Portal do Fusca – Savassi, Belo Horizonte, Junho de 2022

Portal do Fusca – Savassi, Belo Horizonte, Junho de 2022

Aconteceu, no domingo, dia 3 de junho, o encontro do Portal do Fusca Na Savassi, coração de Belo Horizonte uma ótima reunião de Volkswagen arrefecidos a água e convidados. (boa parte da avenida Getúlio Vargas é interditada aos domingos) em Belo Horizonte, Minas Gerais. Será a partir desta data, em vários domingos do mês , na Avenida Getúlio Vargas entre Avenida Cristovão Colombo e Rua Alagoas. A exposição começa por volta das 9 horas da manhã e vai até as 13 horas. Neste é permitido também carros de várias marcas e motores com quatro, seis, oito cilindros… não importando a cilindrada. Mais uma vez foi muito bom.

O Fusca foi fabricado aqui com motores 1.100 (Alemanha) , 1.200, 1.300, 1.500 e 1.600 cm³. É de longe o motor mais utilizado no planeta. Em carros, barcos, ultra-leve, motocicletas, triciclos, etc. Foi lançado aqui no Brasil em 1959, fabricado em São Bernardo do Campo, São Paulo. Mas os primeiros, de origem alemã desembarcaram no porto de Santos, São Paulo em 1950. E caiu no gosto brasileiro!

Um dos carros mais queridos do país acabou de completar 60 anos de produção do Brasil. Em 1950 chegavam importados os primeiros Fusca no Brasil e passaram a ser fabricados aqui em 1959. Um dos carros mais amados do Brasil. Lá fora foi chamado e ainda é de Carocha em Portugal, Escarabajo na Argentina, Cox ou Coccinelle na França, Magiolino na Itália e Beetle nos países de língua inglesa

Foi produzido em grande escala aqui, em seu país de origem Alemanha, onde era apelidado de Käfer, besouro em alemão, e também foi fabricado na Austrália, África do Sul e no México, último país a produzi-lo

Em 1970 chegava o Fuscão com motor 1.500 cm³ e 44 cavalos. E vendeu muito bem! O painel podia ter revestimento imitando madeira. foi o carro mais vendido da década de 70, apesar do lançamento do Chevrolet Chevette, do Fiat 147, do irmão VW Brasília… Também nesta década, não faltaram rodas de liga de 13 e 14 polegadas mais largas, a famosa “tala larga” , com pneus radiais, escapamentos da marca Kadron, volantes de menor diâmetro e também eram rebaixados para ganhar mais estabilidade.

A produção terminou em 1986. Só havia a opção com motor 1600 (o 1300 deixou de constar em 1984), vidros verdes, rodas com diâmetro de 14 polegadas…mas voltou em 1993 e por volta de 47.000 Fuscas foram produzidos até 1996 e em Puebla, no México até março de 2003 e na Alemanha foi encerrada em 1978.

Ao todo foram de 1938 à 2003: 21.529.464 produzidos sendo 15.444.858 na Alemanha (330.251 conversíveis ), 3.350.000 no Brasil cerca de 2,5 milhões no México (Vocho) e montados na Austrália, Bélgica, Finlândia, Indonésia, Irlanda, Malásia, Nova Zelândia, Nigéria, Filipinas, África do Sul e Venezuela Leia a história do Volkswagen mais famoso do mundo

Vários modelo muito bons

Sucesso em todo mundo

E o conversível alemão que veio dos Estados Unidos

Em 1957 o primeiro Volkswagen brasileiro chegava as ruas. Era o utilitário Kombi (Saiba mais)

Detalhes bonitos. Ótima caixa de ferramentas

Os Familiares

O primeiro foi o VW 1600 quatro portas. Depois a Variant, TL…Conheça a história do Typ 3

Outra bela

O sedã 1600 quatro portas

O primeiro esportivo foi o Karmann-Ghia Saiba mais sobre este belo

E depois o TC Conheça

Em 1980 chegava a linha Gol com motor dianteiro arrefecido a ar

Depois veio a Saveiro, Voyage e Parati. Conheça esta linha de sucesso

Com motor VW traseiro arrefecido a ar. O Famoso Puma GT

Outro belo exemplar. Conheça a história do Puma


Membros da organização com um side car e motocicleta Harley-Davidson. Jeferson Rios, German Bauer e Rodolfo Mallard.


Um Ford Mustang Ghia fase II

Um Datsun 1600

Um BMW Geração E36

Um Chevrolet Impala da nona geração 2006–2016


Agradecimentos ao MOVA (Museu de Objetos e Veículos Antigos) na pessoa do Amigo Jeferson Rios que vem atuando na Liberação do Espaço no bairro da Savassi aos Domingos para os Encontros de Carros Antigos. Agora os Carros Antigos estão no Lugar Nobre. Merecem e fazendo parte da História de Belo Horizonte, Minas Gerais.


Texto, fotos e montagem Francis Castaings                                

© Copyright – Site https://site.retroauto.com.br – Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução de conteúdo do site sem autorização seja de fotos ou textos.

Acesse o site Retroauto na versão anterior

Volte a página principal do site