CAF – Clube de Amigos Fusqueiros- Setembro de 2023

CAF – Clube de Amigos Fusqueiros- Setembro de 2023

O CAF é um clube de amigos, que têm uma paixão em comum por Fuscas e Aircooleds, carros da marca Volkswagen arrefecidos a ar. Comandado com competência por Cláudio Costa, o encontro, como há meses foi Parque Linear, rua Rodrigo Otávio Coutinho 100, Bairro Belvedere, Belo Horizonte, Minas Gerais, sempre no terceiro domingo do mês.

Sempre muito bom! Vale cada passo e cada olhar! Admirem sem moderação.


Os Carros

O Fusca foi fabricado aqui com motores 1.100 (Alemanha) , 1.200, 1.300, 1.500 e 1.600 cm³. É de longe o motor mais utilizado no planeta. Em carros, barcos, ultra-leve, motocicletas, triciclos, etc. Foi lançado aqui no Brasil em 1959, fabricado em São Bernardo do Campo, São Paulo. Mas os primeiros, de origem alemã desembarcaram no porto de Santos, São Paulo em 1950. E caiu no gosto brasileiro!

Um dos carros mais queridos do país acabou de completar 60 anos de produção do Brasil. Em 1950 chegavam importados os primeiros Fusca no Brasil e passaram a ser fabricados aqui em 1959. Um dos carros mais amados do Brasil. Lá fora foi chamado e ainda é de Carocha em Portugal, Escarabajo na Argentina, Voxo no México, Cox ou Coccinelle na França, Magiolino na Itália e Beetle nos países de língua inglesa

Foi produzido em grande escala aqui, em seu país de origem Alemanha, onde era apelidado de Käfer, besouro em alemão, e também foi fabricado na Austrália, África do Sul e no México, último país a produzi-lo

Em 1970 chegava o Fuscão com motor 1.500 cm³ e 44 cavalos. E vendeu muito bem! O painel podia ter revestimento imitando madeira. foi o carro mais vendido da década de 70, apesar do lançamento do Chevrolet Chevette, do Fiat 147, do irmão VW Brasília… Também nesta década, não faltaram rodas de liga de 13 e 14 polegadas mais largas, a famosa “tala larga” , com pneus radiais, escapamentos da marca Kadron, volantes de menor diâmetro e também eram rebaixados para ganhar mais estabilidade.

A produção terminou em 1986. Só havia a opção com motor 1600 (o 1300 deixou de constar em 1984), vidros verdes, rodas com diâmetro de 14 polegadas…mas voltou em 1993 e por volta de 47.000 Fuscas foram produzidos até 1996 e em Puebla, no México até março de 2003 e na Alemanha foi encerrada em 1978.

Ao todo foram de 1938 à 2003: 21.529.464 produzidos sendo 15.444.858 na Alemanha (330.251 conversíveis ), 3.350.000 no Brasil cerca de 2,5 milhões no México (Vocho) e montados na Austrália, Bélgica, Finlândia, Indonésia, Irlanda, Malásia, Nova Zelândia, Nigéria, Filipinas, África do Sul e Venezuela Leia a história do Volkswagen mais famoso do mundo

Outros VW


Em 1957 o primeiro Volkswagen brasileiro chegava as ruas.

Saiba mais sobre a Kombi


O primeiro esportivo aqui no Brasil e na Alemanha foi o Karmann-Ghia.

Saiba mais

Em 1973 chegava a Brasília

No final da década de 60 chegavam o sedã 1600 quatro portas, a Variant e o TL. Nesta linha derivada da alemã Typ 3 também constou a Variant II

Em 1980 chegava o VW Gol

Que iria gerar uma grande família

O esportivo com mecânica VW mais famoso do Brasil

Conheça o Puma

Um evento com apoio e patrocínio é fundamental. Abaixo um Volkswagen ID.4 cedido pelo Grupo Líder e pela Concessionária Recreio


De Minas Gerais.

Nosso Fiat 147

Da Itália o Fiat 600


Os anciões da Ford

Um modelo A

E a Picape da Linha F


Os Chevrolet do Brasil

Uma bela Veraneio

Nosso mais amado Chevrolet

A bela Caravan

Saiba mais sobre o Chevrolet Opala


Os amigos

Muitos

Com relação a alimentação e bebidas conta-se com uma barraca da ótima presença de Elisa e filho responsável por matar a sede e a fome dos presentes.

Para comprar adesivos, chaveiros, bonés, miniaturas…

Clique e acesse para conhecer os produtos da Gear Nuts


Bons companheiros

Sempre acompanhando os antigos

Eles são muito importantes


Texto, fotos e montagem Francis Castaings                                                           

© Copyright – Site https://site.retroauto.com.br – Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução de conteúdo do site sem autorização seja de fotos ou textos.

Acesse o site Retroauto na versão anterior

Volte a página principal do site