Automóveis nos cinemas e na TV

Nesta um pouco dos carros que vimos em cinemas e TV nas décadas de 60,70 e 80 no Brasil e no exterior. O carro é quase o protagonista do filme. Role a página e aprecie sem moderação. Só carros com mais de 30 anos de fabricação!Boas lembranças

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Simca Chambord















O eterno Vigilante Rodoviário, o Coronel Carlos Miranda que brilhou nas telas da TV na década de 60, ao lado do cão pastor Lobo, com seu Simca Chambord e sua moto Harley-Davidson. A série dos anos 60 marcou várias gerações, traz ensinamentos muito válidos até hoje e foi um enorme sucesso. Hoje o Tenente Coronel Carlos Miranda da Polícia Federal é um frequentador assíduo dos encontros de carros antigos















De noite ou de dia, firme no volante, vai pela rodovia, bravo Vigilante! Guardando toda estrada, forte e confiante é o nosso camarada, bravo Vigilante! O seu olhar amigo, é um farol que avisa do perigo, audaz e temerário, para agir a todo instante, da estrada é o Vigilante... Vigilante Rodoviário! No total foram 38 episódios, nos quais os personagens Inspetor Carlos, interpretado por Carlos Miranda, e seu cão Lobo

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Aero-Willys

O Homem do Rio

Aero_Willys_Site_Garage_Filme_Aero_Copacabana

Um grupo de ladrões pretende fazer um roubo de uma preciosidade na região amazônica. Chegam ao Brasil e começam a planejar. Trata-se de uma aventura que envolve drogas, morte e sequestro. O elenco é famoso: Agnes (Françoise Dorléac), é a filha de um homem assassinado.

Aero_Willys_Site_Garage_Filme_Aero_1961

Ela é sequestrada, drogada e enviada ao Rio de Janeiro em um avião. Seu namorado Adrien (o grande Jean-Paul Belmondo), faz papel de um soldado, procura a namorada freneticamente. Muita ação nas cidades do Rio de Janeiro, Brasília e a região da Amazônia.

Aero_Willys_Site_Garage_Filme_Aero_Azul

Exibido em 1964 ainda tem o famoso Jean Servais que faz o Professor Catalan e o italiano Adolfo Celi. É uma produção conjunta entre França e Itália. Vários modelos do Aero aprecem em cenas ótimas.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Dodge Dart

1962_Dodge_Dart_440

O filme Deu a Louca no Mundo (It's a Mad, Mad, Mad, Mad World ) de 1963, reúne grandes atores, como Spencer Tracy, Milton Berle, Sid Caesar, Buddy Hackett, Ethel Merman, Mickey Rooney, Terry-Thomas,  Peter Falk  e outros grandes é muito engraçado e tem ótimas cenas de perseguições de carros feitas por dubles profissionais.

1962_Dodge_Dart_Rua

Dura quase 2 horas e 50 minutos, mas está longe de ser cansativo. E reúne uma quantidade enorme de carros da Chrysler Principalmente os Dodge Dart desta época. Em DVD vale cada minuto.

62_D

O Plymouth Valiant (abaixo) é dirigido pelo ator Dennis Weaver (o mesmo da série Os Detetives) que foge de um caminhão-tanque durante quase todo o filme de 1971, Encurralado (The Duel). Ambos os veículos terminam num precipício. Este filme recebeu vários prêmios internacionais e foi um dos primeiros filmes do diretor Spielberg ainda desconhecido. Passou antes na TV e devido ao enorme sucesso ganhou as grandes salas. Disponível em CD, vale a pena ser visto!

Cinema_Valiant_The_Duel

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Ford Galaxie

Hawaii Five-O

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_(1)

Um dos mais longos seriados de TV era patrocinado por carros da Ford Americana. Nos Estados unidos chamou-se Hawaii Five-O e no Brasil Havaí Cinco-0. Este ótimo seriado norte-americano, era um policial, criado por Leonard Freeman, estrelado por Jack Lord que fazia o papel de Steve McGarrett, chefe do “Five-O”. Tinha como ajudante principal Danny Williams ou Danno (James MacArthur). Foram 12 temporadas, 279 episódios entre 1968 e 1980. O Tema de abertura “Hawai Five-0” obra de Morton Stevens fez grande sucesso mundial assim com a série é claro. Era mais comum ver Danno ou Kam Fong dirigindo os Galaxie sempre na cor preta.

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_(3)

Havaí 5-0 era uma equipe de elite policial do governo local, sendo o nome uma homenagem ao estado, a famosa ilha, o quinquagésimo estado dos Estados Unidos. Era liderada por Steve McGarrett, oficial da Marinha aposentado, empossado pelo governador Richard Denning. Além de Dan Williams ainda havia Kono Kalakaua (Zulu) e Chin Ho Kelly (Kam Fong) que na realidade era oficial de policia, mas deixou o cargo devido ao sucesso da série. Esta era a equipe original.

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_(4)

Só na 5ª temporada a equipe começou aumentar. Juntou-se a eles o sargento do departamento de polícia de Honolulu Duke Lukela (Herman Wedemeyer), Ben Kokua (Al Harrington), que substituiu Kono. Já na sétima Temporada, entrava em cena o detetive Frank Kamana (Douglas Mossman), que substituía Ben Kokua. Na oitava , o Sargento Duke Lukela era promovido a detetive da 5-0. E na décima segunda temporada, entraram na série James "Kimo" Carew (William Smith), Lori Wilson (Sharon Farrell) e Truck Kealoha (Moe Keale). Um grande sucesso mundial.

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_(5)

Os carros que mais se viam nas mãos dos detetives eram da marca Mercury (Leia mais) e em segundo lugar vários Ford Galaxie da geração dos nossos. Muito bom.

The Invaders

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_segunda_parte_Invasores_2

Os Invasores (The Invaders) foi uma série de televisão de ficção científica criada por Larry Cohen e exibida nos Estados Unidos e no Brasil na década de 60 entre 1967 e 1968.

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_segunda_parte_Invasores

O ator Roy Thinnes atuava como o arquiteto David Vincent. Numa estrada com pouca circulação numa noite ele vê uma nave, um disco voador chegando, pousando em uma fazenda e os seres alienígena que desejam invadir a terra são idênticos, se disfarçam de humanos. Interessante, boa história, belos Ford, mas uma pena que durou pouco.

Faixa Vermelha 7000

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_segunda_parte_Faixa_Vermelha

Faixa Vermelha 7000 (Red Line 7000) é um filme americano de 1965 que conta a história de três pilotos da Stock Cars americana numa época áurea.

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_segunda_parte_Faixa_Vermelha_2

Além de cenas ótimas nas pistas o premiado diretor Howard Hawks dirige com habilidade este que é estrelado por James Caan, Laura Devon, Gail Hire, Charlene Holt, John Robert Crawford, Marianna Hill e Skip Ward. Tem vários carros nas pistas que eram concorrentes, como o Plymouth Fury, Mercury Marauder, Dodge Coronet ou Mônaco o Galaxie 500, modelo cupê é claro, mostrando ótima performance. Merece ser visto, difícil de ser achado no Brasil.

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_segunda_parte_Faixa_Vermelha_4

Winning

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_Winnig

Outro muito bom e com atores famosos é 500 Milhas (Winning) de 1969 com Paul Newman que faz o piloto Frank Capua, Joanne Woodward (sua esposa na vida real), Robert Wagner e Richard Thomas. Frank Capua é corredor de automóveis que pilota carros da Fórmula Indy, protótipos e Stock Cars. Este filme tem vários carros da marca Ford.

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_Winnning_Taxi

Nas filmagens Paul Newman se apaixonou de vez pelas corridas e participava quando as telas o deixavam livre. Na edição de 1979 das 24 Horas de Le Mans chegou em segundo foi o mais velho piloto a chegar nesta colocação, estava com 54 anos. Foi proprietário da Newman Hass equipe de Fórmula Indy. Em 500 Milhas aparecem vários famosos pilotos da época, tais como Bobby Unser, Tony Hulman, Bobby Grim e Dan Gurney. Ótimo filme, acha-se fácil em DVD e tem ainda muito boa trilha sonora.  Abaixo numa cena com um modelo Galaxie 500 1967 com a esposa real que no filme faz papel de namorada.

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_segunda_parte

The Simpsons

Galaxie_LTD_Cinema_Site_Garage_segunda_parte_Simpsons

Na série de desenho animado Os Simpsons, uma comédia criada por Matt Groening para a Fox Broadcasting Company aparecem vários carros interessantes, inclusive o Galaxie 500. Trata-se de um sátira da família americana que faz muito sucesso em vários países do mundo. A família é composta por Homer Jay Simpson, Marjorie (Marge) Bouvier Simpson, Bartholomew (Bart) Simpson, Elisabeth (Lisa) Marie Simpson e Margareth (Maggie) Simpson. O cotidiano deles se passa na cidade de Springfield e satiriza a cultura e a sociedade americana, a televisão e vários aspectos dos humanos. Sua estreia foi em dezembro de 1989 e já foram exibidos 554 até hoje episódios.  Para todas as idades.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ford F-100

Em Risco Duplo (Double Jeopardy) com Ashley Judd, Tommy Lee Jones e Bruce Greenwood, filme de 1999, uma mulher(Ashley) , mãe de um garoto de três anos, é injustamente condenada pelo assassinato de seu marido, embora o corpo nunca tenha sido encontrado. Na prisão, descobre que o marido tramou tudo com a amante para ficar com a fortuna do seguro de vida e resolve se vingar. Anos depois, ela consegue a condicional.

Em sua busca, passa na casa da mãe e esta, empresta uma F-100 já meio surrada para ela seguir em busca de justiça. Numa pequena cidade, em investigações, ela tem que escapar. Usa a caçamba muito bem para tirar carros de sua trajetória e faz belas manobras. Bom filme.

Em Mad Max, filme australiano de 1979, que tornou Mel Gibson um astro internacional, os vilões tem um camionete Ford F-100 sem capota. Aparece em uma das várias perseguições.

Outro ótimo filme é Gran Torino. de 2008. Clint Eastwood interpreta Walt Kowalski, um trabalhador aposentado da Ford americana e  veterano da Guerra da Coreia. Ele passa seu dia bebendo cerveja e faz reparos em sua casa. Fazia questão de sempre dizer que sabia consertar muitas coisas. Ele possui um belo Ford Gran Torino Verde e uma picape F-100 1972.

É vizinho, mas não muito simpático de famílias asiáticas, negras e latinas no bairro onde mora. E se torna um herói relutante quando fica ao lado de um adolescente asiático que foi forçado por uma gangue a roubar seu precioso automóvel. Uma improvável amizade se desenvolve entre os dois, e Walt aprende que tem muito em comum com os vizinhos asiáticos. A direção também é de Clint Eastwood e o filme recebeu o prêmio da Academia Japonesa de Cinema para Melhor Filme em Língua Estrangeira e Clint o de melhor ator da National Board of Review Award por sua ótima atuação. Em DVD e merece ser visto pela história e pelos carros!

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ford Maverick

Um filme brasileiro que não chegou a várias cidades: Maverick: Caçada No Brasil. Foi lançado em 1º de dezembro de 2017

Jack Maverick (ator Emiliano Ruschel), inicia uma nova e difícil missão: investigar uma estranha série de suicídios na cidade de Passo Fundo, Rio Grande do Sul, Brasil. A situação fica complicada quando ele descobre que os acontecimentos estão relacionados ao tráfico de drogas, fazendo parte de uma gigantesca conspiração envolvendo um conglomerado internacional.

Veja um trecho

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Rural Wyllis

Deu a Louca no Mundo

O filme Deu a Louca no Mundo (It's a Mad, Mad, Mad, Mad World ) de 1963, reúne grandes atores, como Spencer Tracy, Milton Berle, Sid Caesar, Buddy Hackett, Ethel Merman, Mickey Rooney, Terry-Thomas,  Peter Falk  e outros grandes é muito engraçado e tem ótimas cenas de perseguições de carros feitas por dubles profissionais.

A paz do Tenente  Coronel Algernon Hawthorne (Terry-Thomas)  que dirige seu Jeep Station Wagon (com muitos cactus no banco de trás, acaba quando dá carona  à J. Russell Finch (Milton Berle) , sua esposa Emmeline, e sua sogra que reclama de tudo, inferniza  a vida de todos e é muito  desagradável em qualquer situação. Sra. Marcus em pé reclamando, dentro do Chrsyler Imperial Crown conversível 1962 que se envolve em um acidente de com o caminhão de mudanças de Pike.

Os três avistam o oficial do Exército Britânico, o tenente-coronel J. Algernon Hawthorne em seu Willys Jeep e o trio convence o britânico a levá-los até Santa Rosita. Depois de muitas discussões causadas ​​pela Sra. Marcus, ela e Emmeline se recusam a ir até o local onde está um grande volume de dinheiro (300.000 dólares) e Finch e Hawthorne resolvem abandoná-las na estrada em algum lugar perto do Yucca Valley. Isso depois do Jeep Station Wagon sofrer um bocado e depois capotar. Abaixo já bem detonado!

Todo o filme vale cada minuto! Disponível em DVD. Simplesmente ótimo! Veja um trecho

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Volkswagen Fusca

O famoso Herbie

Quem pode se esquecer do filme “Se meu fusca falasse” onde Herbie, um fusquinha 1963 branco com faixas vermelha, branca e azul, equipado com teto solar, número 53 no capô e nas portas, faz trapalhadas, bate adversários muito mais potentes em arrancadas de rua, pistas e estradas.

O filme de 1968, de Walt Disney, que se chamou em inglês “The Love Bug” teve seqüências menos aplaudidas mas válidas como "Herbie Rides Again" e "Herbie Goes To Monte Carlo". Um Lamborghini 400 GT faz uma breve aparição. Jim compra um belo exemplar vermelho e o pequeno fusca branco morre de inveja e tenta suicídio na famosa Ponte Golden Gate  na cidade de São Francisco no Estados Unidos. 

Veja um trecho

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Deu a Louca no Mundo

Também no engraçadíssimo, a comédia Deu a Louca no Mundo (It's a Mad Mad Mad Mad World, 1963. Um conversível vermelho, conduzido por Mickey Rooney  por estradas sinuosas da Califórnia, fez sucesso também. Veja um trecho

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias

Em 1970, um casal entra na clandestinidade e deixa o filho com um desconhecido durante a Copa do Mundo. E o Brasil vai entrar em campo para lutar pelo tricampeonato na Copa do México. Mauro, de 12 anos, adora futebol, mesmo o de botão, e está ansioso para o início do torneio. Sua idade não o deixa perceber que o país passa por um dos momentos políticos mais delicados de sua história, com um governo militar , que suprimiu todas as formas de liberdade. Inclusive a de seus pais, que, por serem de esquerda, são obrigados a viver na clandestinidade e a deixá-lo com o avô. Um Fusca azul é o carro dos pais.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Bullit

Bullit - Steve McQueen - filme de 1968, uma das mais fantásticas perseguições automobilísticas do cinema. Foram utilizados na perseguição dois Mustangs fastback 1968 GT 390 e dois Dodge charger RT 440. E um Volkswagen verde 1962 aparece duas vezes. Veja o Fusquinha verde

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Busca Frenética

Durante uma conferência médica em Paris, a esposa (Betty Buckley) do Dr. Richard Walker (Harrison Ford) é sequestrada do quarto de um hotel. Usando o pouco que sabe do idioma e da cultura francesa, Dr. Walker encontra dificuldades em lidar com a burocracia das leis da França. Sem outras alternativas, ele acaba infiltrando-se no submundo dos crimes para tentar descobrir o que realmente aconteceu com sua esposa. E conta com a ajuda de Emmanuelle Seigner que faz o papel de Michelle e tem um Fusca conversível 1970

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

The House of the Spirits - A casa dos Espíritos

A história do Chile da década de 20 aos anos 70 é contada através da saga da família Trueba, que começa com a união de um homem simples (Jeremy Irons), que fica rico, com uma jovem (Meryl Streep) de poderes paranormais. A saga se desenvolve até esta família ser atingida pela revolução, que no início da década de 70 derrubou o presidente Salvador Allende. Um Volkswagen 1300 1966 é presença constante neste interessante drama

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Cidade de Deus

Nas favelas do Rio de Janeiro dos anos 1970, dois rapazes seguem caminhos diferentes. Buscapé é um fotógrafo que registra o cotidiano violento do lugar, e Zé Pequeno é um ambicioso traficante que usa as fotos de Buscapé para provar como é durão. O Filme é de 2002 e um Volkswagen 1300 da policia faz presença.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Volkswagen Kombi

Em vários filmes os furgões eram os preferidos dos bandidos. E até em desenhos animados. Parece que era o carro padrão! Basta prestar atenção nos carros dos vilões do seriado Batman, no primeiro desenho e filme dos 101 Dálmatas, e em vários outros.

No filme Ronin, estrelado por Robert de Niro e Jean Reno, um modelo Clipper alemão transportou a equipe de mercenários logo no inicio do filme.

No filme Duas Vidas, em que Bruce Willys interpreta um estressado executivo que reencontra a si mesmo com 32 anos a menos, uma Kombi pintada à moda hippie aparece assim que ele retorna de 2000 para 1968.

Nos filmes de Elvis Presley na década de 60 apareceram várias que pertenciam a surfistas.

No primeiro filme da série De Volta para o Futuro, logo no início, vários terroristas , a bordo de uma Kombi Clipper, tentam matar o herói, Michael J. Fox.

E em Pequena Miss Sunshine.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Americanos

Bullit

O grande ator Steve McQueen, neste ótimo  filme de 1968, uma das mais fantásticas perseguições automobilísticas do cinema. Foram utilizados na perseguição dois Mustangs fastback 1968 GT 390 e dois Dodge charger RT 440.

Um dos mais memoráveis pegas do cinema está no policial Bullit. O filme, estrelado por Steve McQueen e a bela Jacqueline Bisset, tem uma  das perseguições mais emocionantes do cinema feitos nas ruas de San Francisco, na Califórnia. O duelo é com um Dodge Charger. O Mustang, placa JJZ-109, verde escuro é um modelo 1968  GT 390 fastback. McQueen, como sempre, dispensou dublês. Ele mesmo fez questão de tocar o muscle car e o adversário, dirigindo o Charger, era um ator amigo dele. Em 1998 a Ford fez uma edição comemorativa, com o modelo atual, na mesma cor do carro do cinema. Quem gosta de ver máquinas descascando pneus pode alugar em DVD. Imperdível.

Dizem que o merchandising de automóveis começou no filme francês Um Homem e um Mulher(Un Home et une Femme) de Claude Lelouch de 1966. Atuam neste drama romântico o ator Jean-Louis Trintignant e a atriz Anouk Aimée que fazem os papéis de Jean-Louis Duroc(piloto de provas)  e Anne Gauthier. Logo no princípio ele aparece num Mustang modelo conversível 1966 vermelho. Neste tem uma cena na praia de Deauville fazendo vários “peões” .

Depois aparece, ao lado do Ford GT 40, um cupê branco, em testes na pista inclinada de Monthlery. O mesmo cupê participa do Rali de Monte Carlo e muito em todo o filme. Em 1986, foi feito o filme Vinte anos Depois com o mesmos atores. Não faltou o Ford Mustang cupê de número 184. Ambos merecem ser vistos

Grand-Prix

Também no ótimo filmes de corrida de Fórmula Um , Grand Prix, de 1966, o ator James Gardner é um piloto. Nas horas de folga dirige um modelo Shelby verde com faixas douradas pelas estradas sinuosas do sul da França perto de Mônaco.

Em K-9, um Policial Bom para Cachorro, James Belushi faz dupla com um pastor alemão de meter medo. Ele tem um conversível verde 1966. O cão faz questão de ir no banco da frente ao lado de seu parceiro.Talvez seja o Mustang mais surrado que apareceu nas telas. Porém o detetive sempre se referia a ele como “um clássico” e tinha muito orgulho. No final do filme a carroceria já esta quase toda perfurada por balas.

No filme policial Malone, de 1987, com Burt Reynolds, Cliff Robertson e Lauren Hutton, Burt faz o papel de um ex-agente do FBI. Possui um belo fastback 1969 muito conservado. No final, numa cena de ação, ele mostra a potência Ford.

No filme 60 segundos (Gone In 60 Seconds) de 1973, a estrela é um  Mustang Mach 1 amarelo. Nesta fita há muita destruição de carros e perseguições.

Na refilmagem em 2000, a versão Shelby GT500 de 1967 na cor prata se chama Eleanor e é cultuada pelo ladrão de carro interpretado por Nicolas Cage. Neste filme há quase 40 minutos de perseguições. Cage tinha 24 horas para roubar carros de prestigio como Mercedes, Ferraris, Porsches e Lamborghinis.

Inclusive James Bond, o agente 007, fritou pneus em Las Vegas a bordo de um Mach 1 vermelho 1971. Foi no filme Os Diamantes São Eternos (Diamonds Are Forever ) de 1971 com Sean Connery. As cenas são muito bem feitas e o Mustang fica em duas rodas, dá cavalo de pau e deixa louca a polícia do estado de Nevada.

No seriado As panteras (Charlie's Angels), que foi ao ar de 1976 a 1981, com três lindas mulheres, Kelly, Jill e Sabrina, (respectivamente Jaclyn Smith, Farrah Fawcett e Kate Jackson) usavam carros Ford. Um deles era o Ford Pinto e o outro um Mustang II  branco com faixas azuis, fastback, modelo Cobra, ano 1975.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Fuga Alucinada

Dodge Chrager R/T 1969

Larry e Deke assaltam uma loja e planejam usar os lucros para comprar um maravilhoso carro de corrida. Com o veículo, eles esperam ganhar mais corridas e enfim chegar ao mundo profissional do circuito NASCAR. Só que seus planos são atrapalhados por um xerife e seus policiais, que começam uma perigosa perseguição em busca da dupla . Vários Dodges muito interessantes e o Chevrolet Impala 1965 também é destaque

O Dodge Charger de Bullit

Bullit - Steve McQueen - filme de 1968, uma das mais fantásticas perseguições automobilísticas do cinema. Foram utilizados na perseguição dois Mustangs fastback 1968 GT 390 e dois Dodge charger RT 440

E o famoso General Lee

The Dukes of Hazzard foi uma série TV exibida entre 1979 a 1984. Criado por Gy Waldron tinha como atores principais Tom Wopat (Luke Duke) e John Schneider (Bo Duke). A série se passava no Condado fictício de Hazzard, uma pequena cidade do interior do estado da Geórgia, em que o Tio Jesse (Denver Pyle), tinha um rancho. Lá era a produzido e comercializado o uísque clandestino, chamado Moonshine. Sempre com a ajuda de seus sobrinhos Bo Duke e seu primo Luke Duke, eles faziam a entrega e a distribuição da bebida, até um dia em que eles foram apanhados pela polícia. Todos de Dodge. Só tio Jesse tinha uma picape Chevrolet C-10.

Em Os Gatões, o Dodge Charger General Lee foge da polícia quase todo o tempo.Atrás deles sempre está o Xerife Roscoe e seu companheiro o Basset Flash. Também num Dodge, modelo Mônaco. 

Tanto na televisão quanto no cinema foi grande astro. Em A View to a Kill que aqui se chamou 007 Na Mira Dos Assassinos, de 1985, que traz Roger Moore como James Bond, a bela Tanya Roberts como Stacey Stuton, Christopher Walken como Max Zorin e a cantora Grace Jones como May Day. As locações se passam na Sibéria, em Paris, Londres e em San Francisco onde podemos ver em ação os Dodge Monaco. Foi o décimo quarto filme da série James Bond e traz o inglês Roger Moore interpretando pela última vez o papel de 007. Ótimo filme disponível em DVD.

Os Dodge se envolvem no filme quando a prefeitura da cidade de San Francisco pega fogo e James e Stacey estão lá dentro. Antes de conseguirem sair do prédio em chamas chega um caminhão American LaFrance dos Bombeiros e alguns Dodge.  Salvos, James se identifica com Agente Secreto do Serviço Britânico e um policial não acredita e se identifica como Dick Tracy. A confusão se instala, James “pega o caminhão emprestado” e a perseguição começa pelas ruas da bela cidade americana. É divertido!

 

E o carro já bem amassado (acima) e cansado conforme a reprodução da miniatura.

Também teve atuação em vários capítulos da série Os Gatões entre 1980 e 1985 e também no afamado filme The Blues Brothers(Os irmãos cara de pau) de 1980 e também em sua segunda versão em 2000. No cartaz do filme estrelado por John Belushi e Dan Aykroyd o poderoso Dodge, na versão de 1974, está lá.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Plymouth Fury

Seus fãs não se conformam com os carros destruídos na filmagem. Modelos inferiores da linha também foram transformados em Christines para isso e ainda o são por aficionados, que também adoram listar erros e diferenças entre o livro e o filme. No primeiro, Christine tinha quatro portas, o que só seria possível no Fury 1959. O filme corrigiu o engano, mas não outro tão óbvio quanto: de 1956 a 1958 o Fury vinha apenas na combinação das cores creme e amarelo-ouro.

Um pedido especial seria a justificativa da trama. Embora o vermelho fosse mais apropriado para um carro chamado Fury, ele só estava disponível no menos equipado Belvedere. O livro ainda menciona transmissão Hydramatic (da GM) e até o câmbio que se move para drive, ignorando o fato de o Fury usar botões. Mas quem se incomoda tanto se King e a equipe do filme não foram tão fiéis à realidade? O importante é que eles ajudaram a criar na ficção um belo e temível mito, que dispara muita adrenalina nas veias dos fãs do carro. Como ocorria com as vítimas de Christine.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Plymouth Barracuda

Foi um campeão dos seriados. Em setembro de 1970 estreou nos Estados Unidos o seriado “The Immortal”. Poucos anos depois passaria também aqui no Brasil. O protagonista era o ator Christopher George que fazia o papel do piloto de testes Ben Richards. Era um bom homem, que tinha uma bela namorada e um bom emprego. Num determinado dia, seu poderoso patrão, já velho e doente precisou de uma transfusão de sangue. Ben foi o doador e após este procedimento seu patrão ficou mais jovem e suas doenças acabaram. Foi descoberto que Ben tinha um sangue diferente que o tornava imortal. Aí começava o tormento do personagem, pois seu patrão queria mais sangue e compartilhou este segredo com pessoas de poucos escrúpulos. Começava uma caçada humana. Em todo seriado havia sempre ótimas perseguições de carros que envolviam cenas empolgantes. E no primeiro, Ben ganhou de seu pai adotivo um Barracuda da primeira geração. Este ótimo seriado só contou com 15 episódios infelizmente. Existe em DVD e vale a pena ser visto para quem curtiu a série nos anos 70.

Outra série de sucesso aqui no Brasil e nos Estados Unidos foi Miami Vice. Os atores principais eram Don Johnson e Philip Michael Thomas que faziam os papéis dos policiais detetives James "Sonny" Crockett e Ricardo "Rico" Tubbs. Esta série foi de 1984 a 1989. E em março de 1996, o mesmo Don Johnson voltava as telas, no papel de um detetive, só que do outro lado dos Estados Unidos, na cidade californiana de São Francisco. O seriado se chamava Nash Bridges, durou 122 episódios e o policial Cheech Marin (Don Johnson) fazia suas investigações a bordo de um Plymouth Hemi Cuda, ano 1971, na cor amarela e conversível. Este carro atualmente está sendo posto a leilão por uma soma considerável.

No princípio dos anos 90, um seriado chamou muita atenção no Brasil e logicamente nos Estados Unidos. Aqui sempre passava domingo, lá pelas dez, onze horas da noite. Era Twin Peaks, um drama policial sempre com muitas tensões e suspenses.  O diretor era o polêmico David Lynch que criou uma cidade fictícia chamada Twin Peaks. Foram 30 episódios em duas temporadas e fez muita gente pregar o olho na TV. Quem matou brutalmente a adolescente Laura Palmer ? A investigação era feita por um agente do FBI chamado Dale Cooper interpretado por Kyle MacLachlan. Contou com grande elenco. E um carro que apareceu muito foi o Plymouth Barracuda de cor preta, conversível, ano 1967. Quando a série passou, uns amavam, outros detestavam. Tem em DVD.

Nas grandes telas também fez bonito. No ótimo filme High Crimes (Crimes em Primeiro Grau) de 2002, onde se destacam afamados atores como a bela Ashley Judd (Claire Kubik), o grande Morgan Freeman (Charles Grimes) e James Caviezel (Tom Chapman). A esposa Claire tinha uma vida pacata e harmoniosa com seu marido. Até que descobriu que seu marido, participou de guerrilhas em El Salvador. Era um homem extremamente hábil e ambidestro. E foi acusado de ter participado de um massacre fato que ela desconhecia. Neste ótimo filme eles utilizam muito um Plymouth Barracuda, da segunda geração, de 1968.

O filme de 2004, Highwaymen (Velozes e Mortais) é uma DVD com muita ação, certa violência e suspense. É neste que um possante Plymouth Barracuda com o pacote 426 ano 1968 vermelho aparece muito. O enredo é sobre um homem obcecado em encontrar o assassino de sua mulher que foi atropelada de forma proposital numa estrada de forma bem violenta. O ator principal é interpretado por Jim Caviezel (Ele gosta de um Barracuda pelos papéis que faz) que faz o papel de Rennie Cray um ex-médico e presidiário que dirige o Plymouth veloz pelas estradas americanas. Está investigando há um bom tempo a pessoa que matou a esposa e descobre que este é também um obcecado pelo mal, pela vingança e dirige um Cadillac Eldorado 1972 verde com modificações. Veja o filme que é bastante interessante por conta da ação e dos carros. Veja um trecho

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

AMC Hornet

O modelo ficou mundialmente conhecido no filme de 007. Numa cena, sua parceira a bela Britt Ekland interpreta Mary Goodnight e fica presa com as chaves do Mercedes-Benz 200 usado por ambos nas investigações, dentro do porta-malas carro do malfeitor Saramanga o homem da pistola de ouro interpretado por Christopher Lee. Ela é sequestrada.

Sem recursos, James Bond, diante de uma concessionária AMC em Bangkok, na Tailândia entra em um Hornet hatchback V8 360 vermelho. No assento do ao lado motorista estava o ator Clifton James (Xerife J.W. Pepper). Bond dá a partida e sai em disparada quebrando os vidros da loja. Começa a perseguição pelas ruas e o agente britânico estava atrás de Saramanga que dirigia seu AMC Matador. Tudo foi muito bem filmado. Num determinado momento, Saramanga, mais esperto e conhecedor do local, estava do outro lado de um canal e 007 perderia muito tempo em contorná-lo. Vê-se diante de uma ponte quebrada ao meio que tem uma subida inclinada.

Dá um ré forte no Hornet, engata a marcha à frente e pisa fundo. O salto em espiral foi perfeito. Tudo foi calculado por computador para que a cena fosse perfeita. Estes foram feitos na Universidade de Cornell da Califórnia. O dublê (Loren Willert) estava num acento entre os bancos da frente. Nestes estavam bonecos. O carro foi alongado em um centímetro, tinha peso de 1.430 quilos e percorreu 15, 86 metros a uma velocidade de 64.36 km/h. O AMC Hornet ficou imortalizado nesta cena. Veja o salto

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

AMC Matador

Também foi um campeão em telas de filme e seriados. No filme 007 Contra o Homem da Pistola de Ouro (The Man with the Golden Gun) era o carro do vilão Francisco Saramanga (Christopher Lee) que após uma perseguição tem asas e um motor acoplado a carroceria e decola para o espanto de todos. Nos seriados Arquivo Confidencial e Gatões o sedã era presença constante. O AMC Matador nas ruas de Bangkok na Tailândia.

Acima Scaramanga, o Homem da Pistola de Ouro e seu assistente Nick Nack (Hervé Villechaize). Trata-se de uma maquete, mas a cena é muito bem feita.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Checker Marathon

Em Viva e Deixe Morrer (Live and Let Die) é o primeiro filme em que o inglês Roger Moore interpreta o papel do agente 007. Produzido em 1973 se passa quase todo nos Estados Unidos e numa ilha fictícia do Caribe. Dando continuidade foi produzido por Albert Broccoli e Harry Saltzman e é baseado no romance homônimo de Ian Fleming.

James Bond vai aos Estados Unidos, chega à Nova York, para tentar deter um grande traficante de drogas, denominado Mister Big que é muito poderoso. James se envolve num perigoso e delicado meio gangsters e de feiticeiros. Tem como atores também Jane Seymour (Solitaire), Yaphet Kotto (Kananga e Mr. Big), Clifton James ( Xerife J.W. Pepper que também participa de O homem da Pistola de Ouro, Gloria Hendry (Rosie Carver), Bernard Lee – M, Lois Maxwell  a inesquecível  Miss Moneypenny e David Hedison (Felix Leiter) que apareceu duas vezes. A primeira neste e depois em 1989 em 007 - Permissão para Matar.  O carro Checker aparece em cena quando Bond sai de uma loja de produtos místicos no Harlem. Passam pelo Cental Park  perseguindo um Cadillac Fleetwood 60 Special Brougham 1971. Aparecem nas ótimas cenas deste filme vários Chevrolet Impala, Bel Air, Nova, Malibu... E a cena de perseguição de lanchas é ótima. Não esquecendo da trilha sonora de Paul McCartney.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Táxi Driver

No seriado humorístico, de nome Táxi, dos anos 70, que há até dois anos atrás ainda passava  num canal de TV a cabo, estrelado por Danny Devito, que era o chefe dos motoristas , podemos ver vários exemplares do modelo. Mas nas telas dos cinemas,  ele ficou ainda mais famoso e eternizado no longa metragem Táxi Driver estrelado por Robert De Niro e Jodie Foster sobre a direção de Martin Scorsese. O filme fez muito sucesso em 1976 na estreia e depois também.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Chevrolet Bel Air

Apareceu em vários filmes da década  de 50 e 60.

No primeiro filme de James Bond, O Satânico Dr. No, quando o ator escocês Sean Connery  na pele de 007 desembarca na Jamaica, embarca num Bel Air 1957 preto conversível com bancos vermelhos. O chofer queria logo elimina-lo mas Bond chega ao seu destino dirigindo o Chevrolet.

Um diretor de cinema que ama os automóveis, Francis Ford Coppola, fez o filme Americam Graffiti que no Brasil se chamou “Loucuras de Verão” . Durante toda a narrativa, um dos atores principais, que tinha um Hot Rod amarelo, um Ford cupê 1932, era desafiado para um racha  por um cowboy que tinha um Bel Air preto 55 duas portas bem envenenado também. O modelo acima 1958 pertencia ao ator Ron Howard que fazia o papel de Steve Bolander

Este cowboy era ninguém menos que Harrison Ford numa de suas primeiras aparições nas telas.

Em As Barreiras do Amor de 1992 traz os atores Michelle Pfeiffer e  Denzel Washington

Uma dona de casa de Dallas está tão obcecada com os Kennedy que ela viaja de sua cidade natal até Washington DC para o funeral do presidente. Na sua ida, ela encontra um homem negro e sua filha, mas depois de uma série de eventos os três são perseguidos pela polícia, pelo FBI e alguns racistas. Michelle Pfeiffer e  Denzel Washington dirigem uma perua 1958

Não podemos esquecer do filme The Hunter (Caçador Implacável - The Hunter), de 1980, onde o famoso ator Terence Steven McQueen faz um caçador de recompensas e dirige sem suas investigações um Chevrolet Styleline De Luxe 1951. E dirige muito mal! Ótimo filme!

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Chevrolet Picapes

No filme as Pontes de Madison (Bridges of Madison County) de 1995 o ator e produtor Clint Eastwood vive o fotógrafo da revista National Geographic, Robert Kincaid, que tem um romance com Meryl Streep que faz o papel de Francesca Johnson.

Neste belo filme as picapes  Chevrolet estão presentes. Ele tem uma GMC 1500 1960 e o marido de Francesca tem uma Chevrolet Task-Force Apache 1959 

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Para quem gosta de um bom filme com várias perseguições vale a pena ver "The Driver" de 1978 com Ryan O'Neal que faz o papel principal e da show de pilotagem. Ele e outros atores famosos fizeram a escola de pilotagem Advanced Teen Driving - Bondurant Racing School do ex piloto Bob Bondurant. No filme Ryan usa vários carros e uma Chevrolet C-10 Stepside 1973 muito rápida!

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Ectomobile, uma versão modificada de uma ambulância Cadillac Miller-Meteor de 1959.

Os Caça-Fantasmas Ghostbusters) é um filme americano de 1984, dos gêneros fantasia, aventura, ficção científica e comédia, dirigido por Ivan Reitman e escrito por Harold Ramis e Dan Aykroyd. O filme foi estrelado por Bill Murray, Aykroyd e Ramis como Peter Venkman, Ray Stantz e Egon Spengler, parapsicólogos excêntricos que começam um negócio de "capturar fantasmas" em Nova York.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Pontiac Grand-Prix apareceu em vários filmes de sucesso. E bem conhecidos do público.

Pontiac_Grand_Prix_in_Days_of_Thunder_1990_telas_Site_Garge_curva


Em Dias de Trovão (Days of Thunder) de 1990 é um filme que narra o dia a dia das equipes e dos pilotos de corrida de Stock Cars nos Estados Unidos. Não foi bem recebido pela crítica. Mas é muito bem feito, com cenas emocionantes e um elenco estelar. O diretor é o conhecido Tony Scott (Top Gun e Beverly Hills Cop 2 ) e a história foi escrita por Robert Towne e o ator Tom Cruise. Este é um apaixonado por bons carros e grande fã de corridas. O elenco conta com Tom Cruise que faz o papel do estreante piloto Cole Trickle. Quem ajuda-o a construir o carro é Robert Duvall que interpreta Harry Hogge um mecânico muito experiente na construção dos bólidos. O seu maior adversário é Randy Quaid é o dono da equipe adversária, mas que se torna aliada no fim da trama Quem faz o piloto pouco ético Michael Rooker (Rowdy Burns) que é da mesma equipe de Cole Trickle, mas acaba sendo um amigo pelo apoio de Cole.

Pontiac_Grand_Prix_in_Days_of_Thunder_1990_telas_Site_Garge

No transcorrer da fita, após um sério acidente que envolve ambos os pilotos, ele (Cole Trickle) conhece a médica Claire Lewicki, a bela Nicole Kidman. Os dois se apaixonam na ficção e na realidade. Conta-se que Cruise recebeu uma multa por excesso de velocidade enquanto rodava o filme: Era permitido 90 km/h e ele estava a 140.

As corridas se passam em famosas pistas da temporada como Daytona, Talladega e Darlington. E o Pontiac Grand-Prix 1990 faz parte como Pace Car (Carro Madrinha) e também como concorrente em várias cenas. Um bom filme para quem gosta de carros e corridas.

Pontiac_Grand_Prix_in_Kalifornia_1976_Telas_Garage

Um ótimo filme é Kalifornia(Kalifornia) de 1993. Trata-se da história de um assassino maníaco interpretado pelo astro Brad Pitt (Early Grayce). Ele vive junto com Juliette Lewis (Adele Corners) dentro de um trailer que se localiza num ferro velho. O dono deste, apenas chamado de Old Man (Tommy Chappelle) vive as turras com Early por causa do atraso do aluguel do trailer. É dele um Pontiac Grand-Prix, ano 1976, muito surrado. O velho é morto por Early que rouba seu Grand-Prix e depois enterra o carro junto com o homem. O filme continua e tem ótima atuação de David Duchovny (Brian Kessler) que vive um escritor e sua bela namorada fotografa Michelle Forbes(Carrie Laughlin). Os dois partem em viagem com o casal Early e Adele a bordo de um Lincoln Continental conversível sem saber do destino que lhes espera. Ótimo filme.

Pontiac_Grand_Prix_in_Goodfellas_1968_Telas_Site_Garage

Outro bom filme, mas muito violento é Os Bons Companheiros (Goodfellas) de 1990. Conta com um grande elenco e estes atores brilhantes são Robert De Niro, Ray Liotta, Joe Pesci e a bela Lorraine Bracco. Nos anos 50, em Nova York, um adolescente Henry Hill(Ray Liotta) começa a se encantar com o poder dos marginais. Cresce no meio deles e torna-se um também. Tem ótimas cenas de ação e também ótimas interpretações que valeu um Oscar de coadjuvante para Joe Pesci. O filme se passa em três décadas. E, em várias da década de 60, podemos ver várias vezes um Grand-Prix marrom com capota branca de 1968. Noutra, já na década de 70, é a vez de um azul de 1978.

Pontiac_Grand_Prix_in_The_Bridges_of_Madison_County_1990_telas_Garage

No belo drama As Pontes de Madison (The Bridges of Madison County) de 1995 Clint Eastwood é o fotografo Robert Kincaid da famosa revista National Geographic. Ele percorre o estado de Iowa para registrar em sua máquina as belas pontes locais. E conhece a bela Meryl Streep(Francesca Johnson) que faz o papel de uma pacata senhora chamada Francesca Johnson. Já no final do filme, os filhos de Francesca, Caroline (Annie Corley) e Michael (Victor Slezak) vão visitar a casa da mãe após a morte da mesma. Chegam num Grand-Prix quatro portas 1990 azul. E neste também percorrem vários locais que a mãe narrava em cartas. Excelente fotografia e história e neste belo filme.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Agarre-me se Puderes (Smokey and the Bandit)

Burt Reynolds faz o papel do “Bandido” e seu amigo caminhoneiro é Jerry Reed que faz o papel de Cledus "Bola de Neve" Snow e tem ao seu lado o fiel cão da raça Basset Hound que se chama Fred. Filme de 1977. E Burt está sempre a bordo de seu Pontiac Trans-Am

E Cledus em seu grande caminhão Kenworth 1974.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Dodge Challenger

Em Corrida contra o Destino (Vanishing Point), 1971, um ex-piloto de motocicletas e Stock-Cars chamado Kowalski (Barry Newman), rasga o asfalto saindo de Denver, no Colorado, e aposta chegar em São Francisco, na Califórnia, em 15 horas. Faz um "voo" solitário a bordo de seu Dodge Challenger R/T 440 branco, placa OA-5599, equipado com compressor. Este filme já recebeu refilmagem, não tão boa e fiel a original, e a trilha sonora do primeiro (Cleavon Little ) também é ótima. A música-tema do programa Globo Repórter veio deste filme. Escute Freedom of Expression de Jimmy Bowen. Ainda: Mississippi Queen de Corky Laing,  Felix Pappalardi e David Rea. Outras que fazem parte também são ótimas para os ouvidos. Excelente! Veja o DVD ou escute em CD . O filme na década de 70 chegou a ser projetado em salas de arte.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ford GT-40

No filme francês de 1966, Um homem e uma mulher, estrelado pelo ator e piloto Jean Louis Tritingnan, o GT40 aparece fazendo testes na pista inclinada do circuito francês de Linas-Montlhéry. Neste filme, que dizem que foi a estréia do merchandising nas telas, o Ford Mustang do protagonista, é tão importante na fita quanto ele.

Veja uma ótima cena do filme clicando na foto

Também no recente Ford Versus Ferrari

Narra a batalha histórica em Le Mans de marcas famosas cujo principais opositores são Ford e Ferrari. Veja o trailer

 ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ford Ranchero

Ford_Rancher_goldfingergalaxiepickup_Ferro_Velho

Ford Ranchero em 007 Contra Goldfinger

Em 1964 estreava o terceiro filme da série James Bond com ótimo ator escocês Sean Connery. Era 007 contra Goldfinger de 1964 que tem quase toda a locação nos Estados Unidos e muitos carros do grupo Ford. Na Europa, nos Alpes suíços o Aston Martin DB5 estréia nas mãos de Bond numa perseguição leve contra um Ford Mustang.

Ford_Rancher_goldfingergalaxiepickup_Mansao

Depois várias cenas em Forte Knox no estado de Kentucky onde há muito ouro guardado. Auric Goldfinger, James Bond, Oddjob e Honor Blackman(Gert Fröbe, Sean Connery, Harold Sakata e Pussy Galore estão diante da mansão do haras de Goldfinger ao lado de um Lincoln Continental 1964 quatro portas. Este é carregado com algumas barras de ouro como pagamento de um cúmplice. O carro é infelizmente prensado, junto com o cúmplice, até virar um pacote. E esta carga vai para a caçamba do Ford Ranchero Azul da empresa do vilão. Ótimas cenas, ótimo filme.

Ford_Rancher_goldfingergalaxiepickup

 ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ford Thunderbird

Nas telas O filme 007 Contra Goldfinger fez muito sucesso quando foi lançado em 1964. E era recheado de carros bonitos e principalmente Ford. Nesta fita tiveram destaques o Lincoln Continental, Ford Country Squire 1964, Ford Falcon Squire 1963, Ford Customline Country Sedan 1954, uma picape Ford F-1 1948, outra Ford F-100 1959, duas Ford F-Series uma 1955 outra 1957, Ford Fairlane 1957, 1959 e outro 1961, um Ford Falcon 1969, uma picape Ford Falcon Ranchero 1964, um Mustang 1965 branco na Europa logo no início e um belo Ford Thunderbird 1964.

Goldfinger é um filme de muita ação e o terceiro da série 007 com Sean Connery no papel do agente secreto James Bond. Interessante que o criador dos livros Ian Fleming morreu meses antes da estreia deste filme. Passado na Europa e principalmente nos Estados Unidos, o filme é sobre o comerciante de ouro Auric Goldfinger que tem um plano para assaltar Fort Knox, a reserva federal de ouro dos Estados Unidos.  Ótimo filme que pode ser adquirido em DVD. A ótima trilha sonora é cantada Shirley Bassey e a música foi composta por John Barry.  Quem está a bordo do Thunderbird Branco e o amigo americano de Bond, o homem do FBI Felix Leiter.  

         

Nota:  Em Die Another Day, James Bond aparece ao volante do Aston Martin. O vilão, Zao, interpretado por Rick Yune, dirige o Jaguar conversível modificado, de 400 cavalos de potência, e a mais recente Bond girl, Halle Berry, guia o novo Ford Thunderbird, que esteve no mercado no princípio do século XXI. Também aparecem na produção um Land Rover Range Rover, um Volvo S60 e um S80, um Ford Street Ka e dois modelos clássicos, o Ford Fairlane e o Ford GT 40. Todos os veículos, não americanos, eram do Grupo Ford e a maior parte deles é fabricada na Inglaterra, o que mostra o nacionalismo recentemente reforçado no herói, depois de alguns filmes usando carros alemães da BMW.

Die Another Day chamado no Brasil de 007 - Um Novo Dia para Morrer foi apresentado em 2002 e tem no elenco Pierce Brosnan, Halle Berry, Toby Stephens, Judi Dench,  John Cleese e Madonna que fez parte da trilha sonora e também participa de uma cena de luta de esgrima. É o vigésimo filme da série de filmes James Bond no cinema, e o quarto e último de Pierce Brosnan como o agente 007. Na foto abaixo Jinx, interpretada por Halle Berry está à bordo de um Ford Thunderbird 2002. O objetivo destes artigos é contar a história de carros que apareceram nos filmes de James Bond, mas não podia deixar de citar um seriado importante e um belo filme em que o Thunderbird é um importante coadjuvante.

No seriado Vegas, o detetive Dan Tanna desfilava pelas ruas de Las Vegas com um Thunderbird 1957 vermelho.  O ator Robert Urich fez o papel principal em todos os 69 episódios de 1978 à 1981. Morreu de um raro câncer em 2002 aos 55 anos.

No filme Telma e Louise, elas viajavam a bordo de um conversível azul de 1966. Thelma and Louise é um filme de 1991 com produção do competente Ridley Scott. O elenco é abrilhantado por Susan Sarandon, Geena Davis, Harvey Keitel, Michael Madsen e Brad Pitt em início de carreira. Este recebeu o Oscar de melhor roteiro original de 1992, além de ter concorrido nas categorias de melhor diretor, melhor atriz (Geena Davis e Susan Sarandon), melhor fotografia, melhor edição. Um excelente filme de estrada, um belo drama com ótimas interpretações.

Para ver e rever.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ford Gran Torino 1976

Starsky & Hutch foi uma série de televisão americana da década de 1970, criada por William Blinn e produzida pela Spelling-Goldberg Productions. Exibida pela rede ABC entre abril de 1975 e maio de 1979. Contou com 92 episódios de 60 minutos cada. 

Em 2004 foi lançado o filme Starsky & Hutch - Justiça Em Dobro, dirigido por Todd Phillips e estrelado por Ben Stiller e Owen Wilson, inspirado na série de televisão.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Shelby Cobra

No filme Ford Versus Ferrari o Cobra aparecer muitas  vezes. Veja um trecho

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Lincoln Continental

No filme 007 contra Goldfinger de 1964 se passa em boa parte nos Estados Unidos, começa em Miami e depois as cenas vão para a Europa. Nos Alpes suíços o Aston Martin DB5 estreia nas mãos de Bond numa perseguição leve contra um Ford Mustang. E também em Forte Knox no estado de Kentucky onde há muito ouro guardado. O filme teve boa presença de carros da Ford. Sean Connery está neste como James Bond e podemos vê-lo diante da Mansão Do haras de Goldfinger ao lado de um Lincoln Continental 1964 quatro portas. Este é carregado com algumas barras de ouro como pagamento de um cúmplice. O carro é infelizmente prensado, junto com o cúmplice, até virar um pacote. Desperdício!

Ótimo filme da série Bond, terceiro da série com o ator escocês. No final do filme, quando Bom se despede de Felix Leiter, o agente da CIA, mais dois modelos aparecem no filme.

Também esteve em 007 contra a Chantagem Atômica(Thunderball) que é o quarto filme da série interpretado por Sean Connery. Outro que tem vários Ford como o Fairlaine, Thunderbird, Galaxie, Mustang e logicamente o Continental numa bela versão limo logo no começo numa cena numa catedral nos arredores de Paris, França. Já no meio do filme James vá à casa do vilão Largo em Nassau à bordo de um belo quatro portas azul conversível com capota de lona branca. No final também é possível vê-lo quando Bond está com Domino (Claudine Auger) na praia. Outro filme muito bom. 

Também no filme JFK, estrelado por Kevin Costner, o Continental presidencial aparece na cena real trágica em que o presidente dos EUA é assassinado. 

No seriado da década de 70, o simpático detetive americano gordo, com bigodes, de nome Canon, partia para a investigação a bordo de um enorme cupê Lincoln Mark IV 1971.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Lincoln Futura - Batmóvel

O Batmóvel , o carro utilizado por “Batman” na série de televisão norte-americana dos anos sessenta, foi utilizado na primeira série de televisão, entre 1966 e 1968, sendo construído por Georges Barris (1925-2015) a partir de um Lincoln Futura comprado em 1955 num ferro-velho por apenas um dólar. A série ficou muita famosa e repetida por vários anos na TV.

O Batmóvel de 1966  é um dos carros mais famosos de Hollywood e se tornou um grande ícone que de todas as gerações de Batmóveis. De longe á o mais famoso e lembrado apesar das versões dos filmes serem interessantes também.

O carro pesava quase três toneladas e não passava dos 90 km/h! O motor original Lincoln V8 foi substituído por um Ford também com oito cilindro em "V" e com  427 polegadas cúbicas (6997 cm³) . Tinha ainda dois compressores volumétricos da marca Paxton e contava com transmissão  automática. As suspensões originais dava ao Batmóvel muitos movimentos de carroceria, principalmente em freadas e curvas fortes. Imposível não lembrar da saída da Batcaverna em velocidade e da chegada a portaria do prédio do comissário Gordon em Gotham City

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Mercury 50

Cobra ( Stallone Cobra) é um filme produzido nos Estados Unidos em 1986, estrelado por Sylvester Stallone (que também assina o roteiro) e Brigitte Nielsen.

Conhecido pelo apelido de Cobra, Marion Cobretti (Sylvester Stallone) é o policial indicado para todos os serviços considerados de alto risco ou impossíveis, mantendo sempre viva a tradição do Esquadrão Zumbi, "os últimos da lista", especializados em fazer serviços que ninguém mais quer fazer. Quando um assassino começa a cometer crimes na cidade, Cobra é chamado para detê-lo e para proteger suas futuras vítimas, como a linda modelo Ingrid (Brigitte Nielsen).

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Mercury Cougar

O único filme 007 que George Lazemby, australiano, estrelou foi 007 A Serviço Secreto de Sua Majestade. Atuou bem, mas vários fatores pouco esclarecidos até hoje não confirmam o motivo da sua continuação como agente. Havia até um contrato para atuações em mais de cinco edições.

Há muita ação, ótimas cenas de perseguições de carros e ski e locações bonitas na velha Europa. Quem fez o dublê de Tracy Vicenzo (Diana Rigg) no Mercury Cougar dirige muito bem. O Cougar 1969 dá um show na neve, em estradas secas ou molhadas.  O carro aparece sem a capota de lona, com a mesma e também fechado com os skis apoiados. Belo carro esporte americano.

 

Vale a pena ver o filme pela história e para ver o cupê Mercury vermelho. Clique aqui para ver uma das cenas.

Também em A Lovely Way to Die

No filme de 1968, A Lovely Way to Die, um policial que mistura romance e suspense, o grande Kirk Douglas interpreta Jim Schuyler e a belíssima Sylva Koscina é a milionária Rena Westabrook que está envolvida num misterioso crime.

Ele é um detetive e ex-policial. Faz suas investigações num belo Mercury Cougar branco. Um filme clássico muito bom. Com a classe e o charme dos anos 60.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Mercuri Montego e Marauder

Uma das maiores séries de televisão americana, com 279 episódios, Havaí 5-0 (Hawaii Five-O) que estreou em setembro de 1968 e foi produzida até abril de 1980 os Mercury eram presenças constantes. Tanto o Montego quanto o Marquis. Principalmente no início da série.

Nas investigações na cidade de Honolulu, Jack Lord (Steve McGarrett) e seus companheiros James MacArthur (Dan Willians), Kam Fong (Chin Ho) e Zulu (Kono) utilizavam vários modelos.

E o Montego, nas versões Park Lane e Brougham foram muito usados nas versões duas e quatro portas, sempre na cor preta e um conversível. Esta versão provavelmente era o carro de fim de semana de Steve.

Veja um trecho da inesquecível abertura

 -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Tucker Torpedo

Francis Ford Coppola imortalizou o homem e sua máquina no filme “Tucker, um homem e seu sonho”. O ator Jeff Bridges interpretou com grande desenvoltura Preston. Foram reunidos 22 dos 46 Tucker que ainda rodam nos EUA. A fábrica foi muito bem reconstituída usando-se uma antiga fábrica da Ford na Califórnia. Uma réplica em madeira e outras em fibra de vidro também participaram das filmagens. Até um Studebaker 51 foi maquiado numa das cenas para parecer um autêntico Torpedo.  O  próprio cineasta emprestou ao filme dois exemplares particulares

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Alemanha

Podemos vê-lo no filme Top Gun com Tom Cruise e Kelly Magilles. Um bonito 356 verde-escuro, versão Speedster.

Também no ótimo filme Bullit de 1968. O Porsche 356 é dirigido pela bela Jacqueline Bisset numa auto estrada após a famosa perseguição nas ladeiras e depois em estradas de São Francisco (Estados Unidos) com os veículos saltando em alta velocidade. Um Dodge Charger R/T 440 preto, pilotado por um malfeitor e o Ford Mustang GT 390 verde do Tenente Frank Bullit.

E James Dean? Em março de 1955 comprou seu Porsche 356 1.500 Super Speedster conversível, e em setembro de 1955 Jimmy comprou um 550 Spider prata (foto), com o número 130 pintado no capô e na traseira seu apelido "Little Bastard".

Adorava seu Porsche, competiu com ele várias vezes. Numa oportunidade chegou em 4º. lugar... porque fundiu um dos pistões. Pena que tenha encontrado a morte em um deles.

A eterna Janis Joplin e seu Porsche 356.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Porsche 911

 

Num dos melhores filmes de corridas já feitos até hoje, As 24 horas de Le Mans (Le Mans) dirigido por Lee H. Katzin em 1971, conta a história de uma das corridas de carros mais famosas e emocionantes do planeta. O ator principal é Steve McQueen que interpreta o piloto americano Michael Delaney e pilota um Porsche 917 na corrida. Seu maior adversário, que pilota uma Ferrari 512 S é Siegfried Rauch que faz o papel de Erich Stahler. Importante também é o papel da bela Elga Andersen que faz Lisa Belgetti. Logo no princípio do filme, as primeiras cenas mostram um Porsche 911 S preto dirigido por McQueen em estradas vicinais que dão acesso a cidade de Le Mans. Mostra ainda passando pela cidade e depois indo direto ao circuito onde relembra o acidente que teve na corrida anterior. Disponível em DVD é um filme imperdível para quem gosta de corridas de carros. Aparecem também vários outros 911 participando da corrida. Imperdível para guardar, ver e rever. Em 2011 este lindo Porsche 911 S de Steve McQueen foi leiloado por US$ 1,375 milhões pela empresa canadense RM Sotheby's em Monterey, Califórnia, Estados Unidos.  Veja a cena

Em Jogos Patrióticos (Patriot Games) de 1992 é um drama policial com muita ação. Este filme é estrelado por Harrison Ford que faz o papel do agente do FBI Jack Ryan. Conta ainda com a bela Anne Archer que faz o papel de sua esposa Cathy Muller Ryan. Narra o antigo problema entre o terrorista do IRA, Exército Revolucionário Irlandês e a Inglaterra e seus aliados. Jack Ryan impede um atentado do IRA e por isso é perseguido por Sean Bean que faz o papel do terrorista Sean Miller. É quase uma vingança paranóica deste. O casal Ryan possui dois carros, um Ford Taurus Station Wagon e um belo Porsche 911 conversível. Numa das cenas Cathy vai buscar a filha Sally na escola e é perseguida por Sean em uma Van. O terrorista quer assassiná-la usando uma arma de fogo. A perseguição segue até uma via expressa onde temos boas cenas de ação até que infelizmente o Porsche é destruído quando de uma batida. Bom filme de ação.

Um filme dançante que marcou época foi Flashdance em 1983. A música tema What a Feeling é inesquecível e ótima de ouvir até hoje. A estrela é Jennifer Beals que faz papel de uma operária metalúrgica e vai a discotecas sempre que pode. Ela e o patrão (Michael Nouri) apaixonam-se em meio à trama. Ele possui um belo 911 Turbo preto e numa das cenas a espera junto com o cachorro. Marcou época.

Outro bom policial é Jogos de Espiões (Spy Games) onde Robert Redford faz o papel de um veterano agente da CIA chamado Nathan Muir. A história baseada em fatos verídicos se passa em 1991. Ele ajuda Brad Pitt que interpreta o agente Tom Bishop que está preso e em maus lençóis na severa carceragem chinesa. Um ótimo filme de ação e Nathan Muir, que esta prestes a se aposentar, tem um belo 912 verde 1968 que aparece em várias cenas.

Um desenho animado que fez muito sucesso entre crianças e marmanjos foi Cars (Carros) de 2006. Muito bem feito narra a história da cidade de Radiator Springs onde vivem vários carros famosos animados que têm emoções e reações como os humanos. Um deles é Lightning McQueen, um Stock-Car vermelho, o outro é Doc Hudson, um velho Hudson Hornet e a personagem feminina é Sally Carrera, um Porsche Carrera “feminino” azul que não se intimida frente a outros carros mais parrudos. Ótima diversão. Vários atores famosos fazem as vozes dos carros como o recém falecido Paul Newman (Doc Hudson), Owen Wilson (Lightning McQueen) e Bonnie Hunt (Sally Carrera)

 

No ótimo filme francês Cavaleiros do Ar (Les chevaliers du ciel) de 2005 conta a história de pilotos de caça franceses que se encontram numa missão difícil de localizar um avião que desapareceu por razões estranhas e deve ser localizado e escoltado de volta a base. O Capitão Antoine Marchelli, interpretado pelo ator Benoit Magimel, ator principal é dono de um Porsche 911 Carrera (997). Ótimo filme para quem gosta de aviões e carros.

Outro bom filme policial é Celular - Um Grito de Socorro (Cellular) de 2004. É um suspense onde a bela Kim Basinger é seqüestrada e esta cercada por vilões. Consegue consertar um celular quebrado e faz uma ligação para um número qualquer enquanto está no cativeiro. Quem atende é o guarda costa Ryan (Will Beinbrink), que acredita que seja um trote, mas a insistência, o desespero dela e a voz dos seqüestradores fazem com que ele resolva ajudá-la. Conta ainda com a ótima interpretação de William H. Macy que faz o papel do policial Mooney. Em várias cenas podemos ver um Porsche 911 Carrera conversível série 996. Vale pelo filme, pelo Porsche e pela incrivelmente bela Kim. Como o 911, os anos passam e ambos mantêm a beleza.

Nem só o Mustang Eleanor é importante no filme 60 Segundos (Gone in 60 Seconds) de 2000 que conta com um elenco estelar com Nicolas Cage (Randall "Memphis" Raines) e Angelina Jolie (Sara "Sway" Wayland), Giovanni Ribisi (Kip Raines) e o veterano Robert Duvall (Otto Halliwell). Eles são um organizado grupo de assaltantes de carros e planejam um complicado e audacioso assalto que tem que ser feito em 24 horas. São carros muito raros, belos e caros. Um deles é um belo Porsche 911 Carrera ano 1999 série 996 na cor azul. Fez muito sucesso na época. Bom filme.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Porsche 917

Um dos melhores filmes de corrida já feitos, o 917 foi a estrela máxima. Trata-se das 24 horas de Le Mans, (Le Mans) com Steve Mcqueen (ator e produtor) produzido em 1971. Excetuando-se o astro americano, o restante do elenco é desconhecido para quem não é um grande amante do cinema. Formado, em maioria por atores europeus  que não atuaram em grandes produções, mas são muito bons! O drama tem duração de 104 minutos e o circuito de Sarthe foi alugado durante três meses para as filmagens.

Steve Mcqueen se inscreveu para a corrida com Jackie Stewart, num Porsche 917. Mas por questões de seguro, foi impedido de correr.  Ele correu na verdade num 908 fantasiado de 917.

Várias cenas são reais e foram feitas na corrida de 1970. A produção comprou vários carros (Lola, Matra, 911, Alfa, Chevron, etc...), mais cinco 917 e quatro Ferrai 512. Sabendo que no filme os Porsche ganhariam, o Comendador Enzo Ferrari não quis saber de emprestar seus carros ! E também, a produção, contratou Ickx, Jean Pierre Jabouille, Gerard Larrousse e vários outros pilotos que aparecem no filme, logo no início, antes da largada e também no fim.

Durante as filmagens, o piloto David Piper sofreu um acidente e teve de amputar uma perna. Este acidente depois foi reproduzido por um carro controlado a distância.

Os carros câmeras eram um Porsche 908-02  e dois Ford GT 40 que foram reproduzidos em miniaturas.

Começa com Mcqueen (Michael Delaney) chegando na cidade de Le Mans a bordo de um 911 muito bonito. Ele vai logo para uma das estradas que fazem parte do circuito e relembra de um acidente que foi vitima no ano anterior. Ele, na corrida, é o piloto do Porsche 20 da Gulf. Seu arqui rival é o piloto da Ferrai 512 M, Erich Stahler, interpretado por Siegfrid Rauch. Antes do começo da prova, os dois mostram suas diferenças nos corredores atrás dos boxes. As cenas da largada, da corrida, de dentro e fora dos carros, são muito bem feitas. Os acidentes muito realistas. Os atores são muito bons, tanto pilotos quanto os do box. E as atrizesprincipais são muito bonitas. O Porsche da equipe austríaca, cauda longa, o branco número 25 acima,  na primeira volta, simplesmente pulveriza os concorrentes na reta de Hunaudiéres numa cena muito bonita.O som do motor, no filme, é apaixonante. Vale a pena ser visto e está disponível em DVD. Foi remasterizado e o colorido é vibrante! Veja um trecho do filme

Existe também um livro, escrito por Peter Morgan que fala dos bastidores do filme. Que nem tudo foi glória. Houveram muitos transtornos nas filmagens. No mínimo interessante.  

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Mercedes-Benz SL

Mercedes_SL_Filmes_High_Society_com_Sinatra

Podemos assistir à belíssima Grace Kelly, que interpreta Tracy Lord, dirigindo um belo roadster 190 SL no filme Alta Sociedade (High Society) de 1956. Ela estava ao lado de Frank Sinatra (Mike Connor) que interpreta um jornalista atrás de fofocas dos freqüentadores das altas rodas.

Mercedes_SL_Filmes_High_Society

 Fazem um passeio no conversível indo de uma mansão a outra. Um filme muito divertido.

Mercedes_SL_Filmes_SL_Intersection_Frente

No filme Intersection, de 1994, o famoso ator Richard Gere e as belas Sharon Stone e Lolita Davidovicthi fazem o trio central do drama. Ele interpreta Vincent Eastman, um arquiteto famoso, e tem uma versão Pagode, muito bonita na cor prata. E envolve-se num acidente no final do filme.

Mercedes_SL_Filmes_SL_Intersection

O casal mais elegante e sofisticado da televisão na década de 70 e 80, os Hart, que faziam a série Casal 20, tinham dois exemplares em sua garagem. Ele era Jonathan Hart (Robert Wagner) e ela Jennifer Hart (Stefanie Powers) Tinham em sua garagem, os modelos  Mercedes Benz 450 SL ano 1979, de cor amarela e interior marrom escuro e o outro, também amarelo, de 1983, conversível, versão 380 SL com interior preto.

Mercedes_SL_Filmes_SL_H_(1)

Em Um crime perfeito (Perfect Murder ) de 1998 é um policial interessante com Michael Douglas, Gwyneth Paltrow e Viggo Mortensen. Douglas é um milionário que esta a beira de um colapso financeiro. Sua esposa é Gwyneth Paltrow e tem como amante o pintor vivido por Mortensen. Ele (Douglas ) planeja o assassinato da própria esposa  e usa no dia, um SL da quarta geração, cor cinza escuro para ir jogar cartas. Depois, com a trama mal sucedida, leva a esposa para a casa dos pais também a bordo do belo cupê . Bom filme.

Mercedes-Benz 450 SEL 6.9 classe W116 ano 1976  em Ronin

Ronin é um filme de ação de 1998 dirigido por John Frankenheimer. Um grupo de homens é reunido em Paris por uma mulher chamada Deirdre. Cada um é especialista em determinada atividade e são contratados para obter uma mala em Nice. O conteúdo é um mistério,  mas o objetivo é obtê-la para ser revendida a um grupo de russos liderados por Mikhi. O resgate é bem planejado e executado, porém Gregor, um dos integrantes do grupo, os trai e rouba a mala, para ele próprio, um ex-membro da KGB, vende-la. Gregor é caçado pelos antigos companheiros e também por Seamus, um irlandês membro independente do IRA e superior de Deirdre. Filme excelente

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Opel GT

O Hilário e inesquecível Agente 86 Maxwell Smart utilizou uma Ferrari 250 GT Califórnia 1961, um Sunbeam Tiger, um Karmann-Ghia e Também um Opel GT.Clique na foto para ver.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Volkswagen Typ 181

O Volkswagen 181 Thing aparece numa das primeiras cenas com a atriz americana Sandra Bullock dirigindo um modelo amarelo em Velocidade Máxima 2 (Speed 2: Cruise Control ) de 1997.

 -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Austrália

Holden Panel Van

Mad Max é uma produção australiana do gênero ficção científica, contendo elementos de ação baseada em um futuro pós-apocalíptico, criada por James McCausland e George Miller. Começou em 1979 com o filme Mad Max, seguido por Mad Max 2: The Road Warrior (1981) e Mad Max Beyond Thunderdome (1985). Foi estrelada por Mel Gibson que fazia o policial Mad Max. Ele tem como missão uma vingança contra a gangue que perseguiu e assassinou sua esposa e filho.  O primeiro filme é sem dúvida o melhor!

No primeiro filme da série Mad Max podemos ver um modelo vermelho Holden Panel HJ. Foi produzida até 1978

Ford Falcon

A mais famoso Falcon australiano no cinema é dos filmes Mad Max, de 1979, e Mad Max 2: The road warrior (Mad Max 2: A caçada continua), de 1981. O personagem principal — Max Rockatansky, um policial interpretado por Mel Gibson — persegue e mata um motoqueiro, levando sua gangue a matar a mulher, o filho e o melhor amigo do policial. Este então resolve se vingar e sai em perseguição a todo o bando.

Ele dirige o Interceptor Special (acima), um Falcon modificado derivado do cupê GT da geração XB de 1973, o primeiro modelo — preto com linhas agressivas.

Tinha um compressor volumétrico que saía pelo capô que era ligado e desligado conforme a situação. Dois outros Falcons XB, modelos 1974 em amarelo e azul, eram usados como carros policiais no mesmo filme.

  ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Britânicos

Aston Martin DB5

O Aston Martin DB5 se tornou conhecido nos quatro cantos do mundo graças ao agente secreto 007, James Bond do escritor Ian Fleming. Assim como a Vodka Martini batida e a pistola Walther PPK, o automóvel foi considerado como o símbolo do agente secreto inglês. Aliava toda a sofisticação e acessórios que 007 não dispensava nas aventuras para defender o mundo.

O modelo DB5 prateado estreou no filme James Bond contra Goldfinger (Goldfinger) de 1964. O DB5 na cor prata  era equipado com vidros a prova de balas, 2 metralhadoras calibre 30, jatos de óleo e água que esguichavam da traseira, acento esquerdo ejetável,varias placas rotativas legalizadas para rodar na Inglaterra , Suíça, e França. Havia ainda uma chapa a prova de balas que saia verticalmente do porta malas  na traseira  protegendo contra ataques entre outros acessórios pouco ortodoxos. Bem útil foi o assento ejetável que mandou para os ares um malfeitor oriental. Era acionado por um botão que se encontrava dentro do pomo da alavanca de marchas. Um clique e tchau!

Quem equipava, preparava e testava todos os acessórios bizarros era um senhor mais velho conhecido apenas com “Q” que sempre aparece na maioria dos filmes.  E apelando sempre para que Bond não destrua seu automóvel super especial. Em vão...

Este modelo hoje está no museu  Henry  Ford nos EUA. Voltou  em Thunderball em 1965 pilotado outra vez por Sean Connery que estava ao lado da bela Claudine Auger.

Em 007 a Serviço de Sua Majestade (On Her Majesty's Secret Service) de 1969, um belo modelo DBS, está nas mãos de George Lazenby, O ator agradou à uns, mas não à todos e só participou uma vez.

Também em  007 Contra GoldenEye (Goldeneye) de 1995, outra vez com Pierce Brosnan. Estrelam também Judi Dench que faz o papel de M, sua parceira no campo das estratégias e inteligência. O DB5 prata tem um pega com uma Ferrari 355 GTS.

Nas mãos de Pierce Brosnan retornou em O Amanhã nunca morre (Tomorrow Never Dies) de 1997. E visto logo no início em frente a Universidade de Oxford e depois indo para o quarta general para a reunião do alto comando da contra espionagem britânica. E o equipamento bélico de primeira qualidade estava lá. Além das metralhadoras escondidas sob as luzes de seta, trazia um uma broca que saia do cubo de roda para perfurar a carroceria de prováveis oponentes que estavam ao lado. Rasgou alguns.

Sob o banco do passageiro ainda tinha duas poderosas armas Smith & Wesson e uma pistola automática de bom calibre. Bem preparado para enfrentar os malfeitores.

Na comédia policial Prenda-me se for capaz (Catch Me If You Can) de 2003 com Leonardo Di Caprio, Tom Hanks, Christopher Walken e Martin Sheen também fez uma ponta. Um modelo Aston Martin DB5 de 1964 faz também parte em algumas cenas de rua no filme. Logicamente faz uma paródia dos filmes de 007. O modelo é simplesmente impecável no que refere a conservação.

Em Casino Royale em 2006 dando a volta em frente ao hotel.

O filme 007 Operação Skyfall que estreou em 26 de outubro de 2012. Observe que a placa é a mesma do carro de Sean Connery!

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Daimler DS 420

Em The Living Daylights (007 Marcado para a Morte), de 1986, foi o décimo quinto filme da série James Bond e o primeiro a estrelar Timothy Dalton como agente secreto 007. O belo Daimler aparece logo no princípio do filme.

A segunda vez foi em 1997 no filme O Amanhã Nunca Morre (Tomorrow Never Dies) numa bela cena em que faz uma curva em Londres.

Pela terceira vez foi em Casino Royale em 2006.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

De volta para o Futuro

DeLorean_DMC-12__Filmes_(1)

O DeLorean DMC-12 era a máquina do tempo na trilogia De volta para o futuro (Back to the future), filmes que fizeram enorme sucesso em 1985, 1989 e 1990. Sua estréia foi em 1985 e esta sem dúvida foi sua maior propaganda. Ficou conhecido nos quatro cantos do mundo e por pessoas de todas as idades que gostam de ficção científica. Foram usados três carros sendo que um foi cortado para fazer cenas internas.

DeLorean_DMC-12__Filmes_(7)

O carro fez a platéia vibrar no primeiro filme e nas duas continuações, estrelados por Michael J. Fox e Christopher Lloyd. Tinha acessórios pouco ortodoxos que faziam dele um laboratório ambulante. Incontáveis fios e canos na parte externa e, na traseira, algo como dois propulsores a jato davam o toque futurista.

  -----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ford Taunus

Nos filmes de James Bond podemos ver dois modelos. Em o Espião que me amava, “The Spy Who Loved Me” de 1977, com Roger Moore e Barbara Bach eles são perseguidos por um modelo quatro portas preto da última geração quando estão a bordo de um Lotus Spirit.

Não conseguiram alcançar... e quem estava no Taunus era o temível “Dentes de Aço” interpretado por Richard Kiel. Aparece por segundos o Taunus e recebe uma espécie de lama cinzenta no para-brisas. O motorista perde o controle, cai num penhasco e mergulha numa casa modesta de um senhor da Sardenha onde são filmadas as ótimas cenas. É claro que Dentes de Aço sai ileso, que participou duas vezes da série .

Também em Nunca mais outra vez, “Never Say Never Again” de 1983, com Sean Connery e Kim Basinger, um oficial que faz papel de irmão da bela americana, é assassinado dentro de um Ford Cortina.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Jaguar E-Type

 Acima a bela atriz croata Sylva koscina desfila num E-Type dos anos 60.  Eles estão olhando o Jaguar ou ela?

No interessante filme, Ensina-me a viver (Harold and Maude) de 1971, o jovem Harold, interpretado por Bud Cort, é um milionário que vive sem paixões e sem vontade. Achava tudo depressivo. Ele tem um E-type convencional. Porém, armado de um maçarico, fez um trabalho e o transforma num interessante carro funerário. O filme é muito interessante e tem uma ótima trilha sonora com músicas de Cat Steven. Vale a pena ver. O modelo existe em miniatura.

Em Corrida Contra o Destino (Vanishing Point) de 1971, Barry Newman faz o papel de Kowalski e pilota um Dodge Challengerm R/T com compressor mecânico. Num dos primeiros pegas do filme, o Dodge compete com um E-type conversível bem surrado. As cenas são muito boas. Porém o Jag leva desvantagem no duelo. Coisas de filme ....

Em Comboio (CONVOY), filme de 1978, com Kris Kristofferson e Ali MacGraw, ela, logo no inicio, está dirigindo um E-Type conversível marrom da última série ultrapassando o grande caminhão de Kris que faz o papel de Rubber Duck. Um belo modelo para uma bela atriz. 

Em Se meu fusca falasse, filme de 1968, de Walt Disney, que se chamou em inglês "The Love Bug" aparecem vários concorrentes "sérios" para o Volkswagen Sedã. Um deles é um E-type que também não consegue passar pelo valente fusquinha. 

Em Austin Powers, filme que faz uma paródia dos agentes secretos, o herói aparece a bordo de um conversível com as cores da bandeira inglesa.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Jaguar XJ

Numa da primeiras grandes cenas de James Bond em Casino Royale (2006) é quando chega ao Ocean Hotel, em Nassau, no Caribe, o confundem com um manobrista por estar trajado com roupas simples, um motorista arrogante pede de forma pouco delicada que ele estacione seu Range Rover. Bond o faz bruscamente, manobra e acerta em cheio a frente de um XJ que estava estacionado.  Numa das cenas finais está as margens do Lago Como na Itália com um modelo XJ8. O modelo Daimler está no filme Quantum of Solace (2008)  O vilão Dominic Greene está a bordo de um Daimler X308 Super V8 quando desembarca de seu jato particular na Áustria. Ótimos filmes!

No filme Quando setembro chegar (Until September)...

No filme Quando setembro chegar (Until September) de 1984 com Thierry Lhermitte e Karen Allen, o Jaguar XJ pertence a um banqueiro que junto com a turista americana viaja e passeia pela França. O felino aparece várias vezes neste belo filme. A atriz Karen Allen foi a primeira namorada de Indiana Jones no primeiro filme e também no último.

Também no filme Formula 51 (The 51st State - AKA Formula 51) de 2002, com os atores Samuel L. Jackson e Robert Carlyle, que também foi um vilão em James Bond no filme 007 - O Mundo Não é o Bastante. Lá temos um exemplar vermelho. Há um ótimo racha pelas ruas de Liverpool, cidade famosa da Inglaterra.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Land Rover Defender

Filmes de 007 James Bond são ingleses. E quase sempre os Land aparecem.  Em The Living Daylights, 007 Marcado para a Morte, de 1987, o filme começa nos Rochedos de Gibraltar já com cenas de cortar o fôlego. É o primeiro papel de Timothy Dalton que vive aventuras na Eslováquia, na capital Bratislava, en Viena na Áustria, em Tanger no Marrocos, em Karachi no Paquistão e nos desertos do Afeganistão. Em fuga, um agente russo oponente sai em disparada num Land Rover Serie III e Bond consegue se agarrar na capota na parte de trás. Consegue chegar na frente e há muita luta.

Bond vence, sai do veículo graças à um para-quedas, o Land Rover cai no mar mediterrâneo explodindo.  Já no final do filme, a atriz Maryam D'Abo vive a violoncelista Kara Milovy. Em princípio desconfia de James, mas depois passa a ajudá-lo. Na cena abaixo ela dirige um Land Rover com carroceria mais leve denominado Lightweight.

 Corre ao alcance de um avião cargueiro Hércules C-130 e consegue entrar dentro deste pela grande portas na parte de trás.  E após muita mais ação, acaba o combustível do avião e saem deste pela porta de trás também com ajuda de um foguete impulsionado por um para-quedas. Filme imperdível. Ótima trilha sonora e bela fotografia. Vala cada minuto.

Em 007 - Quantum of Solace de 2008, Daniel Craig vive pela segunda vez James Bond.  É o vigésimo segundo filme cinematográfico de James Bond. Tem ainda no elenco Olga Kurylenko, Mathieu Amalric, Gemma Arterton, Giancarlo Giannini, e Judi Dench que vive M a diretora da MI-6. O filme tem locações no México, Panamá, Chile, Itália, Áustria e País de Gales. Logo no início do filme, em estradas bem estreitas perto de Siena na Itália Bond em seu Aston Martin DBS V12 é perseguido por um Alfa Romeo 159.   

Na perseguição entra um Land Rover Defender da polícia especial italiana Carabinieri. Saem do asfalto e vão em direção de estradas bem ruins. Não demora muito e o Land cai num precipício e logo depois o Alfa. O Aston chega a Siena bem machucado e sem a porta esquerda. Ótimo Filme também. 

Em Skyfall - Na cidade de Istambul, Turquia, os agentes James Bond (Daniel Craig) e Eve Moneypenny (a bela Naomie Harris) perseguem o mercenário Patrice que está num Audi A8 preto. Bond e a companheira, que esta ao volante de um Land Rover 110 cabine dupla de cor chumbo escuro que perde de imediato seus dois retrovisores. E depois Bond toma o volante, faz uma manobra brusca e faz capotar o sedã alemão. Ótimo filme e trilha sonora.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Noutros filmes de TV e Cinema 

Filmes passados na África ou que tem cenas de guerra o Land-Rover está. Na TV uma série de sucesso foi Daktari que foi filmada entre 1966 e 1969 com 89 episódios. Os atores principais era Marshall Thompson, Cheryl Miller e Yale Summers. Sempre com eles estava o Leão Clarence que era estrábico. Eram aventuras de um veterinário numa reserva no Quênia. Daktari significa doutor no dialeto Swahili. Era presença constante no seriado um Land Rover 109, e tambémum Jeep Gladiator. 

Na série Persuaders (acima), que passou aqui nos anos 70, em 24 episódios, os carros de Brett Sinclair (Roger Moore) e Danny Wilde (Tony Curtis) eram respectivamente um Aston Martin DBS e um Ferrari Dino 246 GT. Mas em vários episódios eles utilizavam um Land Rover da segunda série. 

Em Tomb Raider, filme de 2001, a famosa Angelina Jolie faz o papel da charmosa arqueóloga Lara Croft. A história se passa na região bela do Kilimandjaro. Ela esta a procura de várias peças antigas e essas são muito valiosas. Em suas aventuras usa um Land Rover Defender. 

Um bom filme é Selvagens Cães de Guerra (The Wild Geese) de 1978. É um drama de guerra com muita ação. Conta com um elenco estelar com nomes de peso como Richard Burton, Roger Moore, Richard Harris, Hardy Krüger e Stewart Granger entre outros. Stewart Granger que faz o papel de Sir Edward Matherson contrata os serviços de ex-militares e legionários para uma perigosa ação na África. Richard Burton (Coronel Allen Faulkner) começa recrutar conhecidos especialistas do passado para formar um grupo de elite para a missão. São Roger Moore (Tenente Shawn Fynn), Richard Harris (Capitão Rafer Janders) e Hardy Krüger (Tenente Pieter Coetze). Levam para a África um velho avião DC 3 e usam nas missões um Land-Rover 109 série de 1958. Ótimo filme de ação, mas com cenas divertidas num clube inglês onde Richard Burton e Richard Harris tomam umas a mais. 

Também no ótimo desenho animado Johnny Quest. Só foram dois anos de episódios, 1964 e 1965, mas deixou muita saudade está ótima ficção científica que todos adoravam rever com Jonathan "Jonny" Quest , seu pai Dr. Benton C. Quest , o agente especial Roger T. "Race" Bannon ,  o amigo Hadji  e o inesquecível cãozinho Bandit.

Em África de Meus Sonhos (I Dreamed Of África) de 2000 é um filme que começa com um acidente numa estrada da Itália e depois, três ocupantes deste carro vão para a África mudar de vida. Estrelado pela belíssima Kim Basinger, Vincent Perez, Eva Marie Saint, e Daniel Craig este filme de bela fotografia é baseado numa história real de uma família determinada a reconstruir sua vida em outro país (Quênia) em outro continente. Em várias cenas podemos ver um Land-Rover Station Wagon verde modelo 109. 

O Informante (The Informant) é um filme de 1997 que retrata a Irlanda do Norte dos anos 80. Há muitos confrontos violentos entre o Exército Britânico e o Exército Revolucionário Irlandês, o IRA. È um drama muito envolvente que foi indicado ao Leão de Ouro no Festival de Veneza. Os atores principais são Timothy Dalton, outra vez, Maria Lennon, John Kavanagh, Sean McGinley e Frankie McCafferty. Neste podemos ver vários Land-Rover 109 de 1971. 

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Lotus Esprit

O Esprit ganhou projeção em 1977, um ano após lançado, por participar do filme "The Spy Who Loved Me" ("O Espião que me Amava") do agente secreto de Sua Majestade, James Bond.

Em uma cena inesquecível, 007 emerge do mar a bordo de um Esprit branco submarino.

O esportivo inglês seria novamente escolhido para "For Your Eyes Only" ("Somente Para Seus Olhos"), de 1981.

A segunda geração do Esprit, lançada em 1988, também virou estrela de cinema: pode ser vista nos filmes Basic Instinct, Pretty Woman ("Uma Linda Mulher").

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A promoção do carro e do filme.

E também nas ruas

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Austin Mini Morris

O Mini se destaca nas telas por cenas marcantes no cinema e na televisão. No filme Um Golpe à Italiana (The Italian Job) de 1969, com Michael Caine e  Noel Coward no elenco é uma comédia policial com muita ação. Maior ainda quando os Minis faziam o maior malabarismo em ruas estreitas de Torino na Itália e saltavam entre prédios após subirem em um edifício garagem. A polícia italiana, os Carabinieri, em seus Alfa Giulia, bem que tentaram interceptar. Mas não conseguiram! A perseguição é vibrante e o filme muito interessante.

Este filme teve uma nova versão, intitulada Uma Saída de Mestre em 2003 estrelado por Mark Wahlberg que faz o papel de Charlie e bela Charlize Theron que faz o papel de Stella. Quem faz o papel de pai dela, e é assassinado é Donald Sutherland. Logo no início ela vem dirigindo um modelo de cor vermelha da segunda geração dos anos 60. As outras cenas com Minis ficam por conta dos modelos atuais. Vale uma conferida.

Por causa do filme original, The Italian Job, em 1993, foi lançada uma série especial do Mini, a Italian Job Edition Mini. As cores eram as mesmas dos carros do filme e as prediletas do público: vermelho, preto, azul e o famoso tom verde, o British Racing Green. Na carroceria estava estampado um adesivo com as bandeiras italiana e inglesa. Por baixo do capô rugia o 1.275 cm³ com 50 cavalos de potência e carburador HIF38. Em 1999, comemorando os 30 anos da fita, a filha de Michael Caine, Natasha Caine,  criou cinco versões com pinturas exclusivas. Uma série valiosa.

Também em A Identidade de Bourne (The Bourne Identity) de 2002 com Matt Damon que faz Jason Bourne e Franka Potente que encarna Marie Helena Kreutz. Ela é proprietária de um Mini bem surrado e se encontra com Boune que pede sua ajuda desesperadamente. Viajam nele da Alemanha até a França. E são nas ruas de Paris que o Mini também dá um show nas mãos de Bourne em avenidas, ruas estreitas e escadas. Ótimo filme policial que teve uma boa continuação. 

Nesta relação não podíamos deixar de destacar o impagável Mister Bean. O personagem central foi criado pelo grande comediante Rowan Atkinson. O primeiro episódio foi ao ar em 1990. O ator estreava o carro e bateu destruindo-o. Era um modelo Mark III 1000 de 1969. Daí em diante foram usados outros até 1995. Tratava-se de um modelo 1977 na cor amarelo lima. Cada episódio durava cerca de 30 minutos. Mister Bean é engraçado, atrapalhado, bondoso e por algumas vezes irônico e malvado. Faz de tudo para resolver seus problemas. A série já passou em duas emissoras nas nossas televisões. O carro, além da maçaneta da porta de série, tinha uma fechadura de portão que recebia um potente cadeado. E de vez em quando ele retirava umas das rodas para que o carro não fosse roubado.  Este e outros famosos carros de cinema estão no Cars of the Stars Motor Museum em Keswick, no norte da Inglaterra. Em 1997 chegava às telas do cinema o primeiro filme de Rowan Atkinson The Ultimate Disaster Movie baseado na série. E em 2007 estreava "As Férias de Mr. Bean" (Mr. Bean's Holiday). Em ambos o Mini está lá.

Em 007

O único filme 007 que George Lazemby, australiano, estrelou foi A Serviço Secreto de Sua Majestade. Atuou bem, mas vários fatores pouco esclarecidos até hoje não confirmam o motivo da sua continuação como agente. Havia até um contrato para atuações em mais de cinco edições. Há muita ação, ótimas cenas de perseguições de carros e ski e locações bonitas na velha Europa. O Mini Cooper MK II 1968 aparece dentro da curva disputando com o Mercury Cougar 1969 e dá um show na neve.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Rolls-Royce Phantom

Em 1964 estrelou nas telas dos cinemas o filme The Yellow Rolls-Royce. Era um drama que reuniu atores de quilate como Shirley MacLaine, Jeanne Moreau, Ingrid Bergman Rex Harrison, George C. Scott, Omar Sharif, e Alain Delon. A fita se divide em três estórias, em épocas diferentes, mas sempre com a presença de um Rolls Royce que tinha a lateral amarela e os para-lamas, capô, e portas malas e capota preta. Era um modelo  Phantom II Sedanca de Ville de 1930. A parte destinada ao motorista e acompanhante era separado da parte dos passageiros. Tinha volante do lado esquerdo e faróis auxiliares logo a frente do para-brisa. Um belo carro. Infelizmente é um DVD raro nas locadoras.

Em 007, James Bond, apareceu em vários filmes. Foram eles: Um Rolls-Royce 1937 Phantom III em Goldfinger (acima) em 1964. Depois um Rolls-Royce Phantom IV 1954 em A Serviço de sua Majestade em 1970.

Na década de 80 em Octopussy, filme de 1983 um Rolls-Royce Phantom II  1934.

Em 1989, Licença para Matar, um Rolls-Royce Phantom V Mulliner Park Ward Limousine 1959. São filmes com belos carros e belos Rolls.

 ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Rolls-Royce Silver Shadow

O Silver Shadow nos brinda em 007 a Serviço de sua Majestade interpretado George Lazemby (acima). Em 007 contra o Homem da Pistola de Ouro, Somente para seus olhos(abaixo).

No Rio de Janeiro em 007 Contra o Foguete da Morte

E em Octopussy. Todos vividos pelo ator Roger Moore falecido recentemente. E também em 007 Licença para Matar com Timothy Dalton.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Sunbeam Alpine

Ficou eternizado nas telas. Era o conversível que dava a freada brusca em frente ao prédio do Controle, órgão de agentes especiais contra o crime onde trabalhava Maxwell Smart, o inesquecível Agente 86. Só que este tinha “acessórios” especiais como assento ejetável, acendedor de cigarros que virava lançador de granadas, cano de descarga falso que era metralhadora, etc...

Também com Sean Connery no primeiro James Bond. Em Dr. No foi perseguido por uma funerária Cadillac quando ia para a casa de Miss Taro. Fez aniversário em cinco de outubro de 2017. Fugindo do Cadillac La Salle com firmeza. Há Cinquenta e cinco anos!

Em ótimas cenas

O filme 101 Dálmatas (101 Dalmatians) feito em parceira por estúdios do Reino Unido dos Estados Unidos foi lançado em 1996 e contou com atores famosos como Glenn Close, Jeff Daniels, Joely Richardson, Joan Plowright e Hugh Laurie. Esta aventura sobre cães baseada no desenho homônimo de 1961 conta a história do americano, designer em computação, Roger Dearly (Jeff Daniels) que vive com seu cão dálmata, Pongo, na bela capital inglesa de Londres. Nesta, certo dia, num passeio  Roger está com Pongo que fareja a fêmea Brenda e se encanta. Após este momento romântico uma confusão enorme começa nas ruas da cidade. Acaba por conhecer a dona de Brenda, a estilista Anita Campbell-Green (Joely Richardson).  Eles também se apaixonam, casam-se e na mesma casa, meses depois nascem 15 filhotes dálmatas.  Abaixo Pongo  "ultrapassando" um Táxi Londrino modelo FX. Saiba mais.

  ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Franceses

Citroën 2CV

Se o filme fosse francês e o cenário e época fossem após 1948, na cidade ou no campo colorido ou preto e branco, teria um Citroën 2 CV em pelo menos uma cena externa pequena. Mas ele atuou e bem em filmes muito famosos.

Em 1981 estreava mais uma aventura de 007, o agente britânico James Bond em Somente para Seus Olhos (For Your Eyes Only). O personagem principal criado por Ian Fleming é vivido por Roger Moore. Desta vez ele está numa investigação no litoral espanhol a bordo de sua Lotus Esprit numa estrada de pouco movimento. Sem ser convidado entra numa propriedade luxuosa e é descoberto quando está perto de uma piscina. Consegue escapar, sai em correria por um bosque e sua vida é salva pela lindíssima Carole Bouquet que faz o papel de Melina Havelock. Mesmo assim eles não são salvos e saem correndo fugindo dos bandidos. Bond vê seu Lotus explodir após uma tentativa de invasão e a única motorização disponível é um 2 CV 6 amarelo 1981 para o espanto de Bond. Há uma ótima perseguição pelas ruelas e morros de uma vila, capotagens e muito malabarismo. Um ótimo filme que também conta com ótima música tema cantada pela bela escocesa Sheena Eaton. Diversão para todas as idades em DVD. Foi lançada uma série especial do 2CV comemorativa de 500 exemplares amarelos, como o modelo do filme com a presença de Moore. Logicamente também existe uma miniatura da Corgi, também na cor amarela na escala 1/43.

Um Citroën 2 CV azul é o carro do casal protagonista do polêmico filme Proposta Indecente (Indecent Proposal) de 1993. A bela Demi Moore (Diana Murphy) é casada e feliz com Woody Harrelson (David Murphy) e estão com sérias dificuldades financeiras. Ela, muito atraente, recebe uma proposta do milionário Robert Redford (John Gage) para passar apenas uma noite com ele em troca de uma bela soma em dinheiro. As consequências são inesperadas e o filme é interessante. Causou impacto na época.

Desde a estréia do primeiro filme da série em 1963, a Pantera Cor de Rosa (The Pink Panther) fez muita gente rir em todo planeta. O ótimo ator Peter Sellers interpretava o atrapalhado inspetor de polícia francês Jacques Clouseau.  Esta produção anglo-americana, com a direção competente de Blake Edwards contou em seus vários filmes com atores famosos como David Niven, Robert Wagner e a belíssima italiana Claudia Cardinale. Peter Sellers participou de mais seis filmes da série e em sua impecável atuação destruiu dois furgões 2 CV.

 

Um filme de muito sucesso e que aparecem vários carros bonitos é Loucuras de Verão (American Graffiti) de 1973. É um pouco comédia, um leve drama que se passa numa pequena cidade americana do início dos anos 60. Os principais atores fazendo papel de adolescentes são Curt (Richard Dreyfuss), Teddy (Charles Martin Smith), Paul Le Mat  (John Milner) e Steve (Ron Howard) que passam sua última noite de verão antes de de Curt ir para a universidade em outra cidade. E a noite é muito agitada e divertida. Foi o primeiro filme de sucesso de George Lucas e tem uma trilha sonora impecável. No final do filme um ator pouco conhecido tem uma participação importante. É Harrison Ford. Um 2 CV azul é o carro do estudante Curt (Richard Dreyfuss) que vai mudar de cidade e aparece muito no filme. Ele tem até um adesivo com um “F” muito usado na Europa dos anos 60,70 e 80 para identificar o país. Ótimo filme.

O famoso e também polêmico filme de guerra foi Apocalypse Now de 1979. Tem um elenco estelar contando com Martin Sheen, Marlon Brando, Robert Duvall e Dennis Hopper. A direção é de Francis Ford Coppola e foi baseado em um livro. Este drama de guerra é muito pesado e tem cenas no Vietnã e no Camboja e há cenas importantes com dois Citroën 2 CV. Recomendado para quem gosta do gênero e pela trilha sonora. Recebeu a Palma de Ouro em Cannes na França e Globo de Ouro em 1980 nos EUA.

Uma ótima comédia ítalo-francesa é As Aventuras de Rabbi Jacob. É a história que se passa em 1973 de um homem preconceituoso que se vê obrigado a rever seus conceitos após ter que se passar por rabino enquanto ia para o casamento de sua filha. Fez muito sucesso nos quatro continentes e seu elenco é basicamente formado por atores franceses como Louis de Funès (Victor Pivert), Suzy Delair (Germaine Pivert), Marcel Dalio (Rabbi Jacob) e Claude Giraud (Mohamed Larbi Slimane / Rabbi Zeiligman). Há muita confusão, agitação e destruição de vários carros, inclusive um 2 CV cinza. Imperdível.

Um infantil, mas que muito adulto gosta foi Os 102 Dálmatas (The 102 Dalmatians) de 1988. Quem faz a malvada Cruela é Glenn Close que é ajudada por Gérard Depardieu. O filme recebeu uma indicação ao Oscar. Cruela é obcecada por um casado  confeccionado com os pelos dos pequenos caninos e conta com a ajuda de um designer francês muito bem interpretado por Gérard Depardieu e vários outros cruéis para caçar os bichinhos. Diversão boa para adultos e crianças. Em várias cenas podemos ver um 2 CV 1988 branco.

A cada ano os desenhos animados encantam crianças e adultos. Foi o caso de As Bicicletas de Belleville ( Les triplettes de Belleville) de 2003 que há cerca de dois anos passou nos canais a cabo ou naqueles mais segmentados em cultura. Trata-se de um longa-metragem de animação franco-belga-canadense dirigido por Sylvain Chomet com tons pasteis e paisagens bucólicas, mas na maioria tristes. Conta a história de uma senhora que presenteia seu sobrinho com uma bicicleta para que ele concorra a famosa corrida A Volta da França. Porém uma gangue tenta de todo modo sabotar o jovem e sua tia mais três amigas ciclistas sempre estão presentes para salvá-lo. Neste ótimo desenho aparece em vária cenas um 2 CV imitando uma limusine. Para ser visto por todos.

Mais recentemente, em 2007, fez muito sucesso o desenho animado do valente, sábio e habilidoso ratinho "Ratatouille". O rato Remy sonha em ser um grande chefe de cozinha. Este fabuloso desenho que abre o apetite tem um pouco de comédia, romance, drama e muitas receitas de comidas francesas interessantes. Conta com belas reproduções de Paris, prédios, ruas, vegetações e carros. Não podia faltar a esta deliciosa paisagem um 2 CV azul. Mesmo para aqueles que não são Gourmet é um ótimo divertimento. 

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Citroën Traction

No filme From Russia with Love, de 1963, Moscou contra 007 é o segundo da série 007 com Sean Connery no papel do agente secreto James Bond. Seus foram produtores Albert Broccoli, Harry Saltzman e o director Terence Young. É baseado no romance homônimo de Ian Fleming de 1957. Também atuam a bela atriz italiana Daniela Bianchi como Tatiana Romanova que faz o papel de uma fiel funcionária da embaixada soviética na Turquia.

Ela age pensando na gloria de seu país, mas é manipulada pela organização terrorista Spectre. Traz também o ator Robert Shaw como Red Grant que é um agente habilidoso da Spectre que tenta eliminar Bond. O Citroën Traction aparece logo no princípio do filme e pertence à agentes russos. Mais um ótimo filme de 007 com muitas cenas de ação como sempre.

Em Fugindo do Inferno (The Great Escape) com Steve Macqueen, narra a história de  um grupo de prisioneiros no final da segunda guerra mundial. Numa cena já no final do filme, um Citroën Traction se aproxima de um bar onde estão três alemães tomando um aperitivo. O carro pára e , de dentro, um oficial da resistência francesa metralha os inimigos, sendo que, logo após, o carro sai em disparada. Um cena muito bem filmada.

Também, em Ladrão de Casaca (To Catch a Thief) , filme de 1955, do grande Alfred Hitchcock, estrelado por Cary Grant e a linda Grace Kelly, o Citroën Traction dos policiais franceses aparecem no filme do princípio ao fim. Sempre em perseguição ao Ladrão refinado.

No filme Indiana Jones e a Última Cruzada, de 1989, terceiro da série com o grande Sean Connery fazendo papel do pai de Jones. Ambos estão num um belo conversível que foi infelizmente destruído. Tomara que tenha sido uma réplica.

Todos os DVD’s, de gêneros diferentes, merecem ser vistos.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Citroën DS

No filme O Super Cérebro (Le cerveau), uma produção ítalo francesa de 1968, estrelado por David Niven e  Jean-Paul Belmondo, o DS após um salto, parte-se ao meio e continua rodando. Uma comédia policial muito divertida.

Em O Dia do Chacal (The Day of the Jackal) de 1973  com Edward Fox e Michel Auclair podemos vê-lo também, como viatura da presidência, escapando de um atentado numa bela manobra.

Toda a trama se passa em 1962 e 1963. Suspense do princípio ao fim. Um ótimo filme policial e histórico em todo o sentido.

No ótimo e divertido Prenda-me se For Capaz (Catch Me If You Can)  de 2002 com Leonardo DiCaprio, Tom Hanks, Christopher Walken e Martin Sheen o DS aparece como carro de polícia em cenas de uma cidade do interior no sul da França. 

Pelo seu desenho futurístico, o Citroën mereceu uma atuação até na aventura/comédia em De Volta para o Futuro II (Back to the Future Part II ) em 1989 com Michael J. Fox e Christopher Lloyd. Com as rodas cobertas, era um táxi voador. 

No interessante filme Um Homem sem face (The Man Without a Face) com Mel Gibson filmado no estado do Maine, nos Estados Unidos, o famoso ator é um professor que ajuda um adolescente. A família deste tem um belo Citroën DS 21 Vinho e branco modelo 1964. E aparece em muitas cenas. 

Também no famoso Operação França (The French Connection) de 1971 com Gene Hackman, Fernando Rey e Roy Scheider. Logo no início, um modelo DS aparece.

No seriado da TV à cabo The Mentalist (acima) . O ator principal Patrick Jane foi quem escolheu o carro. Bom gosto, bom seriado. 

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Peugeot 403

Ganhou notoriedade mundial graças ao seriado americano Columbo. O detetive, interpretado pelo excelente ator Peter Falk, utilizava em suas investigações, um modelo 403 conversível, na cor cinza.

Em recente depoimento, ele disse que os estúdios Universal dispunham de 50 carros diferentes para que ele escolhesse e usasse na série. Mas ele não quis nenhum deles e quando se deparou, na rua, em frente a um 403, arranhado e amassado, logo o escolheu. Junto com o charuto e o velho sobretudo, aquele carro completaria o personagem pitoresco. Era um modelo 1960 e foram usados dois carros nas filmagens ao longo dos anos. O primeiro episódio foi exibido em 20 de fevereiro de 1968 e o último em 30 de janeiro de 2003. Ao todo 10 temporadas e 69  episódios

 --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Peugeot 504

504_Peugeot_Garage_site_Filme_007

No filme de James Bond de 1981, *Somente para seus olhos*, estrelado por Roger Moore, dois 504 azuis dos bandidos perseguem o Citröen 2CV (leia história) do agente secreto britânico em estradas sinuosas da Costa Azul francesa. Claro, não faltam malabarismos nas cenas envolvendo todos os modelos.

504_Peugeot_Garage_site_Filme_007_Estrada

As cenas se passam no filme de James Bond em 1981, Somente para seus olhos (For Your Eyes Only). Estrelado por Roger Moore, que foi o segundo James bond e a bela Carole Bouquet que faz o papel de Melina Havelock. A cena se passa numa pequena cidade do litoral espanhol. Sem ser convidado entra numa propriedade luxuosa e é descoberto quando está perto de uma piscina. Consegue escapar, sai em correria por um bosque encontra Melina Havelock. Graças à Bond são salvos e saem correndo fugindo dos bandidos. Bond vê seu Lotus explodir após uma tentativa de invasão e a única motorização disponível é um Citroën 2 CV para o espanto de Bond.          

504_Peugeot_Garage_site_Filme_007_Rua

Dois Peugeot 504 pretos dos bandidos perseguem o Citröen 2CV (leia história) do agente secreto britânico em estradas sinuosas. Claro, não faltam malabarismos nas cenas envolvendo todos os modelos. Há uma ótima perseguição pelas ruelas e morros de uma vila, capotagens e muito malabarismo

504_Peugeot_Garage_site_Filme_007_Caminhao

Fez presença também num dos filmes da série Inspetor Clouseau. Era o carro de  serviço do Comissário Dreyfuss, chefe do inspetor que acaba ficando louco por causa das confusões que seu subordinado faz e traz. O carro em questão aparece numa cena na frente do hospital -- que na verdade é um manicômio.

504_Peugeot_Garage_site_Clouseau

 -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Renault 4L

Um ótimo filme, gênero comédia romântica, de 2010, produção americana, cujo nome original é Leap Year e chamado aqui no Brasil Casa Comigo!

Estrelado pela bela americana Amy Adams e pelo ator inglês Matthew Goode. O filme é sobre uma mulher que vai para a Irlanda atrás do seu namorado para aceita-la em casamento no dia bissexto, quando a tradição irlandesa diz que os homens não podem recusar-se a proposta de uma mulher para o casamento. Seus planos são interrompidos por uma série de acontecimentos, alguns hilários, que divide com Declan (Matthew Goode) que é um cozinheiro, dono de um bar e com um humor bem sarcástico que chega a irritar Anna (Amy Adams). Ela propõe a ele ajudar para fazer uma  viagem através do país, com um pequeno Renault 4, que Declan chama de "bebê", mas que cai em um lago. Ele insiste em dizer que o carro é um clássico! Com um fim inesperado vale cada minuto.

Veja um trecho

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Japão

Toyota GT 2000

Em 1967, parte do filme You Only Live Twice (Com 007 Só Se Vive Duas Vezes), foi filmado no Japão e o diretor Albert R. Broccoli viu que o carro do agente de apoio de Bond em Tóquio poderia ser o 2000 GT. Quando do começo das filmagens aconteceu algo inédito. É sabido e se vê nas cenas que Sean Connery não é baixo, medindo cerca de 1,85 metros. Mal cabia no carro ainda mais com a câmera de filmagem para cenas internas.

O diretorBroccoli pediu para a Toyota e em duas semanas dois belos conversíveis estavam prontos sem grandes modificações estruturais, pois seu chassi tubular era muito forte. Era um falso conversível já que não tinha lugar para a capota e tinha apenas uma lona de enfeite após a cabine de dois ocupantes. Genial!

 ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Suécia

Volvo P1800

O seriado The Saint (O Santo) foi uma série de televisão inglesa que passou em vários países. A série baseada no personagem literário Simon Templar, criado em 1920 por Leslie Charteris. Foram 118 episódios em seis temporadas.  Simon Templar (Rooger Moore) é "O Santo", um espião inglês, astuto e sabe usar seu charme para conseguir informações precisas para encontrar os bandidos. A série foi de 1962 à 1969. Depois ele estrelou Os Persuaders como Lord Brett Sinclair. Ficou depois muito mais conhecido  como James Bond. Observe a placa do carro ST1 (Simon Templar 1)

Cenas do seriado. Assista algumas cenas onde o Volvo aparece muito

E no magnífico desenho Cars 2 o Volvo P1800 é o espião britânico Finn McMissile.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Italianos

Alfa Romeo GTV

O filme 007 Contra Octopussy foi o décimo terceiro da série James Bond e o sexto e último em que Roger Moore participa. As filmagens, em 1983, são na Alemanha em Berlim ocidental, na base áerea americana de Feldstadt , na parte oriental, no estádio de Karl-Marx, em Londres na Inglaterra e na India em Nova Deli e na cidade de Udaipur. Participam também a bela Maud Adams(Octopussy) que participa da série pela segunda vez e o ator francês Louis Jourdan que faz o papel do vilão Kamal Khan.

Bond tem que desarmar uma bomba muito potente que se encontra num circo e após escapar de apuros num trem, vai até a estrada tentar pegar carona. Sempre olhando para o relógio, pois sabe que ela está para explodir em minutos, consegue carona com um casal que roda num Volkswagen branco e estão muito devagar. Ao parar numa pequena praça, James tenta sem sucesso usar uma cabine telefônica que está sendo usada pela proprietária de um Alfa Romeo GTV 6.

Nota que o carro italiano está aberto e pega-o “"emprestado"“. Sai em correria e logo é começa a ser perseguido por dois BMW 518 da polícia local. Ótimo pega com muito malabarismo e habilidade de ambas partes. Tenta entrar na base aérea americana Feldstadt em Berlim oriental por meios normais, mas não consegue. Veja um trecho da perseguição

Consegue entrar derrubando barreiras com mais ação. Excelente filme em locações, ações e perseguições por ar, terra e trilhos.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Alfa Romeo Spider Duetto

O filme mais famoso onde tenha aparecido um Alfa Romeo talvez seja A Primeira Noite de um Homem (The Graduate) de 1967. O Drama, estrelado pela competente Anne Bancroft ( Mrs. Robinson), por Dustin Hoffman (Benjamin Braddock) em começo de carreira e a bela Katharine Ross (Elaine Robinson) conta a história de um jovem universitário que começa sua vida sexual como uma mulher mais madura (Anne Bancroft) mas se apaixona depois pela filha dela Katharine Ross.

Como uma ótima trilha sonora de Simon e Garfunkel, prende a atenção do princípio ao fim. E desde o começo Hoffman esta a bordo de seu Alfa Romeo Spider 1600 vermelho, também conhecido como Duetto. E há ótimas cenas com o belo conversível italiano. Que som do motor!

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ferrari 330 P3/P4















Narra a batalha histórica em Le Mans de marcas famosas cujo principais opositores são Ford e Ferrari. Veja o trailer

Neste outro se vê mais cenas com o Ferrari 330 P3/P4

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ferrari Dino

No seriado, de produção franco-britânica, o sofisticado Persuaders fez muito sucesso na década de 1970 na Europa e também foi passado no Brasil anos depois. Dois milionários, um inglês, outro americano, combatem o crime organizado. Um modelo Dino 246 GT vermelho sempre aparece nos episódios. Pertence a Tony Curtis (1925-2010) , ator americano que interpreta o milionário Danny Wide. Ele ridiculariza seu companheiro de investigações Roger Moore que faz o papel do excêntrico lorde inglês Brett Sinclair por possuir um Aston Martin DBS, referindo-se ao automóvel como "Penélope amarela" por causa de sua cor. Em vários episódios, a fera vermelha mostrou as garras.

Curiosidade: A série acabou pelo fato de Roger Moore, falecido em maio de 2017, ter sido chamado para viver James Bond no filme Viva e deixe Morrer (Live and Let Die) em 1973.

Em 2003, foi feito para a TV, o filme italiano Ferrari, que é um drama que conta a saga desta famosa família italiana do mundo dos automóveis. Foi dirigido por Carlo Carlei . O ator Sergio Castellitto faz o papel de Enzo Ferrari e Matthew Bose o de Dino Ferrari. Merece ser visto como curiosidade.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Um seriado americano de bastante sucesso na televisão foi Casal 20 (Hart to Hart) que teve sua estréia em 1979 e contou 110 episódios até a 1984. A criação teve participação do famoso escritor Sidney Sheldon e contou com os charmosos atores principais Robert Wagner que faz Jonathan, Jennifer (Stefanie Powers) e seu fiel mordomo Max (Lionel Stander).

Belos carros sempre estão com o casal como italiano Ferrari Dino, o inglês Rolls-Royce Silver Shadow versão Corniche ou o alemão Mercedes Benz SL.

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Maserati Bi-Turbo

No filme de 1989, Licence to Kill (007 - Permissão para Matar) Timothy Dalton fez seu segundo e último papel como James Bond. Existem várias versões que relatam o motivo que ele deixou a série. Foi aprovado por muitos fãs. Neste tem a companhia das belas Carey Lowell e Talisa Soto.  O Maserati pertence á Robert Davi que faz o papel do vilão Franz Sanchez e tem como acecla Benicio Del Toro. A ótima trilha sonora (Licence to Kill, If You Asked Me To de Patti LaBelle, etc. ), a fotografia (Casa de Ernest Hemingway em Key West), os carros, as mulheres são bons motivos para ver este ótimo filme em DVD. Neste 007  pede demissão do serviço secreto britânico por insistir na investigação do atentado ao seu amigo da CIA, Felix Leiter(o ator David Hedison que fez o seriado Aventura Submarina na década de 60) e sua esposa(a bela atriz Priscila Barnes que faz papel de Della Leiter).  James Bond tem obseção, quer vingar e vai atrás do líder de um super poderoso cartel de drogas que mandou matar o casal. Foi um sucesso de crítica.

O Maserati Biturbo aparece quando Franz vai ao “Templo, em Istmo, na Colômbia, com seus assessores e visitantes orientais para conhecer o laboratório de refino de cocaína. Lá James é desmascarado e a confusão e destruição começam. Também, na escapada do local em chamas, incêndio provocado por 007, começa à debandada de três caminhões Kenworth, um Jeep CJ, uma picape Dodge RAM e o belo Maserati prata. Felizmente sai ileso após muitos tiros, batidas, acidentes, mais fogo e muito mais.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Desenhos

Não poderia de estar neste o genial desenho Scooby-Doo, do estúdio Hanna-Barbera foi criado pelo americano descendente de japoneses Iwao Takamoto. Conta com mais de 350 episódios. Está na TV desde 1969! As gargalhadas são garantidas misturando mistério, sobrenatural, aventura, comédia na trupe de quatro adolescentes que pensam ser detetives. São Fred, Velma, Daphne e Salsicha, com o famoso um Dog Alemão falante, o grandalhão e medroso Scooby-Doo. O veículo é uma pequena van, decorada ao estilo psicodélico que se chama Máquina Mistério. Vão á todos os tipos de lugar, na maioria pouco receptivos, e sempre há encrenca.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Speed Racer

Speed Racer  é uma série de mangá e animação dos anos 1960, criado por Tatsuo Yoshida sobre corridas de automóveis. Speed Racer (nome dado na adaptação norte-americana do desenho. Um jovem e audaz piloto de corrida de 18 anos, dirige o carro Mach 5, criado por seu pai (Pops Racer) e vive diversas aventuras dentro e fora das corridas.

O desenho é muito conhecido pela sua canção tema e pela ótima trilha sonora, que tocava ao fundo e tornava ainda mais emocionantes as corridas em que o piloto Speed participava, sempre repletas de acidentes espetaculares e "golpes sujos" dos participantes, tais como seus mais célebres rivais, a "Equipe Acrobática" e o "Carro Mamute". As corridas eram em locais inusitados, como selvas, desertos e até uma realizada dentro de um vulcão.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Nota: Quase todos os carros citados neste tem sua história no site. Explore, acesse os menus, aprenda e divirta-se!

Texto e montagem Francis Castaings. Fotos de divulgação                                       

© Copyright - Site http://www.retroauto.com.br - Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução de conteúdo do site sem autorização seja de fotos ou textos.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Volte a página principal do site.