Stock Car: Domingo no Velopark com corridas emocionantes no molhado e vitórias de di Mauro e Baptista

Stock Car: Domingo no Velopark com corridas emocionantes no molhado e vitórias de di Mauro e Baptista

Pista molhada e fria trouxe uma mistura de estratégias, mas também vários incidentes e intervenções do carro de segurança. Gaetano di Mauro (abaixo) conquistou sua primeira vitória na Stock Car e Bruno Baptista (acima), seu terceiro triunfo.

– Declarações dos pilotos vencedores e resultados extra-oficiais ao final do texto;

– Primeira metade da temporada se encerra com novo dono da liderança da tabela: Daniel Serra volta a superar Gabriel Casagrande e abre nove pontos à frente;

Próxima etapa acontece em Interlagos no dia 31 de julho.

O sábado de temperaturas agradáveis e tempo aberto deu lugar a um domingo que começou chuvoso e com temperatura na casa dos 13 graus no circuito do Velopark, em Nova Santa Rita (RS), para a disputa da sexta etapa da temporada 2022 da Stock Car Pro Series. Depois das vitórias de Gabriel Casagrande e Nelsinho Piquet (abaixo) no sábado (2), neste domingo (3) o lugar mais alto do pódio foi ocupado por Gaetano di Mauro na corrida 1 e por Bruno Baptista na corrida 2.

A classificação para definição do grid de largada aconteceu com pista molhada e pole position de Marcos Gomes. A chuva parou por volta do meio-dia, mas mesmo assim todos os carros largaram com pneus de chuva e em fila indiana atrás do carro de segurança.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Stock-Car-Velopark-junho-2022-14.jpg

Já na largada, o carro do pole Gomes parou com problemas e o segundo colocado Felipe Baptista assumiu a ponta com Felipe Massa em segundo. Já na primeira intervenção do safety car, com a pista começando a secar, vários pilotos que estavam na metade de trás do pelotão fizeram um pit stop para colocarem pneus de pista seca – ainda assim teriam de cumprir a parada obrigatória entre as voltas 13 e 17.

No total, foram quatro intervenções do carro de segurança para a retirada de carros acidentados ou quebrados na pista, e no final Gaetano di Mauro, que completou 25 anos na última sexta-feira (1), conquistou de aniversário a sua primeira vitória na Stock Car Pro Series. Ele foi ladeado no pódio por Cesar Ramos (acima) e Matías Rossi – ambos também estiveram no pódio das corridas de sábado. Abaixo Felipe Mapenna

A inversão dos dez primeiros do grid colocou Galid Osman na ponta sendo perseguido por Ricardo Zonta abaixo

A prova foi recheada de disputas, ultrapassagens, e também de entradas do safety car – a exemplo da primeira prova, quatro vezes. Na frente, bela disputa pela liderança entre Bruno Baptista e o argentino Matías Rossi – ambos trocaram de posição três vezes na parte final da corrida. O safety car saiu para uma última volta de disputa, e Baptista, de 22 anos, segurou o argentino para vencer pela terceira vez na categoria. Dennis Navarro fechou o pódio. Abaixo Tuca Antoniazi

Entre os líderes da tabela, situações distintas. Se no sábado Gabriel Casagrande (abaixo) anotou uma vitória e conseguiu abrir uma vantagem de 18 pontos sobre Daniel Serra, no domingo muita coisa mudou.

Serra foi quarto na primeira corrida e 13º na segunda, enquanto o atual campeão abandonou a primeira prova após um toque e sequer largou para a segunda, não anotando nenhum ponto. Agora, o piloto da Eurofarma-RC retoma a ponta da tabela e com nove pontos sobre o competidor da A.Mattheis-Vogel (182 a 173).

Mas a abertura da segunda metade da temporada, no próximo dia 31 no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, poderá ser mais positiva para Casagrande: Daniel Serra não disputa a etapa por disputar, na Bélgica, as 24 Horas de Spa Francorchamps pelo time oficial da Ferrari. Seu substituto será o campeão de 2016, Felipe Fraga, que venceu neste domingo uma corrida do DTM (Campeonato Alemão de Turismo) no circuito de Norisring, na Alemanha.

A FRAS-LE e a FREMAX são as fornecedoras oficiais de pastilhas e discos de freio da categoria, respectivamente, e trabalham em conjunto com as todas as equipes do grid para assegurar o melhor desempenho, segurança, eficiência e confiabilidade. A Fremax é a fornecedora dos discos desde 2004 e a Fras-le, desde 2016.

Falem, pilotos! Abaixo Gaetano di Mauro, Cesar Ramos e Matías Rossi

“Viemos tentando entender qual era o cenário da corrida desde o começo. Começamos com uma classificação sensacional e a estratégia foi bem o que aconteceu, a gente tinha colocado em mente o que fazer antes de começar a prova, que era parar na primeira volta da janela e trocar todos os pneus. Fizemos a escolha certa, o time fez tudo super rápido para eu poder levar essa vitória. A gente sempre tenta esfriar os freios no momento que dá, porque quando a gente anda muito perto o freio acaba superaquecendo, então tem que manter resfriado para quando relargar estar com tudo preparado para a corrida”.

(Gaetano di Mauro, KTF Sports, Chevrolet Cruze #11), vencedor da Corrida 1

“A corrida 2 foi bem puxada. O Matias (Rossi, segundo colocado) não deu moleza em nenhum momento, mas fizemos uma boa corrida e jogamos limpo um com o outro. Foi uma disputa limpa e graças a Deus eu consegui essa vitória. Na questão dos freios, é o mais o feeling do piloto em ajustar o balanço e as barras nessas situações””.

(Bruno Baptista, RCM Motorsport, Toyota Corolla #44), vencedor da Corrida 2

Resultado – Corrida 1 (extra-oficial)

  • 1 Gaetano Di Mauro (KTF Sports/Chevrolet Cruze), 24 voltas em 31min16s468
  • 2 César Ramos (Ipiranga Racing/Toyota Corolla), a 3.435
  • 3 Matías Rossi (A.Mattheis-Vogel/Toyota Corolla), a 6.301
  • 4 Daniel Serra (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze), a 7.154
  • 5 Felipe Lapenna (Hot Car Competições/Chevrolet Cruze), a 8.209
  • 6 Bruno Baptista (RCM Motorsport/Toyota Corolla), 9.425
  • 7 Rafael Suzuki (Full Time Bassani/Toyota Corolla), 14.992
  • 8 Ricardo Maurício (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze), 15.329
  • 9 Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Toyota Corolla), 15.901
  • 10 Galid Osman (Shell V-Power/Chevrolet Cruze), 16.583

Resultado – Corrida 2 (extra-oficial)

  • 1 Bruno Baptista (RCM Motorsport/Toyota Corolla), 24 voltas em 31m18s750
  • 2 Matías Rossi (A.Mattheis-Vogel/Toyota Corolla), a 0.476
  • 3 Denis Navarro (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze), a 1.192
  • 4 Gaetano Di Mauro (KTF Sports/Chevrolet Cruze), a 2.073
  • 5 Galid Osman (Shell V-Power/Chevrolet Cruze), 2.664
  • 6 Guilherme Salas (KTF Racing/Chevrolet Cruze), 2.866
  • 7 Felipe Lapenna (Hot Car Competições/Chevrolet Cruze), a 4.813
  • 8 Rafael Suzuki (Full Time Bassani/Toyota Corolla), 5.289
  • 9 Sergio Jimenez (Scuderia Chiarelli/Toyota Corolla), 6.592
  • 10 Nelson Piquet Jr. (Motul TMG Racing/Toyota Corolla), 6.671

Classificação do campeonato após a 6ª Etapa (top10 extra-oficial):

1. Daniel Serra, 182 pontos

2. Gabriel Casagrande, 173

3. Rubens Barrichello, 148

4. Gaetano di Mauro, 147

5. Matías Rossi, 137

6. Bruno Baptista, 130

7. Cesar Ramos, 125

8. Rafael Suzuki, 116

9. Ricardo Zonta, 115

10. Guilherme Salas, 112

Sobre a FRAS-LE:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é fras_le_fremax_selo_fornecedor_oficial__template_-1.jpg

No mercado há mais de seis décadas e uma das cinco maiores fabricantes mundiais de materiais de fricção, a Fras-le, que faz parte das Empresas Randon, é uma marca reconhecida globalmente. Com mais de 12 mil referências nas marcas FRAS-LE & Lonaflex, a empresa coloca ao alcance do consumidor uma linha completa de produtos de fricção da mais alta qualidade, desenvolvidos e testados em seu Centro de Pesquisa e Desenvolvimento, um dos mais bem equipados do mundo, que conta com laboratórios químico, físico, piloto e o Centro Tecnológico Randon, um centro de testes por excelência.

A empresa expandiu seu portfólio com a aquisição, em 2012, da Controil, que fabrica componentes para freios e embreagens e polímeros automotivos. Em 2018, mais 2.500 referências com a marca FREMAX foram incorporadas ao mix de produtos da FRAS-LE, com a aquisição da empresa, que produz discos, tambores de freios e cubos de roda.

Desde 2016, a Fras-le é a fornecedora oficial das pastilhas de freio dos carros da Stock Car, Stock Light e Mercedes-Benz Challenge.  A FREMAX, desde 2004, também é a fornecedora oficial dos discos de freio da Stock Car, assim como das categorias Stock Light, Mercedes-Benz Challenge, Porsche GT3 Cup, Sprint Race e Old Stock

Recentemente, a FRAS-LE concluiu a aquisição da Nakata Automotiva que, dentre os principais itens estão amortecedores, terminais e barras de ligação e direção, pivô e bandejas de suspensão, juntas homocinéticas, componentes de eixos cardan e diferencial.


Os patrocinadores

Texto e fotos VICAR PROMOÇÕES DESPORTIVAS – Departamento de Comunicação – Assessoria de Imprensa – Rodolpho Siqueira/Bruno Vicaria/Leonardo Marson

Montagem: Francis Castaings

© Copyright – Site https://site.retroauto.com.br – Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução de conteúdo do site sem autorização seja de fotos ou textos.

Acesse o site Retroauto na versão anterior

Volte a página principal do site