cor do cupê. Ambas raras e interessantes. Desde 2010 também a versão normal nas cores amarela ou branca.

A Bburago fez na escala 1/18 o modelo conversível na cor vermelha e o cupê na cor verde. As portas se abrem, o capô e o porta malas. Como sempre, a empresa italiana caprichou. Ótima relação custo beneficio. A Dell Prado vendeu nas bancas de revista em todo o país miniaturas na escala 1/43. E o Jaguar E-type, na versão conversível e cor verde constou. Correta.

Numa outra coleção, também vendida em bancas, só que da marca Maisto, também na versão conversível e na mesma cor da outra. Também bem feita. Um encarte com a ficha técnica e pequeno histórico acompanhava a miniatura.

Jaguar MKX

Todas na escala 1/64. A marrom e a prata são da marca Matchbox e faziam parte do catálogo na década de 60. A vermelha, de polícia, é da Husky também inglesa.As outras são personalizadas, de séries especiais, são cupês da marca Hotwheels.

Jaguar XJ

Em 1973, a Corgi Junior fez um exemplar do XJ6 4,2. Na cor bordeaux, tinha interior amarelo, abria o porta-malas e tinha guincho para reboque. Bem feita, era na escala 1/60. A Damburymint também os fez na escala 1/43. Só que em prata ! Belíssimo. Longe de ser um brinquedo. Para ser exposto. Foi a versão cupê.

A famosa fundição de brinquedos ingleses, a Corgi Toys, também fez modelos com esmero. Tem um cupê XJ12 dourado com capota preta. O mesmo com as cores da “Coast Guard” do Reino Unido. Branco com sirenes e faróis sobre a capota. Usou-se o mesmo também para a polícia.  

A francesa Provence Moulage fez, na escala 1/43 o famoso modelo de corridas Jaguar XJR 12 Coupe Big Cat. Idêntico ao modelo de corridas, o cupê é branco com faixas laterais azuis e vermelha. Os pAra-lamas alargados e não faltam os 4 canos de descarga laterais. Limitado a 300 unidades é uma peça bonita para colecionadores exigentes

Lancia Aurelia

Na escala 1/18. E a cor é a mesma da linha real de série da época. Tem abertura o porta-malas, o capô, as portas, o volante gira junto com as belas rodas raiadas.

Lancia_Aurelia_B24_Miniatura_Site_018

Lancia Stratos

A Martoys italiana fez uma bela miniatura em 1/24, com muitos detalhes, nos anos 80. A decoração é do patrocinador Marlboro e a cor de fundo é vermelha. Portas e capô traseiro se abrem e as rodas esterçam. As menores escala 1/43 são da Salvat.

Miniatura Lamborghini LM002 marca Matchbox, escala 1/64. Data de fabricação :  2014

Lamborghini Miura

Um dos primeiros fabricantes a produzir a miniatura do Miura foi a Matchbox inglesa. Já constava do catálogo de 1966. Com 71 mm de comprimento, vinha na cor dourada, as portas se abriam e as rodas eram do tipo "Superfast". A mesma o fez na categoria King Size, 1/43 e media aproximadamente 100 milímetros. Na cor vermelha, as rodas esterçavam e o capô se abria mostrando o motor. Ambos bem feitos e corretos.

A Playart de Hong Kong também fez uma na cor azul na escala 1/60. Nada abria mas o acabamento era bom.

No Brasil, vendido em bancas de revista, foi lançada em 2000 a Dell Prado Collection. Um exemplar do Miura chegou nos quiosques na cor amarela, na escala 1/43. Também muito bem feita.

A melhor, e também mais cara, foi fabricada pela Anson chinesa (acima) . Na escala 1/18 é uma miniatura super detalhada. Vendida na cor amarela as rodas e o volante esterçam. As portas se abrem, no capô dianteiro fica o estepe com o pneu da marca Pirelli e no traseiro nota-se o motor cromado de 12 cilindros bem detalhado. Com destaque para os cabos de vela vermelhos e para as cornetas de aspiração. Por dentro os bancos são marrom e preto, a pedaleira prateada, a alavanca de cambio com a bela grelha, a alavanca de freio de mão e o volante de três raios completam o refinamento. Impecável.

Land Rover

Já constava, em 1966, no catálogo da inglesa Matchbox o modelo Safári Land-Rover de cor azul e bagageiro marrom. Media 70 milímetros. A mesma foi reeditada na cor dourada na série Superfast. Constava também neste a versão bombeiro com a frente avançada, ou seja, Fireman Land Rover 109 Forward Control. Bem detalhada, tinha uma escadinha em cima e sirene. Impecáveis. 

A Bburago italiana fez em duas escalas diferentes. A mais simples em escala 1/43. Na escala 1/24 caprichou. È um modelo vermelho com o teto branco, da terceira geração, o Land Rover 109 Station Wagon. È uma replica do carro que a prestigiada revista italiana Quattroroute Trans América Tour. A equipe da revista foi da Terra do fogo até o Alaska no veículo.

Na miniatura as rodas esterçam, as portas, incluindo a traseira e o capô se abrem e o volante gira. Sobre o duplo teto deste exemplar da série III, há dois pneus sobressalentes e um bagageiro que traz caixa de ferramentas, dois bujões de gasolina, uma roda sobressalente e três galões para transportar água ou óleo. Completa! 

A francesa Sólido também fez, na escala 1/43. Constava em seu catálogo em 1978. Era o modelo 109 em várias versões de cores. Também muito interessante. 

Recentemente a Universal Hobbies apresentou dois modelos em escala 1/18 muito bem detalhados. Um modelo Defender 110, branco com os emblemas da polícia francesa. Outro, modelo 90, na cor verde. O nível de detalhe é impressionante.

As miniaturas dos Filmes James Bond

Modelo 1/43 dos Carabinieri, Itália, um belo Defender em Quantum of Solace.

O série III de The Living Daylights que aparece no princípio

Vejam Bond agarrado na capota.

O modelo Lightweigt também de The Living Daylights

Os três muito bem feitos. 

Lola T-70

Lola_T_70_Solido_Minis_2015_(2)

Um modelo bonito foi fabricado pela Solido francesa nos anos 70. Era na escala 1/43

Lola_T_70_Solido_Minis_2015_(5)

Visto de trás 

Lola_T_70_Solido_Minis_2015_(1)

Lincoln Continental

No catalogo da britânica Matchbox de 1966, o Lincoln Continental na versão quatro portas estava lá. Na cor verde ou azul , o porta-malas abre (primeira pequena à esquerda) . Muito bem feita, mede 76 mm. Constou na produção até 1975. Na foto abaixo a miniatura maior é uma Limousine Town Car na escala 1/43 é da Sunny Side. O teto solar se abre e a capota é removível.  As outras três pequenas na escala 1/65, carro de polícia, sedã azul e conversível branco são da conhecida Hot Wheels.

A miniatura do carro do filme Goldfinger em escala 1/43.

Este Lincolm Continental Mark III 1969 da Johnny Lightning na escala 1/65 veio com uma calota solta dentro da embalagem. Está na parte inferior direita. Deixei lá!

Este cupê modificado com bom gosto é Maisto na escala 1/24.

Lotus Esprit

Quatro modelos diferentes foram lançados nas bancas na coleção 007, sendo uma delas o "submarino". O branco do Espião que me amava e o bronze Somente para seus olhos. Todos muito bem acabados na escala 1/43, sobre base e caixa de acrílico.

A Hot Wheels Mattel lançou uma versão na cor preta da segunda geração do Esprit na escala 1/65 (acima). Depois lançou o primeiro modelo na cor branca, vermelha e dourado. E também nas bancas o Lotus Esprit apareceu na cor vermelha numa coleção da Dell Prado e outra Maisto escala  1/38.                                   

Lotus Europa

Na década de 60 e 70, aqui no Brasil fomos presenteados com modelos da Corgi Junior em sua coleção Wizzwheels e da Matchbox na escala 1/60. Bem caprichados. O vermelho acima é da marca Shinsei Mini Toys Power. Será restaurado

Maserati Bi-Turbo

Vendida em bancas de revistas na época, vem na base muito realista com a cena do filme e com caixa acrílica. Na escalas 1/43 o modelo 425. O porta-malas vem aberto de propósito.

Abaixo, na cor preta, um modelo 1982 da Ixo. Muito bom também.

Mercedes-Benz SL

A competente Minichamps, produziu, na escala 1/43 , um belo exemplar do modelo 350 SL da terceira geração. Na cor branca, conversível, tinha bancos vermelhos. Como sempre muito detalhada.

A famosa e tradicional Corgi Toys britânica fez um modelo na escala 1/43 na década de 60. Era na cor branca, tinha rodas esterçantes, interior vermelho, abria tudo. Muito bem acabada e bonita. Rara hoje e cobiçada por colecionadores.

Anos depois fez a versão pagode, na cor vinho metálico, na série Corgi Junior, o modelo 280 SL.

Mercedes_SL_Minis_2012_001

A Bburago italiana também fez bonitos modelos na escala 1/18 e 1/24. Na escala maior, o 300 SL Touring, conversível era na cor vermelha, prata...tinha estofados brancos, bagageiro e sobre este uma mala marrom. Era o modelo de 1957. Caprichada.

Em sua série Mille Miglia, era o modelo 300 SL de 1954 na cor preta. Na porta havia o número 417. Também impecável, abria as portas gaivota, o porta malas e o capô mostrava o belo seis cilindros. Este mesmo também estava na série Special Collection na cor vermelha e a versão conversível na cor amarela sem o bagageiro. Na escala 1/24 constavam apenas as versões Gull Wing.

Mercedes_SL_Minis_2012_003

A chinesa New Ray Toys fez também belos modelos na escala 1/43. A versão Pagode conversível na cor vermelha. Era o modelo 280 SL de 1968. 0 300 SL Panamericana também é bonito. Na cor prata vem decorada com decalques que valorizam a réplica. Também dela é a SL Roadster de 1957. Na cor preta, tem o interior marrom.

Mercedes_SL_Minis_2012_004

A Matchbox não ficou de fora. Fez o SL 230 SL primeiro na cor branca com interior vermelho media 71 mm. As portas se abriam. Constava no catálogo desde 1966. A versão fabricada pela Mercedes Benz a partir de 1971 entrou para o catálogo em 1977. Era amarela com capota preta. Media 74 mm.

A nacional Miniatura Rei, fabricou em Manaus, no estado do Amazonas, sob licença da Siku, o modelo 350 SLC na cor branca. Na escala 1/65.

Mercedes_SL_Minis_Mars_2014_novas

Nas bancas do Brasil foi vendido, na escala 1/43, a coleção da Dell Prado Collection. Era um modelo da terceira geração na cor prata com interior preto. Correto.

Mercedes-Benz linha 200

A coleção Táxi no mundo distribuiu nas bancas vários modelos do sedã e também da Limousine. O pequeno modelo abaixo é um modelo 250 CE fabricado no Brasil pela Siku Pzf em Manaus no Amazonas.

Mercedes-Benz 190

190_Mercedes_Benz_Miniaturas_site_(2)

E empresa italiana Bburago fez na escala 1/43 modelos que esportivos que corriam no campeonato de turismo europeu e na DTM. Corretos!

190_Mercedes_Benz_Miniaturas_site_(6)

A Welly baseada em Hong Kong desde 1990 faz uma modelo bombeiro também na escala 1/43 e bem decorado

190_Mercedes_Benz_Miniaturas_site_(8)

Mercedes-Benz 600

O Mercedes-Benz 600  do filme On Her Majesty Secret Service na cor prata da coleção Jamesbondcars na escala 1/43.

Também

A famosa marca franco-britânica Dinky Toys  fez um modelo nos anos 60, na escala 1/43, do modelo 600 Pullman. Na cor azul, era muito bonito e bem construído. Todas as portas se abrem.

A Vitesse portuguesa fez o modelo usado pelo papa. Chamava-se “Landaulet”. Na cor branca e na escala 1/43 não faltaram as bandeirinhas e o bonequinho representando o santo pontífice. Detalhadíssimo e muito bem acabado. Com todos os cromados, pneus faixa branca, antena de rádio, barretes para bandeiras e emblema do Vaticano nas portas traseiras. Fora de série. 

A Sun Star fez o modelo na escala 1/18. Impressiona em detalhes e acabamento. Oferece as versões Pullman e Landaulet e nesta, as portas traseiras se abrem. As rodas esterçam e estão disponíveis nas cores preto, branco e bege metálico. Por dentro também é notável o cuidado em detalhes. É destaque e faz bonito em qualquer estante. Colecionável. Estas chegaram ao mercado há pouco.

Não podia faltar uma marca alemã. A famosa Siku também fez o modelo na escala 1/38.

Mercury Cougar

A miniatura do Cougar em escala 1/43 relacionada ao filme é muito boa. Detalhes como os amassados estão lá muito bem feitos. Até o casaco de pele de Tracy, dirigindo, é destaque e os Skis sobre a capota também.

Outros

Raros hoje, são os que foram produzidos pela Matchbox. O Cougar verde metálico, ano 1967, medindo 75 milímetros, os bancos são vermelhos e as rodas esterçam. Já na década de 70 fazia parte da série Superfast. O mesmo modelo foi reeditado em 1975. Era de um verde berrante, não abria as portas, as rodas de trás tinham um diâmetro maior e eram mais largas. Também mostrava um V8 cromado na frente com um compressor Blower. Nas laterais tinha decalques com a inscrição Rat Rod. Também fez parte do catálogo, na série Matchbox King Size, em 1967, o mesmo modelo na escala 1/43. Era dourado e media 105 milímetros. Muito bem feito.  No catalogo de 1979/1980 constava a perua Cougar Villager medindo 78 milímetros. Nas cores verde ou azul metálico abria a porta traseira. Uma correta Station Wagon.

No Brasil, vendido em bancas de revistas, da coleção Del Prado, um belo exemplar na escala 1/43 do Cougar 1967. Na cor verde escuro, vinha sobre uma plataforma preta. Para ser exposto.

A americana Hotwheels colocou a disposição, em seu catálogo em 2002, um Cougar 1969 verde metálico com capota preta. Na escala 1/64 é correto.

Mercury Montego

A americana Johnny Lightning, sempre caprichosa, fez uma bela réplica do cupê de 1970. Na escala 1/55, na cor azul, o acabamento não decepciona.

A famosa Matchbox, que produzia miniaturas desde 1947 prestigiou muito o Montego. Já no catalogo da linha de 1967, aparece a versão perua quatro portas na cor verde. Media 78 mm de comprimento. O vidro traseiro era aberto e lá estavam dois cães de caça. O mesmo  exemplar entrou para a série Superfast depois na cor vermelha.

Também em sua série King Size, medindo 111 milímetros e comprimento, vinha na versão “Police Car” na cor branca, na versão perua, com sirene na capota e lâmpadas azuis. Contava também com adesivos nas portas que se abriam e no capô. As rodas esterçavam. 

Não parou por aí. Lançaram também o modelo quatro portas na escala menor com as cores e adereços do Corpo de Bombeiros. 

Constava também no catalogo de 1977 na série King Size escala 1/43. A versão perua vinha com bagageiro carregando malas, e dois pneus sobressalentes na capota. Vinha na cor verde metálica ou amarela com adesivos. Fazia parte do conjunto um reboque e um carro fórmula Indy sobre este. Ficaram no catalogo até 1980.

MG B

O principal modelo apresentado é do filme 007. É um MG B do filme O de Homem da Pistola de Ouro, cor amarela, coleção Jamesbondcars na escala 1/43. O outro da última foto é também um MG B Conversível, cor verde, da Dell Prado Collection, escala 1/43.Ambos adquiridos em bancas de revistas.

Mini

Praticamente o Mini foi produzido em todas as escalas para todas as idades e bolsos. No Brasil as primeiras a aparecerem foram as da Matchbox e da Hotwheels. A inglesa produziu uma vermelha que seguia as linhas originais e outra incrementada que tinha as rodas traseiras de aro maior, motor a vista e vidros escuros. Media 60 milímetros.

A americana da Hotwheels é muito simpática. Também a réplica da primeira geração, tem o teto quadriculado, barras anti-capotagem no interior, entrada de ar no capô e pintura na cor dos Cooper S originais. Acessível.

Da China vinha, na escala 1/16, a versão Cooper, da primeira geração. Correta tinha extensão dos para-lamas, pneus mais largos com aros cromados, faróis de milha e portas que se abriam. Na cor amarela com teto branco não decepcionava. Também havia na versão com faixas brancas no capô. Media 19 centímetros e ainda é produzida pela Sunnyside.

A Corgi inglesa homenageou o Mini Cooper que venceu o Rali de Monte Carlo. Foram na escala 1/18, 1/43 d 1/36. Todas muito detalhadas e bem acabadas como é costume da casa. Foram feitos 350 exemplares da Van que rebocava o Mini da equipe de John Cooper. Produzidas pela British Motoring Classics. As três peças, a perua Clubman/Traveller, o reboque e o Mini número 15 são perfeitos em detalhes. Peças raras e muito bonitas.

A Dinky Toys franco-inglesa também caprichou no modelo tradicional e no conversível. Nas escala 1/43 o cabriolet venha na cor azul. O outro era branco com capota preta. Ambos corretos.

A Cararama vende um conjunto espetacular. São quatro modelos: - A picape, a Van fechada, o Traveller e o Countryman em cores diferentes na escala 1/43. O acabamento é ótimo e o conjunto fica muito bom numa estante.

Na coleção James Bond vendida em bancas na escala 1/43 um modelo que aparece no filme A Serviço de sua Majestade. Com caixa acrílica e base que está no início desta seção

Oldsmobile Cutlass

A Matchbox fez recentemente a bela Station Wagon Vista Cruiser modelo 1971. A Johnny Lightning fez o modelo 1964 cromada com uma placa de propaganda em estrada. A HotWheels fez também na escala 1/65 modelos do 442 cupê 1968 em várias cores.

A City Cruiser também fez um na cor preta, modelo 1965 conversível cupê. Bem detalhado e com ótimo custo benefício. Outra que acertou foi a Greenlight com o Cutlass Custom 442 1972 conversível.

Peugeot 204,205 e 206

O 204 à esquerda é um Dink Toys Meccano na escala 1/43. Ao Centro um 206 Berline XT Premium da Coleção Peugeot e o amarelo, também na escala 1/43 é um Bburago. Perfeitos! 

Peugeot 205

A Solido francesa, empresa antiga e tradicional na fabricação de miniaturas muito fieis, fez o modelo 205 GTI de 1990, versão civil. Estava disponível em várias cores. Na escala 1/24, é muito detalhado e montado sobre uma pequena plataforma. A Bburago italiana também produziu na escala 1/25 o modelo 205 Safári. Na cor amarela, tinha a decoração dos patrocinadores do Dakar. Sobre o teto, o pneu sobressalente era destaque. O mesmo, um pouco mais modesto, sem muitos detalhes, foi produzido na escala 1/43. As portas se abrem e as rodas esterçam. Ambos amarelos e com o numero de inscrição 205. São belos e destacáveis em qualquer coleção. O modelo não foi fabricado no Brasil, veio para cá importado do Uruguai, mas mesmo assim saiu na coleção Carros Inesquecíveis do Brasil, na escala 1/43 com base e caixa acrílica. A Majorette fez na escala 1/53 na versão polícia um GTi. Abra a tampa traseria. Correto!

A Norev francesa fez uma versão do GTI na cor preta na escala 1/54

Peugeot 504

O carro do filme James Bond, vendido em bancas, na escala 1/43, vinha sobre a plataforma com o nome do filme e caixa de acríico. Muito bem acabado.

504_Peugeot_Garage_Site_Miniaturas_005

A Solido francesa não esqueceu do 504 e o produziu na escala 1/43. Todos tinham a decoração dos modelos de competição de rali. Os pára-barros, faróis auxiliares e outros acessórios estavam lá bem detalhados. Figurou no catálogo em 1978 e 1979. Abaixo um modelo vendida em bancas , uma série de carros famosos de rali, na escala 1/43. Vinham sobre uma base e caixa de acrílico.

504_Peugeot_Garage_Site_Miniaturas_023

A Solido francesa também fez a perua Dangel na versão bombeiros. Muito bem acabada inclusive na embalagem.

504_Peugeot_Miniaturas_site_013

A Solido também fez para o catálogo de 1978 a versão cupê do rali. Vem com a decoração a parte.

504_Peugeot_Miniaturas_site_027

A Burago fez uma versão do carro de apoio da famosa corrida de bicicletas "A Volta da França". O 504 do diretor da prova era vermelho com teto branco, tinha uma sirene sobre a capota e adesivos dos patrocinadores. A escala era 1/24 e muito bem feita, como é tradição da marca. Portas, capô e porta-malas se abriam e as rodas esterçavam. 

A Welly também fez na escala 1/43 o 504 sedã nas cores branca, azul e vermelho. As portas deste se abrem.

504_Peugeot_Miniaturas_site_009

Também nas bancas foi vendida a série Táxis do Mundo. Não se esqueceram do felino.

504_Peugeot_Garage_Site_Miniaturas_034

Plymouth Barracuda

Todos já foram comercializados e alguns ainda se acham. Acima Plymouth Hemi Cuda Roxo Maisto, Plymouth Hemi Cuda 1968 Amarelo capô preto HotWheels , Plymouth Hemi Cuda 1968 Ocre c/ faixas pretas HotWheels , Plymouth Hemi Cuda 1971 Bege metálico interior vermelho Johnny Lightning,  Plymouth Hemi Cuda 1971 Laranja Maisto, Plymouth king Cuda 1967 Verde HotWheels Mattel,  Plymouth Barracuda 1968 Sox&Martin Super Stock Amarelo capô preto HotWheels Mattel, Plymouth Barracuda 1970 azul Capota Preta HotWheels, Plymouth Barracuda Conversível 1970 Vermelho HotWheels , Plymouth Cuda 1972 Black Snake PrudHomme's Preto HotWheels, Plymouth Cuda AAR 70 Chumbo capô preto HotWheels, Plymouth Cuda AAR 70 Verde Capota preta HotWheels. Todos na escala 1/64

Plymouth Road Runner

O Plymouth Road Runner usava a plataforma B da Chrysler. O Dodge Coronet fabricado entre 1965 e 1976, e o Plymouth GTX entre 1967 e 1971 também. Veja as fotos das miniaturas.

São das marcas Maisto, Johnny Lightning e Hot Wheels. Os grandes na escala 1/24 (Maisto) e os pequenos (Johnny Lightning e Hot Wheels) na escala 1/64. Destaque para o nº43 azul de Richard Petty, Plymouth Superbird,  marca Racing Champion, na escala 1/43

Pontiac Grand-Prix

Pontiac_GP_Nascar_Mini_Mars_2014

O modelo acima é de uma série especial da Hotwheels americana que adquiri em 2001. Belo Stock Car americano bem detalhado

Porsche 356

Abaixo dois Bburago ma escala 1/24 356 B. Na escala 1/64 dois recentes de 2017 da Hot Wheels escala 1/64 dentro das embalagens. O cupê prata 356 A é da Maisto assim como o 550 (1/43). Dentro da caixa um amarelo 356 B na escala 1/72 da Cararama.

Porsche 911

Qual fabricante em sã consciência não ia produzir miniaturas em metal do 911?  A nossa conhecida Matchbox desde os anos 80 produziu vários exemplares do 911. Dessa coleção, no catalogo de 1980 e 1985, podemos contar com um 911 Turbo na cor preta com adesivos dourados oferecida na escala 1/60. Abre as portas e tem interior marrom claro. Na coleção SuperKings, da mesma empresa, na escala 1/43, temos o mesmo medindo 110 milímetros. Preto, com adesivos brancos e detalhes de pára-choques e interior em vermelho. Havia também a opção de carroceria na cor verde metálico. A mesma lançou em 2001 a versão 911 Turbo na cor azul e a versão conversível na cor preta. Acessíveis e bem feitas.

Aproximadamente na mesma escala a francesa Majorette fez na escala 1/57 o modelo 996 de corridas. Na cor azul seus decalques são bem feitos Tem rodas cromadas e acabamento correto. Um bom brinquedo.  

A Solido francesa tinha em seu catalogo de 1979 a versão de corridas 934. Na cor branca, escala 1/43. O Carrera 911 RS, também na mesma escala estava disponível na cor marrom. As portas se abrem, as rodas cromadas são bonitas e o duplo escapamento é cromado. Bem detalhados são os faróis e faroletes assim com os pára-choques e spoiler em preto.  Nas bancas de revistas do Brasil a Del Prado Collection sempre ofereceu miniaturas com preços razoáveis e acabamento muito bom. Fez o primeiro conversível do Porsche 911 na cor preta, interior marrom e também com faróis, faroletes e rodas bem detalhados. Na escala 1/43 vem sobre uma plataforma.  Também nas bancas a Maisto vendeu a sua na escala 1/36 e cor amarela do 911 Carrera de 1995. Correta e com bom preço. Foram vendidas a partir de 2001. A conhecida italiana Bburago explorou bem a marca. No catalogo de 1999/2000 tinha na escala 1/18 o modelo GT3 Cup. Muito bem decorada com decalques em varias cores, as rodas esterçavam. Também na escala 1/18 fez o 911 Carrera de 1997 na cor vermelha, o Carrera 4 de 1998 na cor vinho metálico e o 911 Carrera Racing de 1993. Ainda do mesmo tamanho tinha o 911 conversível de 1994. Na escala 1/24 se repetiam o 911 Carrera Racing de 1993, o 911 Carrera de 1997 e o. 911 conversível de 1994. A novidade nesta escala média era o modelo 959 Turbo na cor prata.

Na menor da empresa, 1/43 havia o 959 Turbo na cor vermelha, o 911 Carrera de 1997 na cor prata e o 911 Carrera Racing de 1993 na cor azul decorada com decalques. Todos os produtos desta tradicional e afamada indústria italiana são bons e acessíveis. Ainda da Bburago há uma história interessante: em 1999, uma galeria de arte em Paris, fez o concurso “Um estímulo à criatividade. Convocou 28 artistas para pintar sobre carrocerias de miniaturas do Porsche 911, escala 1/18. Um modelo sem tinta, no metal Zamac (o mesmo em que eram fundidos carburadores e outras pequenas peças) foi entregue a eles. Uma iniciativa inusitada e o resultado foi muito interessante e belíssimo. Outra que tem um acabamento muito esmerado é a Minichamps. Fez um 911 Targa da, com muita escala 1/43. Esta mesma empresa lançou há pouco tempo o modelo 935 de 1976 que Rolf Stommelen pilotou nos 100 Quilômetros de Nürburgring. Nas cores da Martini Racing, escala 1/43, é muito bem acabada. 

Em edição limitada a Eagle Race fez os modelos 911 que correram no East African Safári na escala 1/43, em edição limitada. São as miniaturas dos carros de 1971, 1973 e 1974 muito bem decorados. Os modelos da Autoart são muito bem acabamentos, extremamente bonitos e muito detalhados. Quase uma obra de arte em escala e uma primorosa reprodução.  Estão dentre uma das melhores marcas do mundo, porém são caras.  Em seu catálogo temos o Porsche 911 996 GT3 (Vermelho ou amarelo), 996 GT3R branco e 911 GT2 ano 2002 na cor prata. Todos na escala 1/18. 

Porsche 917

As miniaturas do 917 e seus derivados foram feitos por vários fabricantes. A Sólido francesa fez, na escala 1/43, o 917 branco da Martini Racing Team. O capô traseiro se abre mostrando os 12 cilindros.

Rara e interessante é a miniatura feita pela Politoys italiana nos anos 70. Na cor vermelha, é o spider que corria no campeonato CAN-AM. Na escala 1/43.

Renault 4

O Renault 4L F6 1986, branco, furgão, "Fleuriste" é da Universal Hobbies na escala 1/43.  O amarelo, também na escala 1/43 é da coleção Táxis do Mundo Antananarivo (República de Madagáscar) 1984.. O amarelo furgão na escala 1/64 é da Majorette francesa e o preto Parisenne é da Norev, ano 1964.

Também a Solido francesa apresentou um exemplar na escala 1/18 muito detalhado. Além da versão normal tem a furgoneta em diversas decorações. Não faltam cromados e o teto solar. Na década de 60, a Joustra fez modelos em acetato. Também na escala 1/18 em diversas versões. Valem muito e são raridades. Na escala 1/43 se destacam modelos da Dinky Toys inglesa , da Norev e também da competente portuguesa Vitesse. Todas caprichadas.

Renault 5

A italiana Bburago fez um belo exemplar do Renault 5 Turbo. Nas cores Amarelo e branco        e na escala 1/24, representa a equipe oficial de fábrica. O número 9 foi pilotado por Jean Ragnotti. As portas se abrem assim como a tampa traseira mostrando o motor cromado. O banco esportivo do piloto, é vermelho, e o outro cinza. Muito bem detalhado, tem até o arco de proteção pintado de branco. As rodas esterçam. Caprichada.

Menos detalhada, também da fundição italiana, o 5 Turbo vem na cor azul e branca e sob o patrocínio da ELF e na escala 1/43. Correto e de preço acessível. Também interessante eram os kits em metal para montar da Sólido francesa. Na escala 1/43 tinha três decorações diferentes com a cor de fundo azul ou preta. Já estavam disponíveis no catálogo de 1979. E uma série especial da americana HotWheels (abaixo)

A tradicional Revell também fez, na escala 1/18, uma miniatura do R5 Turbo 2 impecável. Na cor branca, as rodas exterçam e é muito detalhada. E acessível.

Renault 8

A maior em escala 1/18 muito detalhada da marca Solido francesa.

Por dentro também muito bem acabada.

 

Rolls-Royce Silver Shadow

A Matchbox inglesa fez os dois modelos nos anos 60 e 70 o modelo Silver shadow vinha na cor bordô e o Corniche dourado com bancos marrom. Muito bonitos e mediam 75 milímetros e a tonalidade da pintura seguia os padrões do carro em escala original. Ficaram no catálogo durante anos. Depois veio o Silver Spirit em 1986, na imagem à esquerda. No alto, o prata e preto é um Corniche cupê da Corgi inglesa na escala 1/32. Abre portas, capô e porta-malas. O conversível marrom é da Solido francesa na escala 1/43.

Nota: A miniatura da série 007  infelizmente não chegou à capital mineira.

Shelby Cobra

A HotWheels americana também produziu várias versões na escala 1/65. Interessantes. A versão Daytona Coupé foi feita também na escala 1/87 (HO).  Outra foi a Ford Shelby GR-1 Concept.

AC_Cobra_Miniaturas_029

A Sunny Side Chinesa fez uma na cor vermelha na escala 1/43. Correta!

AC_Cobra_Miniaturas_018

Um colecionador de miniaturas inglês montou seu primeiro kit quando morava na África do Sul. Não parou, hoje mora na Inglaterra e possui 600 modelos Cobra de várias escalas e versões.

AC_Cobra_Miniaturas_033

Simca 1000

Quatro modelos na escala 1/43. O azul é um Táxi  de Madrid (fabricante Altaya), o verde é um Rally 2 (fabricante Norev) e o branco (fabricante Hachete)  e o cinza (fabricante Metro) versões Abarth

Simca Aronde

Versões de duas e quatro portas. O modelo cinza é um Norev. O verde "Coach" ou "Large Coupé" é um Altaya.  Todos na escala 1/43. Observe a moça abaixo vendendo morangos e o marco da estrada. Bem acabado!

Dois modelos distintos. O verde quatro portas é um Solido.

Sunbeam Alpine

Bem detalhada, na escala 1/43, base e caixa acrílica. Cenário inclusive. 

Toyota 2000 GT

A miniatura na escala 1/43 retrata muito bem uma das cenas do filme.  Veja os detalhes.

Triumph Stag

Miniatura em escala 1/43. Bem detalhado. 

Volkswagen Thing Tipo 181

A inglesa Matchbox fez um modelo ano 1975 na escala 1/64 sem capota. O laranja, na mesma escala, é da Hotwheels. Com rodas e pneus largos. O Verde é um militar da Siku que foi fabricado sob licença em Manaus. O para-brisa rebate e a capota sai. Corretos! A Maisto fez um em escala 1/24

Volvo 1800 S

As que estão na cartela são os ótimos Matchbox na escala 1/64. O azul é o Finn McMissile do desenho Cars 2 em metal Zamac da Mattel.  E o dourado é outro Matchbox. Um Volvo C30 de 2007. E o branco, meio machucado, é um Corgi Toys na escala 1/43 que será cuidadosamente restaurado! Observe o desenho do Santo no capô.

      


Texto, fotos e montagem Francis Castaings.

© Copyright - Site http://www.retroauto.com.br - Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução de conteúdo do site sem autorização seja de fotos ou textos.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Volte a página principal do site.